Governo atinge R$ 500 milhões em obras de infraestrutura nas cidades

68

O Governo do Estado, por meio da Secretaria do Desenvolvimento Urbano (Sedu), alcançou o montante de R$ 500 milhões em recursos liberados para obras de infraestrutura urbana e equipamentos para municípios paranaenses. São recursos destinados a pavimentação asfáltica e construção de escolas, postos de saúde, hospitais, creches e barracões industriais, entre outras obras.

“As liberações seguem a orientação do governador Beto Richa, de atender todos os municípios, indistintamente, o que inclui prefeitos de todos os partidos”, disse o secretário do Desenvolvimento Urbano, Cezar Silvestri.

Só para recapear ruas e avenidas, a Sedu liberou, a fundo perdido, R$ 83 milhões para 312 municípios. Os recursos são do Programa de Recuperação Asfáltica (Recap) e do Programa de Auxílio aos Municípios (PAM). Somado à quantidade de recursos financiados por meio do Paranacidade para pavimentação asfáltica, foram liberados recursos suficientes para pavimentar 1.255 quilômetros de ruas.

Os recursos para o financiamento de equipamentos rodoviários atenderam 52 municípios: 36 por meio de uma parceria com o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), num montante de R$ 21 milhões, e outros 16 atendidos com recursos da Agência de Fomento do Paraná S/A, por meio do Promap (Programa de Aquisição de Máquinas para os Municípios), com a liberação de R$ 6 milhões em financiamento.

Em parceria com a Secretaria da Família e Desenvolvimento Social, 38 Centros de Referência de Assistência Social e 28 Centros da Juventude foram construídos e supervisionados. Com a Secretaria da Saúde, foram entregues 83 Unidades de Atenção Primária à Saúde da Família. No campo da educação, 23 novas escolas municipais foram acompanhadas e finalizadas em parceria com a Secretaria da Educação,

OBRAS – As obras financiadas pela Sedu/Paranacidade, com recursos do Fundo de Desenvolvimento Urbano, têm como agente financeiro a Fomento Paraná, e são bem variadas. Na relação dos investimentos, estão obras de infraestrutura – como escolas, postos de saúde, hospitais, creches, praças, terminais rodoviários, paços municipais –, barracões industriais e revitalização de avenidas.

Grande parte recursos é destinada para pavimentação asfáltica. “A pavimentação é um sinal de desenvolvimento. Somente quem mora em lugares que não possuem ruas asfaltadas sabe como é importante”, afirma o secretário.

QUALIDADE – De acordo com Silvestri, a liberação dos recursos é acompanhada da preocupação com a qualidade dos serviços prestados. “Estamos eliminando as burocracias desnecessárias. Também trabalhamos junto aos prefeitos para que os projetos sejam feitos da melhor forma possível e com agilidade, orientando-os e exigindo que sigam uma série de requisitos em busca da melhor obra possível”, afirma.

Para os próximos dois anos, a Sedu planeja duplicar o volume de recursos disponíveis para os municípios paranaenses, chegando à marca de R$ 1 bilhão. O objetivo é sanar o problema da defasagem entre o volume de recursos disponíveis e a demanda cada vez maior por financiamentos.

“Estamos trabalhando de forma muito intensa para disponibilizar esses recursos aos municípios. Se tudo correr bem, e eu acredito que isso acontecerá, iremos bater todos os recordes de financiamento de obras de infraestrutura urbana para os municípios paranaenses”, disse o secretário.



Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *