Manchete dos Jornais deste sábado, 30 de maio de 2015

87

Blatter, de novo
Não adiantou o discurso pesado da Uefa, que controla o futebol na Europa, contra mais uma reeleição de Joseph Blatter para o comando da Fifa. Há 17 anos no poder, o suíço garantiu ontem o 5º mandato consecutivo em meio a um escândalo mundial de corrupção no futebol.

Ídolos unidos: salvar o futebol
O maior escândalo de corrupção de toda a História da Fifa – com a prisão, na quarta-feira passada de sete dirigentes, entre eles o brasileiro e ex-presidente da CBF José Maria Marin – está servindo pelo menos para uma coisa muito positiva para o esporte brasileiro: a união de quatro ícones, Pelé, Zico, Ronaldo e Romário, que até ontem eram inimigos entre si, mas que hoje comungam da ideia de que é preciso sanear e moralizar o futebol brasileiro…

————————————————————————————

O Globo

Manchete: Melhor só em 2017?
PIB recua 0,2% e pode cair até 1,6% no próximo trimestre
Agropecuária avança 4,7% e evita resultado pior
Com ajuste, gasto público tem maior queda em 15 anos
O PIB brasileiro caiu 0,2% entre janeiro e março, na comparação com o último trimestre do ano passado. O número ficou ligeiramente melhor do que o previsto, mas economistas acreditam que o pior da crise ainda está por vir e preveem recuo de até 1,6% no PIB no segundo trimestre. Com a demora para aprovar o ajuste fiscal, o aumento do desemprego e o cenário externo desfavorável, muitos analistas só veem recuperação em 2017. Os gastos das famílias caíram pela primeira vez em mais de 11 anos, como reflexo da inflação alta e do endividamento dos consumidores. Investimentos recuaram 1,3% frente ao fim do ano passado, no sétimo trimestre seguido de queda, a pior sequência de resultados negativos desde 1996. (Págs. 25 a 29)

Brasil fica pior até do que a Grécia
Numa lista de 33 países, o Brasil só tem desempenho melhor do que Rússia e Ucrânia. O PIB brasileiro caiu 1,6% no 1° trimestre na comparação com igual período de 2014. A Grécia, que está sob risco de moratória, cresceu 0,1%. Ontem, os EUA divulgaram queda de 0,7% no PIB, frente ao fim do ano passado, na taxa anualizada. (Pág. 29)

Operação Acrônimo: Mulher do governador de Minas é alvo da PF
A PF fez operação de busca e apreensão no apartamento da mulher do governador de Minas, Fernando Pimentel (PT), investigada por suposto envolvimento em esquema de lavagem de dinheiro. Quatro pessoas foram presas, entre elas empresário ligado ao PT. (Pág. 3)

Quebra-quebra: Reitor denuncia ‘barbárie’ na Uerj
Polícia investigará a depredação da Uerj em protesto de alunos e moradores da Favela do Metrô anteontem. Em carta, reitor fala em “barbárie” e violência em campus é criticada. (Pág. 12)

Cieps, 30 anos depois
Escolas idealizadas por Darcy Ribeiro completam três décadas e inspiram debate sobre ensino integral. (Pág. 32)

Nas prisões do Rio: Travesti pode ficar em ala feminina
Estado permitirá que travestis e transexuais escolham se querem ficar em ala feminina de prisões do Rio. Medida é aprovada por grupos LGBTs. (Pág. 23)

Democracia em apuros: Putin aperta cerco às ONGs
A nova lei que dá ao governo Putin o poder de banir ONGs consideradas por ele ameaças à segurança é mais um passo rumo à ditadura, denunciam escritores russos. (Pág. 35)
Fora da lista do terror: EUA ampliam degelo com Cuba (Pág. 36)

Foto-legenda : A transição de Levy
Ministro da Fazenda (ao lado de Pezão) disse que retração era esperada e passará. (Pág. 27)

Blatter vence com voto da CBF
Dois dias após as prisões de dirigentes da Fifa por corrupção, Joseph Blatter, de 79 anos, foi reeleito para o quinto mandato à frente da entidade. O representante da CBF votou em Blatter. No Rio, Del Nero disse que não sabia de nada. (Pág. 39 e 40)

Crime confirmado
Livro comprova que o guerrilheiro Milton Soares de Castro foi morto, e não se matou, durante a ditadura. (Prosa 1)

Ilimar Franco
Operação Garotinho
A família Garotinho aprovou no Senado projeto de resolução que permite aos municípios tomar empréstimos dando como garantia receitas futuras de royalties do petróleo. O negócio quase melou. A Comissão de Assuntos Econômicos havia fixado o pagamento até 2016, último ano de mandato dos atuais prefeitos, inclusive de Rosinha Garotinho, em Campos. Suprimido esse trecho, a conta pode ficar para o sucessor. (Pág. 2)
Merval Pereira

Desafios democráticos
Diante da reação negativa na opinião pública que a manutenção das coligações proporcionais e a aprovação de cláusula frouxa de (mau) desempenho provocaram, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, já anuncia nova rodada de votações para tomar mais rígidas as regras de acesso ao Fundo Partidário e à propaganda eleitoral de rádio e televisão, com critérios mais consentâneos com a moderna democracia representativa. (Pág. 4)

Jorge Bastos Moreno
Ídolos unidos: salvar o futebol
O maior escândalo de corrupção de toda a História da Fifa – com a prisão, na quarta-feira passada de sete dirigentes, entre eles o brasileiro e ex-presidente da CBF José Maria Marin – está servindo pelo menos para uma coisa muito positiva para o esporte brasileiro: a união de quatro ícones, Pelé, Zico, Ronaldo e Romário, que até ontem eram inimigos entre si, mas que hoje comungam da ideia de que é preciso sanear e moralizar o futebol brasileiro. (Pág. 3)
Míriam Leitão

Um PIB que cai
A economia brasileira encolheu sob todos os ângulos. Houve recuo de 0,2% em relação ao quatro trimestre; de 1,6% sobre o primeiro trimestre de 2014; de 0,9% na taxa em 12 meses. Estão mais fracos os investimentos, o consumo das famílias, do governo, a indústria e o setor de serviços. O tarifaço da energia aumentou a inflação e derrubou a renda. A queda da confiança afetou a produção e os investimentos. (Pág. 26)
Editoriais

Herança dos erros do primeiro mandato
A retração da economia brasileira, que o IBGE calcula ter sido da ordem de 0,2% no primeiro trimestre (em relação aos três meses anteriores) ou de 1,6% na comparação com o mesmo período do ano passado, não surpreendeu. (Pág. 16)

O desmonte da Universidade pública
Não fosse suficiente a crise de qualidade enraizada no ensino básico, a Universidade pública passa por uma fase de turbulência, a qual a falta de recursos em função da crise fiscal do Estado não explica por inteiro. (Pág. 16)
————————————————————————————

 

Zero Hora

Manchete : Ajuste na economia faz PIB encolher 0,2%

CONSUMO DAS FAMÍLIAS EM QUEDA
INVESTIMENTOS PRIVADOS REDUZIDOS
GASTOS DO GOVERNO MAIS RESTRITOS

Entenda os recados da queda do PIB
Divulgados pelo IBGE, dados mostram que principal desafio do ministro Levy é retomar confiança de empresários e consumidores. (Notícias | 8, 9 e 23)

Sartori garante pagar todos os salários em dia (Notícias | 12)

Caminhadas de insatisfação
Manifestações contra medidas que restringem benefícios a trabalhadores lotaram ruas e geraram transtornos no trânsito. (Notícias | 15 a 17)
————————————————————————————

Folha de S. Paulo

Manchete: PIB cai 0,2% e aponta ciclo recessivo no país
Indicadores da atividade econômica já sinalizam piora do cenário no 2° trimestre
A economia brasileira encolheu 0,2% no primeiro trimestre deste ano, na comparação com os últimos três meses de 2014, segundo o IBGE. A queda do PIB, aliada ao aumento do desemprego e da inflação, indica para um ciclo de recessão.
Uma das marcas da gestão petista, o consumo das famílias caiu 1,5%, a maior queda desde 2008. Os investimentos recuaram 1,3%, na sétima retração seguida, um fato inédito. A queda do PIB só não foi maior porque a agropecuária cresceu 4,7%.
Indicadores da atividade econômica de abril já mostram que o segundo trimestre deve ser ainda pior. Caíram, por exemplo, consumo de energia, pedidos para indústria de embalagens, circulação de caminhões e confiança da indústria.
O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, disse que o resultado “é aquilo que a gente já sabia”. Segundo ele, “de lá para cá, a confiança mudou”. (Mercado A21)

Chefe da CBF nega corrupção e afirma que fica no cargo
Após investigação dos EUA deflagrar o maior escândalo de corrupção da história do futebol, Marco Polo Del Nero,74,presidente da CBF, disse que fica no cargo. “É impossível renunciar.” Relatório indica que ele dividiu propina com José Maria Marin, ex-dirigente da entidade. “Não recebi nada”, afirmou. (Esporte B9)

Blatter derrota jordaniano e se reelege na Fifa
Com 133 votos, Joseph Blatter reelegeu-se presidente da Fifa. Será o quinto mandato do suíço, que venceu o príncipe jordaniano Ali bin Al-Hussein (73 votos). “Trarei responsabilidade de volta à Fifa”, disse Blatter, 79, que não foi citado na investigação dos EUA. (Esporte B7)

EUA oficializam saída de Cuba de lista de apoio ao terrorismo
Os EUA retiraram oficialmente Cuba da sua relação de países considerados patrocinadores do terrorismo. A medida, anunciada em 14 de abril pelo presidente Barack Obama, não foi contestada pelos congressistas.
Trata-se de avanço para a reabertura das embaixadas cubana em Washington e americana em Havana, que está em negociação. (Mundo A13)

Foto-Legenda: Agressão
Policial atinge estudante próximo à USP, em São Paulo; no Dia Nacional de Paralisação e Manifestações, houve atos pelo país contra o projeto de terceirização, a ser votado por senadores, e as medidas de ajuste fiscal, já aprovadas, que restringem direitos trabalhistas (Mercado A30)

Empresário ligado ao governador de MG é preso pela PF
A Polícia Federal prendeu um empresário ligado ao governador Fernando Pimentel (PT-MG), sob suspeita de associação criminosa. As firmas de Benedito Neto receberam ao menos R$ 525 milhões da União entre 2005 e 2015. A defesa dele negou a acusação. Houve ainda busca em imóvel usado pela primeira-dama mineira. (Poder A4)
Depois da rejeição no Senado, Dilma indica novo nome à OEA (Mundo A16)

Jefferson se casa e cita mensalão em declaração à noiva
“Você desperta em mim os instintos mais deliciosamente primitivos”, disse o ex-deputado Roberto Jefferson à noiva, Ana Lúcia Novaes, na cerimônia de casamento, no Rio. A frase lembra episódio do mensalão no qual afirmou que José Dirceu despertava nele os “instintos mais primitivos”. Condenado no caso a sete anos de prisão, ele cumpre pena em casa. (Poder A12)
Mauro Zafalon

A agropecuária continuará sustentando o PIB no segundo trimestre (Pág. A25)
Editoriais

Leia “Rearranjo no PIB”, a respeito de retração da economia no primeiro trimestre, e “Jogo sujo”, acerca de novo mandato de presidente da Fifa. (Opinião A2)

————————————————————————————
EBC



Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *