Manchete dos Jornais deste domingo, 26 de julho de 2015
Postado por: Equipe Portal Cambé Em 26th julho 2015

Um milhão de paranaenses não têm um dente na boca
A proporção de desdentados do Paraná é a maior da Região Sul e também supera a média nacional. Em Curitiba, as equipes da Estratégia Saúde da Família fazem busca ativa e preventiva nos domicílios para oferecer tratamento odontológico…

Feiosos pra dedéu
O design é parte importantíssima no processo de criação de um veículo. Mas nem sempre o designer acerta a mão… Listamos os 10 carros mais feios do mundo…


O Globo

Manchete: Crise trava mercado de imóveis no Rio
Número de lançamentos no primeiro semestre é o menor desde 2005
Construtoras fazem promoções e até antecipam o 13º. Em SP; estoque está 64% acima da média
A “Cidade Olímpica” não ficou imune à crise imobiliária. No primeiro semestre, foram lançadas 2.750 unidades no Rio, menor número desde 2005, informam Glauce Cavalcanti e João Sorima Neto. Com orçamento apertado e medo de perder o emprego, o consumidor adiou o sonho da casa própria. Uma família carioca leva, em média, 17 anos para pagar o financiamento de um imóvel de 70 metros quadrados. Em 2008, eram dez anos. As construtoras fazem promoções, oferecem financiamento direto e antecipam o 13º salário para o comprador. Em SP, o número de imóveis em estoque é 54% superior à média histórica. (Págs. 1, 29 e 30)


O Estado de S. Paulo

Manchete: Lava Jato vai aprofundar investigação sobre políticos
Acordo com Suíça permite que força tarefa rastreie uso de contas secretas para pagamentos a PT e PMDB
A condenação de executivos da Camargo Corrêa e a denúncia formal contra os presidentes e ex-dirigentes de Odebrecht e Andrade Gutierrez abrem nova fase das investigações da Operação Lava Jato, que se aproximará de PT e PMDB como integrantes do esquema de corrupção em conluio com o comando do cartel empresarial – obras da Petrobrás eram fatiadas mediante pagamento de propina. Com a chegada de documentos da Suíça, a força-tarefa acredita ter aberto uma “janela” nas apurações que levará à comprovação do uso de contas secretas de empreiteiras, políticos, dirigentes da Petrobrás e operadores de propina. A devassa em contratos se estenderá a outras áreas dos governos Dilma e Lula, como o setor energético. (Pág.1 e Política A4)

Odebrecht tinha acesso a dados da Petrobrás
Trocas de e-mails entre executivos da Odebrecht mostram discussão sobre licitações de 33 sondas para explorar o pré-sal, informa Alexa Salomão. A empreiteira tinha acesso a dados estratégicos da Petrobrás e de concorrentes. (Págs. 1 e A6)

Mudança de prisão
Os presidentes das construtoras Odebrecht, Marcelo Odebrecht, e Andrade Gutierrez, Otávio Azevedo, e mais seis presos da 14ª fase da Operação Lava Jato, foram transferidos na manhã de ontem para o Complexo Médico-Penal, em Pinhais, região metropolitana de Curitiba, a pedido da Polícia Federal. (Págs. 1 e A4)

Governo repete medida que está na mira do TCU
O governo repetiu na semana passada manobra que está na mira do Tribunal de Contas da União no julgamento das contas do ano passado da presidente Dilma Rousseff. Na quarta-feira, a equipe econômica anunciou redução da meta fiscal e corte de R$ 8,6 bilhões nos gastos públicos. Esse bloqueio no orçamento foi embasado na nova meta, que, no entanto, ainda precisa ser aprovada pelo Congresso. Na análise das contas de 2014, o TCU aponta como distorção, ao lado das “pedaladas fiscais”, operação semelhante, feita sem aval do Legislativo. (Págs. 1 e Política A10)

Especial – Gasto de planos de saúde triplicará em 15 anos
Uma bomba-relógio se instalou na saúde. Com o envelhecimento da população, nos próximos 15 anos gastos de empresas privadas do setor vão quase triplicar e impactar todo o sistema de saúde suplementar, incluindo 54 milhões de beneficiários. (Págs. 1 e Metrópole A20)

Caça brasileiro ajuda no combate às Farc (Págs. 1 e Internacional A16)

CARLOS AYRES BRITTO
Salve-se quem puder
Seja qual for a pergunta jurídica, ou o problema, ou o impasse, ou a crise, ou o trauma igualmente jurídico, é só perguntar à Constituição. (Págs. 1 e Espaço Aberto A2)

GUSTAVO FRANCO
Brasil, Grécia e o superávit
Estamos cada vez mais parecidos com a Grécia nas finanças, e os eventos recentes consolidam mais essa triste conquista de Dilma Rousseff. (Págs. 1 e Economia B5)

Notas & Informações
A responsabilidade dos senadores
Brasileiros esperam que eles não prejudiquem investigações. (Págs. 1 e A3)


Gazeta do Povo

TRABALHO
Manchete: Fundo de Garantia tem a pior rentabilidade desde 1990
O rendimento do FGTS no primeiro semestre deste ano foi o pior em pelo menos um quarto de século. Entre janeiro e junho, a conta de cada trabalhador teve remuneração de 2,1%, um índice que, comparado à inflação de 6,8% medida pelo INPC, corresponde a uma perda real de 4,4%. Desde 1990, quando entraram em vigor as atuais regras do Fundo de Garantia, nunca houve redução tão grande em seu poder de compra. Com poucas exceções, o FGTS perde para a inflação há mais de uma década.
EXPERIÊNCIA
Entre vinhos e trilhos
Passeio de trem pela serra gaúcha revela paisagens inesquecíveis e os melhores vinhos da produção regional. E com direito a muita música e dança
SAÚDE
Um milhão de paranaenses não têm um dente na boca
A proporção de desdentados do Paraná é a maior da Região Sul e também supera a média nacional. Em Curitiba, as equipes da Estratégia Saúde da Família fazem busca ativa e preventiva nos domicílios para oferecer tratamento odontológico.
INICIATIVA
Projeto Memórias Paraná grava depoimentos de anônimos e notáveis
EDUCAÇÃO
Novo plano de carreira do magistério da capital valoriza tempo de docência
LAVA JATO
Para o presídio
Marcelo Odebrecht e outros executivos de construtoras denunciados na Lava Jato foram transferidos para o Complexo Médico Penal.
CURIOSIDADE
Feiosos pra dedéu
O design é parte importantíssima no processo de criação de um veículo. Mas nem sempre o designer acerta a mão… Listamos os 10 carros mais feios do mundo.
CORTE E COLORAÇÃO
S.O.S. beleza
Conheça truques para minimizar a frustração de sair do salão de beleza com o resultado muito aquém do esperado
CÊNICAS
O teatro anda de ônibus
Acompanhamos uma peça itinerante que está se apresentando no transporte público de Curitiba. Reação dos passageiros vai da empolgação ao “não me perturbe”


Estado de Minas

Manchete: NA CONTRAMÃO DA CRISE
Enquanto segmentos diversos amargam prejuízos ou se mantêm em compasso de espera na tentativa de empatar os resultados com os do ano passado, alguns setores caminham em expansão e continuam investindo para atender a uma demanda também em crescimento. A locomotiva é conduzida pelas empresas de beleza e estética, que esperam quase triplicar o faturamento em relação a 2014. Estimam uma bolada de R$ 9 bilhões somente com clínicas, salões e vendas de produtos e serviços na casa do cliente.

160% aposta de expansão no setor de beleza e estética este ano
10,7% alta nas vendas de artigos de informática no país até maio

A despeito dos indicadores ruins da economia, há um Brasil de negócios que crescem e geram empregos. A área de tecnologia também não se rendeu à turbulência e contabiliza ganhos ancorados no comércio de equipamentos e materiais para escritório e informática. Nessa onda positiva, fabricantes de cerveja buscam incremento de 10% em Minas. E os supermercados injetam R$ 300 milhões em 85 novas lojas no estado, na expectativa de aumentar a receita em pelo menos 1,5%. Serão abertos 8 mil postos de trabalho. O sucesso, segundo empresários, vem de planejamento estratégico benfeito, visão de futuro e organização. PÁGINAS 10 E 11

A COSTUREIRA DOS TRIBUNAIS
São praticamente sete décadas dedicadas à confecção de becas e togas para juízes, desembargadores, promotores, procuradores e advogados de todo o país. Aos 81 anos, Aristel Anna Bavosi se orgulha do ofício, herdado do avôedo pai: “Sinto-me muito bem e penso em quanta gente importante já passou por aqui”. PÁGINA 5

FLAGRANTE
Desmatamento avança pelos arredores de BH Estado de Minas localiza 41 áreas devastadas nos parques nacionais das serras do Gandarela e do Cipó. Fazendeiros e silvicultores desafiam a fiscalizaçãoepõem abaixo exemplares da mata atlântica, vegetação que abriga a mais rica biodiversidade do país. PÁGINAS 17E18

LAVA-JATO
CÚPULA DA ANDRADE GUTIERREZ E DA ODEBRECHT NO PRESÍDIO
Otávio de Azevedo e Marcelo Odebrecht, presidentes das construtoras, e mais seis executivos foram transferidos da carceragem da Polícia Federal para o complexo médico-penal na Região Metropolitana de Curitiba. PÁGINA 3

PERTINHO DA VOVÓ
Pela internet, Solange Abreu acompanha os netos, Vitória e Bernardo, que vivem nos EUA. Número de idosos conectados dobrou no Brasil. CAPA E PÁGINAS 3 E 4

ABUSO STJ ESTUDA LIMITAR REAJUSTE DE PLANOS DE SAÚDE PÁGINA 12


Zero Hora

Manchete: Abrigos que não protegem
Crianças e adolescentes que já estiveram em situação de risco e foram entregues à tutela do Estado enfrentam realidade de insegurança e precariedade nos ambientes onde deveriam receber cuidados. (Págs. 1 e Notícias 13 a 18)

PrOA – Tempestade política
Dilma vai reagir? Vai sangrar, mas ficar até o final do mandato? Ou pode vir aí um impeachment? Especialistas de diferentes áreas projetam cenários possíveis para o futuro do país. (Pág. 1)


Folha de S. Paulo

Manchete: Poder de compra das famílias recua R$ 16 bi neste ano
Queda na capacidade de consumo é a primeira desde 2003; retração foi de 6,2% no período de janeiro a maio
Com a inflação em alta, o crédito restrito e o desemprego crescente, a capacidade das famílias brasileiras de consumir bens e serviços ao longo de um mês encolheu R$ 16 bilhões neste ano. O cálculo leva em conta massa de renda descontando a inflação, a oferta de crédito e os gastos com dívidas. (Págs. 1 e Mercado A17)

Suspeita de propina corrói apoio de Cunha na oposição
Afinados com Eduardo Cunha (PMDB-RJ) desde que ele assumiu a presidência da Câmara, os partidos de oposição adotaram, com exceção do Solidariedade, posição crítica ou distante em relação ao peemedebista. A mudança de tom veio após o lobista Julio Camargo acusar Cunha de ter recebido US$ 5 milhões em propina, o que ele nega. (Págs. 1 e Poder A4)

JARBAS VASCONCELOS
O melhor caminho é o afastamento do presidente da Casa
Para que os trabalhos na Câmara ocorram com tranquilidade e para Eduardo Cunha poder se defender das acusações, o seu afastamento é o melhor caminho. (Págs. 1 e Opinião A3)

O valor de R$ 100
No espaço de um ano, mesma quantia compra 25% menos alimentos na feira. (Págs. 1 e Mercado A20)

Mais em Mercado

TOMBO DA ECONOMIA
Para Fazenda, ajuste fiscal é responsável por menos da metade da recessão (Págs. 1 e A21)

LIMONADAS DO LIMÃO
Empresas contam como transformaram problemas em soluções para a crise (Págs. 1 e A22)

IDEOLOGIA?
Intelectuais e economistas petistas cavaram o buraco, diz Samuel Pessôa (Págs. 1 e A24)

Paulista em crise
Trânsito, protestos e situação econômica levam a fuga de escritórios da avenida Paulista (Págs. 1 e Cotidiano B7)

Editoriais
Leia “Acima dos partidos”, sobre aproximação do governo com a oposição, e “Regressão à media”, acerca de crescimento da economia mundial. (Págs. 1 e Opinião A2)


Edição: Equipe Fenatracoop, 26 de Julho de 2016, ás 08:39

Compartilhe nossa Matéria