Manchete nos Jornais desta Quarta-Feira, 06 de Maio de 2015

82

Governo pede tempo e professores mantêm greve
Grupo de desembargadores não pagará previdência
Pressionado, Richa discute demissão de secretários
Executivo diz que reajuste salarial do funcionalismo depende de estudo da Fazenda

Bairro violento fica sem viatura da PM por falta de manutenção
Praticamente todas as viaturas do 23.º Batalhão da Polícia Militar, responsável pelo policiamento do bairro mais violento de Curitiba – o CIC –, estão paradas por falta de manutenção. São 40 veículos que deveriam estar no policiamento, mas não têm condições de circular. O policiamento é feito a pé ou por poucas motocicletas

————————————————————————————

O Globo

Manchete : Governo enquadra PT, que decide apoiar ajuste

Já em programa na TV, sem Dilma, partido critica terceirização e é alvo de panelaço

Após impasse, bancada petista na Câmara resolve votar mudanças no seguro-desemprego e no abono salarial, mas presidente da Casa manobra e adia votação

O PMDB e o Planalto apertaram o cerco ao PT para tentar garantir o apoio do partido da presidente Dilma à proposta de ajuste fiscal do governo que muda regras do seguro-desemprego e do abono salarial. Depois de rachar, o PT foi pressionado e decidiu apoiar as mudanças. Manobra do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), porém, surpreendeu: ele aproveitou a mobilização do governo e pôs em pauta outra proposta, que desagrada ao Planalto. Sem mostrar Dilma, o programa do PT na TV ontem à noite fez fortes ataques à regulamentação da terceirização, mas panelaços foram ouvidos na maioria das capitais de todas as regiões do país. (Págs. 3 e 5)

‘Maus políticos levaram a estatal a fazer o que fez’

Réu confesso de corrupção e delator de esquema volta a depor em CPI, acusa parlamentares e ex-ministros e culpa também má gestão na estatal

Cumprindo prisão domiciliar no Rio, o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa depôs ontem pela quarta vez na CPI da Petrobras, em Brasília, e afirmou que a ação de “maus políticos” está na origem da corrupção na estatal. Voltou a citar deputados, senadores e ex-ministros que, segundo ele, receberam propina por contratos da Petrobras com empreiteiras. Funcionário de carreira por 27 anos e diretor por oito, afirmou que o rombo na estatal não foi causado só pela corrupção, mas principalmente pela gestão da companhia nos últimos anos, com ingerência política. A CVM abriu processo para investigar oito ex-conselheiros da Petrobras, entre eles os ex-ministros Guido Mantega e Miriam Belchior, por supostamente induzir em investidores a erro . (Págs. 6, 22 e 23 e Merval Pereira)

Estatal repassou verba a instituto de Collor

A Petrobras repassou R$ 2,78 milhões ao Instituto Arnon de Mello de Liberdade Econômica e Promoção Social, do senador Fernando Collor e sua família. Foram patrocínios para seminário e publicações. Collor é investigado na Lava-Jato. (Pág. 7)

Em crise, HSBC está à venda no Brasil

Enquanto Itaú, Bradesco e Santander viram seus lucros crescerem até 30% no 1º trimestre, a unidade brasileira do HSBC, quarto maior banco privado do país, está à venda. Segundo analistas, o banco fez apostas erradas no segmento de crédito no Brasil, o que afetou seus resultados. (Pág. 19)

De 12 muros, estado só fez 2

Assim como a prefeitura, o estado também deixou para trás projeto de R$ 40 milhões para conter o avanço de favelas. Desde 2009, só fez dois dos 12 muros prometidos. (Pág. 11)

Ilimar Franco Chegou a vez dos políticos

A CPI da Petrobras está diante de um dilema: convocar ou não os deputados e senadores acusados de recorrer à estatal para obter doações eleitorais. Os nomes de todos são conhecidos. A CPI chove no molhado, ou no espetáculo, ao só ouvir os delatores. Nenhum dos acusados pode se defender. A cobrança da mudança de rumo da comissão foi feita, ontem, pelo deputado Ivan Valente (PSOL). (Pág. 2)

Merval Pereira Realidade e propaganda

Nada como a realidade para moldar um governo que vive de propaganda e marketing na definição de políticas públicas, mais especificamente, nesse caso, apolítica de exploração do petróleo, que com a descoberta do pré-sal passou a ser um ativo político que parecia imbatível. (Pág. 4)

Míriam Leitão Comércio na balança

O déficit da conta de petróleo diminuiu em US$ 3,1 bilhões nos primeiros quatro meses do ano, pelo aumento das exportações do óleo e pela queda das importações. Elevou-se também o volume das vendas de minério de ferro, produto que teve grande queda de preço. A alta do dólar ainda não está fazendo efeito em estimular exportações, e uma das causas é a forte volatilidade da moeda. (Pág. 20)

Editoriais

Intervenção indevida da ANP em pesquisas

Se a agência interferir na decisão das empresas de investir em projetos de investigação científica e tecnológica, incentivar á o atraso do país na geração de conhecimento (Pág. 16)

Dengue requer ações permanentes e integradas

Índice de infectados em sete estados supera patamar a partir do qual se considera instaurada uma epidemia. A pior situação é em São Paulo (Pág. 16)

————————————————————————————

O Estado de S.Paulo

Manchete: Câmara derrota Governo e aprova PEC da bengala
Governo é derrotado na ‘PEC da Bengala’; PMDB diz que não vota ajuste
Principal aliado anuncia que indefinição do PT emperra avanço na votação do pacote de cortes
Planalto enquadra PT por ajuste, mas votação é adiada. Com medo de que petistas não cumprissem acordo, Cunha suspende análise de MP
Propaganda política do PT causa panelaços; assista
Nas redes sociais, hashtag de apoio ao governo virou ‘trending topic’; Dilma ficou fora de programa do partido na TV
‘Gênese’ de desvios está em Brasília, diz delator à CPI
Ex-diretor da Petrobrás disse em depoimento que ‘maus políticos’ são responsáveis pelo esquema
Justiça autoriza devolução de R$ 157 milhões à Petrobrás
Valor corresponde a 80% do montante que ex-gerente da estatal recebeu em propinas
Bovespa fecha acima dos 58 mil pontos pela primeira vez desde setembro
Bolsa encerrou o dia com alta de 1,22%, aos 58.051 pontos; estrangeiros continuaram a mostrar um forte apetite pelas ações do País
Após quatro sessões consecutivas de alta, dólar fecha em queda de 0,45%
Dólar fechou em R$ 3,07; cotação da moeda foi influenciada por indicadores externos, como o maior déficit comercial dos Estados Unidos em quase 20 anos
Cunha suspende votação de MP do ajuste e pauta PEC da Bengala
Câmara adiou votação de medidas que mudam regras do seguro-desemprego e do abono salarial para analisar aposentadoria compulsória de ministros do STF
Falta de consenso adia votação da PEC das domésticas para quarta
Ponto que gerou mais discussão sobre a regulamentação da PEC foi o que trata da multa que deve ser paga caso o trabalhador seja demitido sem justa causa
PMDB, SD e DEM protocolam projeto que corrige FGTS a partir de 2016
Cunha foi pessoalmente protocolar proposta que muda a correção do FGTS para remunerar os depósitos com taxa equivalente à da caderneta de poupança
Concessionárias demitiram 12 mil pessoas entre janeiro e abril
De acordo com a Fenabrave, 250 concessionárias foram fechadas em quatro meses; demissões superam números das montadoras, que eliminaram 3,6 mil vagas
Venda de veículos novos cai 25% em abril e fabricantes cortam projeções
Fenabrave agora prevê que emplacamentos totais de veículos devam somar 2,8 milhões de unidades em 2015, o que equivale a uma queda de 18,9% ante 2014
CVM investiga ex-conselheiros da Petrobrás por levar investidor a erro
Entre os alvos estão Mantega, Miriam Belchior, Coutinho e Zimmermann; investigados teriam aprovado medidas que inviabilizavam o plano de negócios da estatal
Mudanças na política de conteúdo local devem ocorrer no próximo leilão, diz ANP
A diretora da ANP, Magda Chambriard, disse que o edital da próxima rodada de concessão de petróleo e gás deve conter alguma simplificação nas regras
Brasil precisa se preparar para concorrência internacional, diz Levy
Segundo ministro da Fazenda, acordo de cooperação com a OCDE torna necessária a abertura do mercado para empresas estrangeiras…

————————————————————————————

Gazeta do Povo

Manchete: Governo pede tempo e professores mantêm greve
Grupo de desembargadores não pagará previdência
Pressionado, Richa discute demissão de secretários
Executivo diz que reajuste salarial do funcionalismo depende de estudo da Fazenda

Bairro violento fica sem viatura da PM por falta de manutenção
Praticamente todas as viaturas do 23.º Batalhão da Polícia Militar, responsável pelo policiamento do bairro mais violento de Curitiba – o CIC –, estão paradas por falta de manutenção. São 40 veículos que deveriam estar no policiamento, mas não têm condições de circular. O policiamento é feito a pé ou por poucas motocicletas
CONGRESSO
Câmara aumenta de 70 para 75 anos aposentadoria de ministros do STF
Em nova derrota da presidente Dilma Rousseff (PT), a Câmara dos Deputados aprovou ontem à noite, em votação surpresa, a chamada PEC da Bengala, que aumenta de 70 para 75 anos a aposentadoria de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), do Tribunal de Contas da União (TCU) e de outros tribunais superiores
PETIT-PAVÉ
A cultura sob nossos pés
O chão que pisamos guarda boas surpresas.O petit-pavé, também conhecido como mosaico português, funciona como uma tela que reflete diferentes períodos culturais da cidade
FINANÇAS PESSOAIS
Prêmios em dinheiro atraem poupadores
Os títulos de capitalização podem ajudar o consumidor a formar poupança e premiá-lo, mas com rentabilidade quase nula e rígidos prazos de resgate
CADERNO G
Casa Vilanova Artigas abre mostra e bistrô
Público poderá conhecer um pouco da obra da pintora, gravadora, escultora e desenhista na exposição Artigas Recebe Virginia…
PELO OUTRO
Ser voluntário só traz benefícios
SERVIÇO PÚBLICO
Estado quer mais tempo para data-base
ESTRADAS
Motorista embriagado provoca acidente e deixa 18 feridos na PR-444
SEGURANÇA PÚBLICA
Bairro mais violento de Curitiba não tem viatura por falta de manutenção
SAÚDE
Ministro da Saúde descarta vacina contra a dengue em curto prazo
NOVO VÍRUS
Febre Zika, também transmitida pelo Aedes, é investigada no Brasil
JUSTIÇA
Ex-secretário e mais 18 são indiciados por queda de viaduto em BH
ENSINO SUPERIOR
OAB solicita recursos adicionais para o Fies
SELEÇÃO
Inscrições para o concurso do HC terminam nesta quarta-feira (6)
Vida Pública▴ Voltar ao topoBATALHA DO CENTRO CÍVICO
Para aliviar desgaste com a ação da PM, Richa discute troca de secretários
ANÁLISE
Mudança na previdência do PR é inconstitucional, diz procurador
PROTESTO
Exibição de programa do PT na TV é alvo de novo “panelaço”; veja o vídeo
OPERAÇÃO VOLDEMORT
Gaeco cumpre busca e apreensão na Secretaria de Administração
LAVA JATO
Petrobras vai receber R$ 157 milhões da Lava Jato
FINANÇAS
Desembargadores aposentados ficam livres de taxação previdenciária
CPI DA PETROBRAS
Costa diz que governo ‘arrebentou’ estatal e chama doações de ‘hipocrisia’
MUDANÇA
Renan manda carta a Temer para desfazer mal-estar
LAVA JATO
Cunha diz que é investigado por ‘querela pessoal’ de Janot
JUSTIÇA
Em nota, TJ diz que ação no Centro Cívico é de responsabilidade da PM
ECONOMIA:
Itaú Unibanco tem lucro líquido de R$5,7 bilhões no 1º tri
CELULOSE
Acordo com Klabin não afeta expansão da Fibria no MS
RESIDÊNCIAS
Aneel quer que consumidor invista em painéis solares
CUSTO
Preço ao produtor em março é o maior da série histórica, diz o IBGE
ENERGIA
Copel planeja triplicar geração termelétrica em cinco anos
AJUSTE FISCAL
Sem segurança de vitória, Câmara adia votação da MP do seguro-desemprego
REGULAMENTAÇÃO
Impasse sobre multa impede análise da PEC das domésticas
REGIME DE PARTILHA
ANP defende fim de exigência à participação da Petrobras no pré-sal
AUTOMÓVEIS
Retração na venda de veículos fecha 250 concessionárias no país
PRODUTO
Vale a pena comprar títulos de capitalização?

————————————————————————————

Zero Hora

Manchete : Ação de maus políticos originou desvios na Petrobras, diz Costa

De volta à CPI para novo depoimento, ex-diretor afirmou que estatal sabia da existência de cartel e que responsabilidade pela compra da refinaria de Pasadena é de todos os conselheiros da empresa. (Notícias |12)

Panelaço marca programa do PT na televisão

Protesto que se tornou comum durante discursos da presidente Dilma ocorreu ontem em fala de Lula (Notícias |10)

————————————————————————————

Brasil Econômico

Manchete : Governo analisa proposta de Serra para o pré-sal

O governo não está disposto a abrir mão da exigência de conteúdo local para fornecedores da Petrobras, mas já admite mudar a lei da partilha nos leilões. E a proposta de José Serra ganha força. Ele defende a exclusão da cláusula que fixa em no mínimo 30% a participação da Petrobras em todos os campos. O Executivo quer acelerar o alívio no caixa da estatal. (Pág. 5)

Aneel propõe ampliar fontes alternativas

A Agência vai rever regras para a geração por pequenos consumidores, como residências e comércio. A expectativa é que 500 mil novas centrais geradoras sejam instaladas nos próximos dez anos. (Pág. 10)

Por pouco, PT não racha em apoio ao ajuste fiscal

Foram necessários cinco ministros e quatro horas de discussão para convencer a bancada do Partido dos Trabalhadores na Câmara. (Pág. 3)

Marta Suplicy faz sua estreia na oposição, à mesa com Alckmin

Ex-petista participou, estrategicamente colocada ao lado do governador tucano, de reunião da bancada paulista com o governo estadual, para discutir projetos em tramitação no Congresso que de interesse do estado. (Pág. 4)

Com menor faturamento, indústria deve demitir mais

Para analistas, descompasso entre salários e lucro operacional vai aprofundar crise. (Pág. 9)

Olhar do Planalto José Negreiros

GOVERNO TEM PLANO B PARA O AJUSTE

Diante das dificuldades políticas iniciais para aprovar o ajuste, o governo começou a preparar um Plano B com medidas capazes de assegurar a arrecadação prometida no pacote original destinado a estabilizar a economia. As cinco principais são: aumento do PIS/Cofins de bancos, tributação sobre juros sobre capital próprio, venda de participação da Infraero/novas concessões de aeroportos, novo aumento da Cide sobre combustíveis e imposto sobre a venda de ativos da Petrobras. (Pág. 2)

O mercado como ele é… Luiz Sérgio Guimarães

OS ESTRAGOS DO DÓLAR FORTE

Os investidores e as empresas endividadas em moeda americana já assimilaram a retirada este mês de hedge cambial no valor de US$ 1,96 bilhão sinalizada pelo Banco Central e o dólar pôde ontem contra o real acompanhar a tendência internacional de enfraquecimento. (Pág. 22)

Ponto Final – Octávio Costa

O QUE DEU NA CVM?

Quando Eike Batista estava no auge do prestígio e era incluído entre os homens mais ricos do mundo, muita gente estranhou que a Comissão de Valores Mobiliários se mantivesse alheia aos movimentos do empresário no mercado de ações. (Pág. 32)

————————————————————————————

Folha de S. Paulo

Manchete : Alckmin poupa Cantareira; falta de água deve crescer

Captação feita no maior sistema da Grande SP cairá ainda mais até outubro

A fim de preservar o Cantareira, maior sistema da Grande SP e o que enfrenta situação mais crítica devido à longa estiagem de 2014, o governo Geraldo Alckmin (PSDB) pretende atravessar o período seco, até outubro, sem recorrer ao segundo volume morto do reservatório. Para isso, a Sabesp planeja reduzir ainda mais a retirada diária de água do manancial, para 10 mil litros por segundo, o que resultará em mais áreas da região metropolitana com torneiras secas na maior parte do dia. Hoje há casas que ficam até 20 horas diárias sem água. Antes da crise hídrica, o Cantareira fornecia 32 mil litros por segundo, abastecendo 9 milhões de pessoas. Hoje, o volume é de 15 mil litros por segundo, atendendo a 5,3 milhões. Outros sistemas, como o Alto Tietê, passaram a ser utilizados para socorrer o Cantareira. Para retornar ao seu nível normal, o reservatório precisa atingir 22,7% da capacidade. Nesta terça (5), estava com 15,3%. De novembro a fevereiro, 108 bilhões de litros do segundo volume morto do Cantareira tiveram de ser usados para abastecer a população. (Cotidiano B1)

Programa do PT na TV gera panelaço em nove capitais

O programa partidário do PT, exibido em rede nacional de TV e rádio, foi alvo de panelaço em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Florianópolis, Porto Alegre, Curitiba, Salvador e Recife. O protesto, que teve ainda buzinaço, gritos e fogos de artifício, ocorreu durante a peça de dez minutos. Nela, o ex-presidente Lula criticou proposta de terceirização, e a presidente Dilma apareceu calada por dois segundos. (Poder a5)

BB dribla regras e financia Porsche de amiga de Bendine

O Banco do Brasil autorizou a socialite Val Marchiori, amiga do ex-presidente do BB Aldemir Bendine, hoje à frente da Petrobras, a usar “sobra” de um financiamento para comprar um carro de luxo. A Polícia Federal apura, depois de revelação da Folha, as manobras na cessão de R$ 2,8 milhões. O BB negou irregularidades e Marchiori não comentou. (Poder a8)

Luz pode subir mais 15% para clientes da Eletropaulo

A energia cobrada pela Eletropaulo poderá subir em média 15,2% a partir de julho, segundo proposta de revisão tarifária da Aneel. Para as residências, a alta pode chegar a 16,7%. Essa revisão ocorre a cada quatro anos. Entre reajustes extraordinários e bandeira tarifária, a energia da Eletropaulo subiu 40% neste ano. (Mercado a17)

Lucro dos bancos privados cresce com juros maiores nos empréstimos (Mercado A19)

Plano de saúde não cobre teste rápido de dengue, que custa até R$ 285 (B4)

Painel

Tucanos recuam e querem ação penal contra Dilma antes de impeachment

Diante da divisão interna, o PSDB recuou e deve propor ação penal contra Dilma pelas pedaladas fiscais antes de enviar o pedido de impeachment ao Congresso. Amparados por parecer de jurista, os tucanos entendem que a eventual condenação por crime de responsabilidade abre caminho para impeachment, mesmo por atos do primeiro mandato. (Poder a4)

Editoriais

Leia “Azeitar a máquina”, acerca de mudanças nas regras de exploração do pré-sal, e “Civilizar o trânsito”, sobre redução de mortes nas vias do país. (Opinião A2)

————————————————————————————

EBC



Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *