Após 8 meses de preparação, 4 fases, chegou ao final a competição da Liga de Voleibol do Paraná – Região Norte, que contou com a participação de 33 equipes divididas em 3 categorias (sub-12, sub-14 e sub-16), masculino e feminino.

A participação das equipes do município de Cambé teve todo o apoio da Secretaria Municipal de Esportes que forneceu todo suporte para que cada atleta pudesse desenvolver suas potencialidades, ajudando a equipe durante a competição.

As equipes masculinas (sub-14 e sub-16) fizeram bons jogos durante a competição, mas devido ao nível técnico elevado das equipes, este ano não conseguira êxito para a etapa final. Segundo o professor Jefferson Del Fraro, “a imaturidade da equipe pesou bastante na competição, este é o preço do início de um trabalho com atletas mais jovens, pois eles necessitam de tempo para crescerem técnica e taticamente”.

Já as equipes femininas (sub-12, sub-14 e sub-16) tiveram um desempenho muito bom, fruto do trabalho e dedicação delas e dos professores envolvidos no processo de formação técnica e tática desses grupos.

Para o professor Rodrigo Mendes, as equipes femininas conseguem obter resultados mais expressivos devido ao grande número de atletas envolvidas na base de formação do Projeto Cambé-Vôlei. Isso faz com que mais atletas habilidosas comecem a competir dentro do próprio grupo, fazendo com que naturalmente haja mais disputas para o mesmo espaço na equipe.

Nos jogos finais da Liga de Voleibol do Paraná-Norte, a equipe feminina sub-12 fez uma boa campanha terminando a competição na 3º colocação, fato este gerado pela suspensão das atletas em uma etapa, por estarem com as médias escolares abaixo do estipulado pelo projeto.

“Nós não priorizamos somente a competição ou treinamento, entendemos que a formação educacional de cada atleta do Projeto Cambé-Vôlei é prioridade: primeiro a escola, depois o vôlei, e isso tem produzido bons resultados dentro e fora da quadra”, enfatizou o professor Mazzola.

A equipe sub-14 feminina de Cambé teve um desempenho ótimo durante a competição, terminando invicta, e com o título de Campeã Geral 2012, apesar da idade, as meninas tem entre 3 e 4 anos de trabalho no voleibol, isso faz com que o grupo produza melhor em competições.

Já a equipe sub-16, também teve um desempenho excelente durante a competição, chegando à fase final invicta, mas tínhamos à frente a fortíssima equipe de Rolândia, atual campeã dos Jogos da Juventude – 2012.

O jogo da final entre Cambé e Rolândia foi daqueles jogos para ficar na memória, com lances polêmicos, erros de arbitragem, ataques, defesas e muita tensão das equipes e torcida.

Cambé vence o primeiro set de forma brilhante, mas cai de rendimento no segundo set, permitindo o empate de Rolândia, e aí o jogo vai para o tie break, onde simplesmente saímos perdendo por 6×0, e com muita determinação equilibramos o jogo, e chegamos aos incríveis 15 a 15, até a finalização do jogo com a vitória de Rolândia por 17 a 15.
Apesar da derrota e das lágrimas, a equipe foi guerreira, superou-se os próprios erros e ficou com o merecido vice-campeonato, que foi muito valorizado por todos, devido à brilhante campanha e pela doação no jogo decisivo.

Para o professor Mazzola, “a linha tênue que separa vitoriosos e derrotados no vôlei é de apenas 2 pontos, mas temos que aplaudir e parabenizar a dedicação dessas meninas que estão jogando, sendo orgulho nosso e do município de Cambé”.

Agora os grupos estão passando por novas composições, visando o ano de 2013, e com certeza teremos bons resultados dentro e fora das quadras, pois o objetivo é formar grandes equipes, mas também formas grandes cidadãs de bem para nossa sociedade.

 

Fonte: SEME-Cambé

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

1 Comentário

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.