CAPSi expõe mostra em celebração ao Dia Nacional de Luta Antimanicomial

111

capsi2O Centro de Atenção Psicossocial para a Infância (CAPSi) realiza uma mostra com desenhos dos seus usuários e fotos para a conscientização e celebração do Dia Nacional da Luta Antimanicomial. A exposição busca chamar atenção da população e combater a exclusão social, o preconceito e a discriminação de pessoas com sintomas de transtornos psiquiátricos. A exibição montada por toda a equipe do CAPSi pode ser conferida na Câmara dos Vereadores de Cambé, na Prefeitura e na Secretaria Municipal de Saúde.

Segundo Liseux Petrassi, coordenadora do CAPSi, a exposição mostra o contraste dos atendimentos realizados hoje com os métodos utilizados até pouco tempo atrás. “A mostra é uma forma de evidenciar as diferenças dos atendimentos nos moldes atuais com um passado recente de aprisionamento e tratamento desumano que não tinha como objetivo a reinserção social e nem a estabilidade emocional, mais sim era pautada por um preconceito que cercavam e ainda cerca a doença mental”, explica a coordenadora.
O Dia Nacional da Luta Antimanicomial. surgiu em 18 de Maio de 1987, no Congresso de Trabalhadores de Saúde Mental em Bauru-SP. O movimento tem como meta o fechamento dos manicômios do País e a promoção de uma cultura de tratamento, de convivência e de tolerância, dentro da sociedade, para as pessoas em sofrimento psíquico.
Liseux explica que o movimento da Luta Antimanicomial tem o objetivo de conscientizar e lembrar que todo cidadão tem direito à liberdade, de receber cuidado e tratamento digno, sempre com respeito a subjetividade de cada indivíduo. “A Luta Antimanicomial revela um modo político peculiar de organização da sociedade em prol de uma causa: uma sociedade sem manicômios”, pondera ela.


Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *