uel020213Os três deputados federais de Londrina, Alex Canziani, André Vargas e Luiz Carlos Hauly (licenciado) estiveram na manhã deste sábado, 02/02, na Universidade Estadual de Londrina, onde participaram juntamente com a reitora Nádina Moreno, da assinatura do convênio para a construção da nova biblioteca da UEL, que estará localizada ao lado do Restaurante Universitário, no campus.

A primeira etapa da obra, que deve ter início ainda neste primeiro semestre, terá 12 mil metros quadrados em quatro andares, com anfiteatro com cerca de 300 lugares, além de espaços destinados a apresentações culturais, será edificada com emenda dos três parlamentares. Eles abriram mão de emendas individuais no valor de R$ 2 milhões cada uma para apresentarem uma só emenda no valor de R$ 6,1 mil para a Universidade Estadual de Londrina. O governo do Estado também entrará com R$ 6 milhões para a obra, mas o custo total de todo complexo, que será feito por etapas, é de R$ 18 milhões.

Esta atitude foi bastante elogiada pela reitora e o prefeito de Londrina, Alexandre Kireeff, que participou do primeiro evento público desde que assumiu a Prefeitura de Londrina e se mostrou bastante entusiasmado com o novo cargo.
A atual biblioteca do campus da UEL existe há 30 anos e foi construída para ser ampliada em 10 anos, mas somente agora foi possível a obra e graças à atitude dos deputados. “Toda emenda se reverte em benefício para toda a sociedade. Agradeço ao altruísmo dos deputados que transformaram a emenda em uma só. Este é o início de um nome momento para a universidade, que já conta com 21 mil alunos”, declara a reitora.

André Vargas, que deve ser eleito vice-presidente da Câmara na próxima segunda, destacou que era comum ver outras bancadas, como a do Nordeste, por exemplo, trabalharem em conjunto, mas não os paranaenses. Segundo ele, os deputados de Londrina então resolveram trabalhar juntos e já são cinco grandes projetos para Londrina: o teatro municipal, o novo prédio da Santa Casa, três novos cursos de engenharia que estão sendo criados na UTFPR, a nova sede do Instituto Federal e viadutos para a cidade, nos quais eles estão trabalhando no projeto. “Nos juntamos para realizar um sonho da comunidade universitária de toda região. Isso ajuda e potencializa nossa cidade, o Paraná e o Brasil. O ensino superior também é obrigação constitucional do Governo Federal, por isso ele investe numa universidade estadual. Londrina tem que ser vista como a locomotiva do Norte do Paraná e o caminho é através da ciência e tecnologia”, opina.

Também estavam presentes no evento os deputados estaduais Gilberto Martin e Tercílio Turini, o vereador professor Fabinho e Maria Elisabete Catarino, diretoria da biblioteca, além de diretores de centro e pró-reitores.

[jwplayer config=”Out-of-the-Box_copy” mediaid=”26890″]

 

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.