Homem é preso acusado de estuprar netas da companheira em Apucarana

6988
Delegada e investigadoras apresentam o caso à imprensa (Foto: Sílvia Vilarinho/Rede Massa)

Delegada e investigadoras apresentam o caso à imprensa (Foto: Sílvia Vilarinho/Rede Massa)

A delegada da Mulher de Apucarana (a 63 quilômetros de Maringá), Luana Lopes, apresentou um senhor de 58 anos, acusado de abusar sexualmente das duas netas de sua companheira. Com uma das crianças, houve conjunção carnal, enquanto a outra sofreu atos libidinosos.

Os abusos teriam acontecido há três anos, quando as primas tinham dez anos. Passados três anos, elas não aguentavam mais serem assediadas pelo companheiro da avó e decidiram contar para um tia, que viu as duas chorando.

As garotas foram encaminhadas para exames no Instituto Médico-Legal (IML), que constatou conjunção carnal em uma delas, com uma cicatriz antiga, que prova a tese do estupro.

O homem de 58 anos nega as acusações e se mostra confuso nas respostas. A delegada Luana Lopes acredita que é uma estratégia do preso, que trabalha como pintor. Ele vai responder por estupro de vulnerável.

Fonte: MassaNews



Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *