Com investimento de mais de 3 milhões de reais, repassados pelo Governo do Estado, a estrada totalmente pavimentada vai garantir aos usuários do trecho mais segurança para trafegar com seus veículos, além de valorizar a região.

Prefeitura de Cambé e o Governo do Estado firmaram um covênio para a recuperação total da estrada do Bratislava/Caramuru. A assinatura foi realizada na última segunda-feira (18), entre o secretário José Richa Filho e o prefeito José do Carmo Garcia, e contou com a presença do deputado estadual Tiago Amaral.

O investimento da recuperação da estrada é de aproximadamente R$ 3.200.000,00. De acordo com o Secretário Municipal de Planejamento, Mário Vander, o processo de licitação começa já no início de 2018.

A região do Caramuru tem mais de 70 anos. De acordo com a presidente da associação dos moradores e agricultores do Caramuru, Amanda Mologni, a reivindicação para recuperação da estrada é antiga. “O trecho entre o Bratislava e o Caramuru foi construído na época do ex-governador Jaime Lerner, e nunca teve nenhum tipo de recuperação depois disso. Hoje ela está em ruínas”, disse Mologni.

Ela também explicou que a recuperação da estrada trará vários benefícios à região. “A recuperação vai trazer segurança aos moradores, produtores rurais, turistas e ciclistas da nossa região”, afirmou.

Segundo o prefeito José do Carmo, com as estradas recuperadas, a segurança do tráfego na região vai melhorar. “Da forma como está são inúmeros acidentes que acontecem ali. Uma estrada bem pavimentada e sinalizada garante a segurança dos usuários, que utilizam para ir e voltar do trabalho ou dos estudos, principalmente à noite”, explicou o prefeito.

Além disso, José do Carmo disse ainda que, para 2018, haverá licitação para recuperação do trevo da avenida Brasil que dá acesso àquelas comunidades. Outros recursos também estão sendo buscados para a recuperação da estrada do KM 12 até à Prata.

Passarela na PR-445

Outro investimento do Governo do Estado é a construção de passarelas na PR-445, que soma quase R$ 1,9 milhão. A assinatura da ordem de serviço foi na segunda-feira (18). As obras começam no início de janeiro, e o prazo de conclusão é de seis meses. Serão três passarelas: uma em Cambé, próxima ao Supermercado Tonhão, e duas em Londrina – uma próxima ao IAPAR, e outra em frente ao terminal do Acapulco.

A construção dessas passarelas são obras de extrema importância para Cambé e Londrina, uma vez que devido ao tráfego de carros na rodovia estava colocando em risco a vida dos moradores da região que precisavam fazer a travessia”, disse o deputado federal, Thiago Amaral.

Fonte: PMC

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.