O Calçadão do centro de Cambé recebe a Exposição Fotográfica “Mãos à obra, Mão à Luta” da fotógrafa Gisele Cabrera que homenageia os trabalhadores. A exposição realizada pelo Centro Cultural de Cambé, através da Biblioteca Municipal e do Museu Histórico, faz parte das comemorações do dia do trabalhador. São 52 imagens retratando as mãos dos trabalhadores de diversas atividades no cotidiano de suas profissões.
De acordo com a autora, a ideia é buscar a valorização e a humanização do trabalho em si. “Ao recortar a fotografia apenas nas mãos do trabalhador, o objetivo foi de evidenciar e até mesmo lembrar do lado mais humano do trabalho. Quando pensamos em emprego, profissão, trabalho lembramos dos números, do salário, do produto, das máquinas, dos instrumentos, etc., ou seja, lembramos da cadeia produtiva mas esquecemos do elemento primordial dessa cadeia, o ser humano”, defende a fotógrafa. “As mãos retratadas na exposição servem para mostrar que a energia que move toda a cadeia produtiva é a ação do homem comum, do trabalhador. As mãos aos mesmo tempo que funcionam como um elemento unificador numa sociedade instrumentalista também serve de símbolo da luta pela humanização das relações de trabalho e pela valorização da força de trabalho. Vivemos um momento de amplo debate sobre o regime trabalhista e essa exposição busca mostrar que qualquer reforma ou alteração na legislação sempre tem que se focar no lado humano, no trabalhador”, explica Gisele Cabrera.
A Exposição “Mãos à Obra, Mão à Luta” fica até o fim do mês no Calçadão de Cambé.

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.