Estado reforça segurança na região de Londrina com novas viaturas e policiais

110
Evento de formatura dos novos 106 policiais em Londrina. Londrina, 01/03/2013 Foto: Arnaldo Alves / ANPr

Evento de formatura dos novos 106 policiais em Londrina. Londrina, 01/03/2013 Foto: Arnaldo Alves / ANPr

O governador Beto Richa entregou nesta sexta-feira (1º), em Londrina, mais 20 viaturas policiais para aumentar a frota e reforçar a segurança no município e região. Os veículos fazem parte do lote de 1.470 viaturas que o governo estadual adquiriu para reequipar as polícias Civil e Militar em todo o Paraná. A entrega foi feita no 5º Batalhão da Polícia Militar (BPM) durante solenidade de formatura de 149 novos policiais.

Por serem totalmente equipadas com tecnologia embarcada, as viaturas darão suporte para atuação policial na região de Londrina. “Essas viaturas vão se somar às outras nove que já atuam aqui. Com isso, Londrina terá um reforço significativo de veículos para as forças policiais”, afirmou o governador.

O governador informou que Londrina teve uma redução de 43% no número de homicídios. “É a prova de que nossos investimentos na segurança já estão dando resultado”, disse. Ele lembrou que todas as regiões do Estado estão recebendo novas viaturas e equipamentos para atuarem fortemente contra a criminalidade”, disse.

O prefeito de Londrina, Alexandre Kireeff, agradeceu os investimentos na segurança do município e lembrou que, semana passada, a cidade também ganhou reforços nas áreas de saúde e educação. “Tivemos o prazer, na última semana, de receber investimentos nessas áreas e, agora, também na segurança. Londrina é muito agradecida pelo momento que vive. São investimentos que se refletem diretamente na qualidade de vida da nossa população”, destacou.

De acordo com o secretário da Segurança Pública, Cid Vasques, a ação é mais um passo no sentido de trazer uma segurança de qualidade para o Paraná. “A frota das nossas polícias estava muito precária. Com esses veículos garantimos uma melhor mobilidade no combate ao crime”, ressaltou.

MAIS POLICIAIS – Dos 149 soldados formados na solenidade em Londrina, 106 completaram o curso na Escola Militar do 5º BPM e, os demais 43, em Rolândia. Londrina não foi a única cidade a realizar uma solenidade de formatura nesta sexta-feira. Na região, competente ao 2º Comando Regional da PM (CRPM) formaram-se 261 novos policiais.

Em outros municípios – como Curitiba, onde o governador participou da formatura de 931 policiais pela manhã – foram realizados eventos de conclusão de curso da PM. No total, o Estado terá um reforço de 1.878 policiais oriundos de concurso público – realizado em 2009 e prorrogado em 2012 – para a maior contratação de policiais do Paraná.

O governador lembrou que, na semana passada, a Secretaria de Estado da Segurança realizou concurso público para contratar mais 5.246 novos soldados (4.445 PMs e 819 bombeiros), que teve concorrência de aproximadamente 24 candidatos por vaga.

“O soldado hoje do Paraná recebe o maior salário do Brasil (com exceção de Brasília, que conta com apoio financeiro direto da União). Com essas viaturas, equipamentos e a valorização que têm, nossos policiais podem combater de forma efetiva a criminalidade”, disse Richa.

Cid Vasques enfatizou a formação cidadã dos novos policiais. “Tenho plena convicção que esses novos policiais, além da natural motivação, são movidos por um propósito que foi adotado como diretriz do nosso governo: o serviço cidadão. Uma polícia cidadã, que sabe respeitar os direitos e os verdadeiros valores do povo”, afirmou.

Para o Coronel César Kogut, comandante do 2º CRPM, as viaturas e os novos policiais vêm em boa hora para reforçar ainda mais a segurança na região. “Esse reforço vai fazer uma diferença muito grande e esperamos atender a comunidade de uma maneira ainda melhor”, falou.

GASODUTO – Ainda em Londrina, o governador Beto Richa visitou as obras da rede de distribuição de gás natural que a Compagas constrói no municipio. Serão 6,5 quilômetros de rede para atender a região industrial de Londrina e Cambé. O investimento previsto é de aproximadamente R$ 7,2 milhões. A Unidade Autônoma de Gás Natural (UAG) de Londrina terá capacidade pra distribuir até 10 milhões de metros cúbicos por ano.

“É uma importante contribuição do Estado para a atração de investimentos e geração de empregos para a região”, disse o governador. Ele ressaltou que normalmente as indústrias buscam se instalar em áreas com melhor infraestrutura e logística, incluindo a geração de energia a custo competitivo. “É nosso papel induzir o desenvolvimento regional e estimular a descentralização dos investimentos”, completou.

“Pelo programa Paraná Competitivo pudemos observar que as indústrias buscam a melhor logística, e o acesso à rede de gás é muito importante na decisão da empresa quanto à sua instalação”, informou Luciano Pizzatto, diretor-presidente da Compagas.

“Com esse gasoduto, temos a certeza que o desenvolvimento econômico realmente venha acontecer em nossa cidade”, comemorou o prefeito do município, Alexandre Kireeff.

Acompanharam as visitas do governador o chefe da Casa Militar, coronel Adilson Castilho Casitas, o secretário da Fazenda, Luiz Carlos Hauly, deputados estaduais, prefeitos, e demais autoridades.

materia



Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *