Manchete dos Jornais desta quinta-feira, 10 de dezembro de 2015
Postado por: Equipe Portal Cambé Em 10th dezembro 2015

Cunha manobra, tira relator e atrasa processo de cassação
Líder do Conselho de Ética diz que vai ‘até o papa’ para afastar presidente da Câmara
O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), voltou a manobrar e conseguiu adiar mais uma vez o andamento do rito que pede a cassação de seu mandato.
CRISE POLÍTICA
As duas faces de Michel Temer


O Globo

Manchete : Conselho propõe destituir Cunha para conseguir julgá-lo
Decisão foi tomada depois de sexto adiamento de sessão
Uma série de recursos regimentais resultou ontem na troca do relator do processo de cassação do presidente da Câmara; partidos também recorrem ao STF para tirá-lo do cargo
Depois de um festival de manobras que levou ao sexto adiamento da sessão que decidiria pela abertura ou não de seu processo de cassação, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, passou a ser alvo dos colegas. Integrantes do comando do Conselho de Ética apresentaram projeto que pede o afastamento cautelar de Cunha da presidência enquanto o processo por quebra de decoro tramitar na Câmara. Os parlamentares o acusam de interferência na condução do caso. Com argumentos semelhantes, PSOL e Rede recorreram ao STF pedindo que Cunha deixe o cargo. Advogados do deputado se anteciparam e apresentaram ao Supremo sua defesa. O rito para a cassação foi reiniciado ontem, com a escolha de um novo relator. (Págs. 3 e 4)

Justiça quebra sigilos de filho de Lula e de ex-ministro (Pág. 11)

Para escapar da PF, até dinheiro é jogado da janela (Pág. 11)

Contra corrupção, 900 mil assinaturas (Pág. 10)

STF será guardião do impeachment, diz Fachin
A liminar do ministro do STF Edson Fachin que paralisou o processo de impeachment, concedida anteontem, foi negociada com seus pares do tribunal, revela JOSÉ CASADO. Ontem, Fachin disse que o tribunal definirá todo o rito do impeachment. “Eu vou propor um rito que vai do começo ao final do julgamento, no Senado”, disse, argumentando que o STF é o “guardião do procedimento”. Na sessão da próxima quarta-feira, está previsto que algum ministro peça vista do processo. Caso isso se confirme, o desfecho do julgamento será empurrado para depois do recesso judiciário e parlamentar, em fevereiro. O vice-presidente Michel Temer classificou de “legítima” a decisão da Câmara de escolher uma comissão do impeachment de oposição. Artistas se dividem sobre tom de manifesto sobre o impeachment. (Págs. 5 e 6)

Recesso favorece oposição
ENTREVISTA/NELSON JOBIM
Com o recesso, os deputados voltarão “com a faca nos dentes” em favor do impeachment, diz o ex-ministro da Justiça e do STF Nelson Jobim a JORGE BASTOS MORENO. Para ele, a suspensão do processo criou um problema político para o governo Dilma. (Pág. 5)

Governo e prefeitura do Rio fazem reforma para retomar liderança do PMDB
Troca-troca partidário e liberação de secretários com mandato tentam criar maioria pró-Leonardo Picciani. (Pág. 10)

Inflação supera 10% e se espalha
O IPCA, índice usado nas metas de inflação, subiu 1,01% em novembro e, em 12 meses, chegou a 10,48%. Foi a primeira vez, desde 2003, que a inflação superou 10%, elevando o risco de indexação, alertam analistas. As altas foram generalizadas: 78% dos produtos pesquisados pelo IBGE subiram. (Pág. 23)

Moody’s piora análise do Brasil
Citando o início do processo de impeachment, a agência de classificação de risco Moody’s colocou o Brasil sob “perspectiva negativa”. Ou seja, o país poderá perder o selo de bom pagador a qualquer momento. (Pág. 27)

Zika tem relação com Guillain-Barré
O Ministério da Saúde confirma a relação entre o vírus e a síndrome que causa paralisia muscular. Casos aumentaram em estados atingidos pelo zika. (Pág. 28)

Míriam Leitão – Microcefalia é uma tragédia que supera as outras crises. (Pág. 24)

Sangria nos cofres do Rio – Oito presos por fraude na saúde
Oito pessoas ligadas à gestão de dois hospitais da prefeitura foram presas pelo desvio de R$ 48 milhões. Com elas, foram apreendidos sete carros de luxo e R$ 1,5 milhão. (Págs, 12 e 13)

Brasil barato
Petrobras vende campos – Para fazer caixa, a estatal incluiu dois campos que estão na lista dos 20 maiores produtores de petróleo do país na lista de ativos à venda (Pág. 26)
BTG aceita ‘descontos’ – Em crise, o banco BTG pode vender sua fatia na rede de estacionamentos Estapar com redução de até 40% no valor. (Pág. 27)


O Estado de S. Paulo

Manchete : Após manobra e troca de relator, conselho quer afastar Cunha
Argumento é de que presidente da Câmara usa cargo em benefício próprio; com ajuda de aliados, peemedebista atrasou mais uma vez processo contra ele
Em nova série de manobras para atrasar processo que pode resultar na sua cassação, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), conseguiu ontem não só impedir pela 6.ª vez votação do parecer pela continuidade da ação no Conselho de Ética como destituir o relator Fausto Pinato (PRB-SP). Para tanto, teve ajuda do primeiro- vice-presidente da Casa, Waldir Maranhão (PP-MA), também alvo da Operação Lava Jato. A cúpula do Conselho de Ética prepara para hoje recurso pela revogação do ato de Maranhão, com argumento de que Cunha usa o cargo em benefício próprio. Também votará projeto de resolução que pede afastamento do presidente. Se aprovado no conselho, vai a plenário. Ainda não descarta recorrer ao STF. “Se eu puder ir ao papa para afastar Cunha, eu vou”, avisou o chefe do conselho, José Carlos Araújo (PSD-BA). O novo relator é Marcos Rogério (PDT-RO), que já declarou voto pela continuidade do processo, mas ontem votou por adiar votação contra Cunha. (Política/A4)

Pedidos a favor e contra
Eduardo Cunha apresentou petição ao STF para tentar impedir seu afastamento pela Procuradoria-Geral da República. Já PSOL e Rede protocolaram na PGR pedido para afastá-lo. (A4)

Dilma e Temer se encontram e acertam relação ‘profícua e fértil’
A presidente Dilma Rousseff e o vice Michel Temer anunciaram ontem, após reunião no Planalto, que vão manter uma relação “fértil” e “profícua”, tanto pessoal quanto institucionalmente. Foi o primeiro encontro dos dois depois da carta enviada por Temer na segunda-feira, na qual se diz “menosprezado” pelo governo. No diálogo de 50 minutos, Dilma fez uma espécie de mea-culpa, afirmou estar disposta a corrigir falhas e a melhorar relação com ele e o PMDB. (Política/A5)

PMDB troca líder na Câmara
Aliado do Planalto, Leonardo Picciani (RJ) foi substituído por Leonardo Quintão (MG). O vice Michel Temer avalizou a troca. Seu grupo participou ativamente
das articulações. (A6)

Inflação alcança dois dígitos pela 1ª vez em 12 anos
O IPCA alcançou 1,01% em novembro, índice mais alto para o mês desde 2002. A inflação acumulada em 12 meses saltou para 10,48%, superando pela primeira vez em 12 anos os dois dígitos. Reajuste da gasolina e da energia pesaram mais. Houve pressão também da valorização do dólar e do impacto causado pelo excesso de chuva sobre os preços dos alimentos. (Economia/B3)

Justiça quebra sigilos de filho do ex-presidente Lula
A Justiça autorizou quebra dos sigilos bancário e fiscal de Luís Cláudio Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula, e de sua empresa, a LFT Marketing Esportivo. A decisão também alcança o ex-ministro Gilberto Carvalho e outros investigados na Operação Zelotes. (Política/A11)
PF apura corrupção na estatal Hemobrás

A Justiça mandou afastar Mozart Sales de diretoria da Hemobrás. Durante operação da PF no prédio de Rômulo Maciel Filho, presidente da estatal, dinheiro voou pela janela. (Metrópole/A19)

Moody’s ameaça tirar do País grau de investimento
A agência de classificação de risco Moody’s colocou a nota do Brasil – hoje no nível Baa3, último do grau de investimento – em revisão para rebaixamento. Em até três meses, a agência decidirá se o País irá para o grau especulativo. (Economia/B1)

Ministro admite falha no combate ao ‘Aedes’ (Metrópole/A20)

Protesto acaba em confronto no centro
Black blocs entraram em confronto com a PM ontem à noite na Praça da República, após protesto contra a reorganização escolar, já revogada pelo governo Geraldo Alckmin. Ao menos 13 pessoas ficaram feridas – incluindo 8 PMs – e 10 foram detidas. Manifestantes buscaram abrigo num teatro, que foi invadido pela PM. Mascarados montaram barricadas, apedrejaram veículos e depredaram lixeiras, orelhões e agência bancária. (Metrópole/A18)

José Serra
Uma escolha e duas tragédias – O lulopetismo naufragou. Estamos na transição para outro ciclo político e vivemos, por isso, o pior dos mundos: o velho se foi, o novo ainda não surgiu (espaço Aberto/A2)

Eugênio Bucci
A carta vazada – O protagonismo de um governo não cabe ao vice, mas ao titular. Salta do texto o desejo inconfesso de inverter as posições. (Espaço Aberto/A2)

Notas&Informações
A grande obra de Dilma – Depois do pior resultado da economia desde 1990, presidente produz maior inflação em 12 anos (A3)

Espetáculo deprimente – País perde com a deprimente falta de civilidade protagonizada por deputados no plenário da Câmara. (A3)


Gazeta do Povo

Manchete: 10,5% O preço da crise
Os reajustes dos combustíveis e da energia elétrica pesaram mais no bolso do consumidor em novembro. Houve pressão também da valorização do dólar e dos estragos causados pela chuva sobre os preços dos alimentos. Mas os aumentos foram disseminados. O índice de difusão, que indica o porcentual de itens com aumento de preços, alcançou 76,9%, resultado recorde para o mês.

CRISE POLÍTICA
As duas faces de Michel Temer
SUPREMO
Fachin, do STF, vai propor regras para a tramitação do impeachment
PEDALADAS
Relator do TCU nega recurso do governo em análise das pedaladas fiscais
CONSELHO DE ÉTICA
Após manobra, processo contra Cunha no Conselho de Ética volta à estaca zero
CONSELHO DE ÉTICA
Cúpula do Conselho de Ética prepara ação para afastar Cunha da presidência
CURITIBA
‘Operação tartaruga’ termina e Câmara de Curitiba aprova LOA de 2016
LAVA JATO
Dirceu nega à Justiça ‘atos ilícitos’ após sua condenação no mensalão
ZELOTES
Justiça quebra sigilo de empresa de filho de Lula e de Gilberto Carvalho
JUDICIÁRIO
Julgamento da liberdade de Odebrecht põe Lava Jato em encruzilhada
LAVA JATO
Relator do habeas corpus de Odebrecht no STJ é citado em gravação de Delcídio


Zero Hora

Manchete : Conselho adia votação sobre Cunha pela 6a. vez
Nova rodada de manobras impediu votação de parecer sobre processo que pode levar à cassação do presidente da Câmara. Comando da comissão vai propor afastamento preliminar até final do caso Inflação sobe e vai a 10,48% em 12 meses

Taxa acumulada é a maior desde 2002. Alta de preços deve continuar, projetam economistas


Folha de S. Paulo

Manchete : Cunha manobra, tira relator e atrasa processo de cassação
Líder do Conselho de Ética diz que vai ‘até o papa’ para afastar presidente da Câmara
O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), voltou a manobrar e conseguiu adiar mais uma vez o andamento do rito que pede a cassação de seu mandato. No momento em que o Conselho de Ética votaria pela continuidade do caso, Waldir Maranhão (PP-MA), aliado de Cunha, interveio. Vice da Casa, ele disse ter aceito recurso para a troca do relator, Fausto Pinato (PRB-SP), sob o pretexto de o partido ter apoiado a eleição de Cunha à presidência da Câmara. Pinato, porém, já se declarou favorável ao prosseguimento da ação. A cúpula do conselho disse que recorrerá. “Se puder ir até o papa para afastar Cunha, eu vou”, afirmou José Carlos Araújo (PSD-BA), o presidente do colegiado. Foi, em menos de dois meses, o sexto adiamento da votação do relatório preliminar, fase em que o conselho decidirá se o processo será ou não iniciado. Cunha é acusado de envolvimento no petrolão e de esconder contas na Suíça. (poder A4)

PMDB destitui o deputado Leonardo Picciani, aliado de Dilma Rousseff, da liderança do partido na Câmara. (A6)

Justiça manda quebrar sigilo de filho de Lula

A Justiça determinou a quebra dos sigilos bancário e fiscal de empresa do filho caçula do ex-presidente Lula, Luis Claudio, e do ex-ministro Gilberto Carvalho. A firma de Luis Claudio é investigada por receber R$ 2,5 milhões de lobista acusado de intermediar a compra de medidas provisórias. Ele nega irregularidades. (Poder A8)

Foto-legenda : Continua
Policiais reprimem manifestantes em protesto no centro de São Paulo pela revogação da reforma na rede de ensino do Estado; ato acabou em confronto (Cotidiano B2)

Moody’s ameaça deixar o Brasil fora do grupo de bons pagadores
Um das três principais agência de classificação de risco, a Moody’s ameaçou rebaixar a nota do Brasil. Se isso ocorrer, o país perderá o grau de investimento —espécie de selo de bom pagador da dívida —, o que deve afugentar investidores. Para a Moody’s, houve piora na governabilidade e nas condições econômicas, com pouca chance de reação em curto prazo. A decisão deve sair até março. (Mercado A15)

Inflação supera 10% no período de 12 meses
Pressionado pela alta nos combustíveis e alimentos, o índice oficial de inflação avançou 1,01% em novembro e chegou a 10,48% no acumulado de 12 meses. O IPCA não atingia dois dígitos desde novembro de 2003. De janeiro até o mês passado, a inflação foi de 9,62%, bem acima do teto (6,5%) da meta estabelecida pelo governo para 2015. (Mercado A18)

Argentina tem transição de poder pouco amigável
A transição argentina será conturbada. Cristina Kirchner não passará a faixa para Mauricio Macri e deixará o cargo antes de o sucessor assumir. Nesta quarta (9), ela inaugurou um busto de Néstor Kirchner na Casa Rosada, junto a Evo Morales. (Mundo A14)

Vinícius Torres Freire
Degradação extra do crédito trará mais sequelas (Mercado A18)
Bernardo Mello Franco
Virar presidente com deslealdade é ruim, diz Temer (Opinião A2)
Editoriais
Leia “Prudência suprema”, sobre decisão do STF acerca de processo do impeachment, e “Névoa tóxica”, a respeito de níveis de poluição em Pequim. (Opinião A2)


Edição: Equipe Fenatracoop, 10 de Dezembro de 2015

Compartilhe nossa Matéria