A Câmara dos Vereadores de Cambé votou na noite desta segunda-feira (09) a criação da nova forma de cobrança da taxa de iluminação pública do município e que pode ainda culminar em aumento no tributo para a população cambeense. O projeto de lei foi enviado ao legislativo pelo prefeito José do Carmo e foi votado e aprovado pela segunda vez, agora segue para sanção do prefeito. A taxa pode ter reajustes de até 130% em imóveis destinados a atividades comerciais e industriais. Após ser sancionado pelo prefeito José do Carmo a nova tarifa deve ter validade a partir de janeiro de 2018.

A nova taxa será calculada com base no consumo de cada imóvel (residência, empresa ou indústria) e será calculada com base na taxa Unidade de Iluminação Pública (UIP), que é de R$ 48,20, calculado sobre o percentual que leva em consideração o consumo de cada imóvel.

Veja como votou cada vereador:
Vereadores que votaram contra o projeto:

Vereadores que foram favoráveis ao aumento de imposto (votaram a favor do projeto):

Vereadores ausentes na sessão: 

O vereador Zezinho da Ração presidente interino da Câmara não votou.

2 COMENTÁRIOS

  1. Aqui na rua São Paulo futebol clube tem umas luz com mais de um mês que está queimada e ninguém vem troca nas outras ruas próximas também
    Agora vem dizer que vai aumentar a taxa de iluminação rapaz que coisa em
    Tem que fazer por merecer

  2. Que ótimo vai aumentar o valor
    Mas vai melhorar o serviço de iluminação também.
    Porque aqui na Minha rua é uma bosta aqui na rua São Paulo futebol clube e um escuridão as luzes aqui parece uma lamparina isso ninguém vem ver .
    Mas vota para aumentar é mais fácil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.