O Globo

Manchete: Empresas pagam só 3,4% das multas ambientais
Fiscalização falha e Justiça lenta dificultam cobrança de R$ 785 milhões
Levantamento do GLOBO junto ao Ibama e governos estaduais mostra que quase nada foi pago das autuações contra três empresas envolvidas em desastres ambientais desde a tragédia de Mariana

DANIELLE NOGUEIRA
Fiscalização deficiente, brechas na legislação e morosidade da Justiça dificultam a punição de crimes ambientais. Levantamento do GLOBO junto ao Ibama e às secretarias estaduais de Meio Ambiente revela que desde novembro de 2015, quando ocorreu o vazamento da barragem da Samarco em Mariana (MG), foram aplicadas multas no valor de R$ 784,9 milhões à mineradora e a mais duas empresas envolvidas em desastres ambientais no Pará e em Minas: Hydro Alunorte e Anglo American. Só 3,4% do total foram pagos até agora, graças a recursos administrativos e na Justiça. Pescadores afetados pelo vazamento de 1,3 milhão de litros de óleo na Baía de Guanabara há 18 anos esperam até hoje indenizações de R$ 80 milhões da Petrobras. Empresas contestam aspectos técnicos e jurídicos de multas. (PÁGINAS 33 e 34)

A multiplicação dos grupos de luta por moradia
Entre as 150 entidades de São Paulo cadastradas no Minha Casa Minha Vida, há as que atendem a outros interesses (PÁGINA 3)

Colunistas
ELIO GASPARI
‘Movimento’ de sem-teto pode ser uma milícia. (PÁGINA 6)

MERVAL PEREIRA
Desabamento de prédio explicita exploração da miséria. (PÁGINA 4)

ASCÂNIO SELEME
STF tem que confirmar prisão após condenação em segunda instância. (PÁGINA 8)

FERNANDO HENRIQUE CARDOSO
País marcha quase às cegas para as eleições, daqui a cinco meses. (PÁGINA 9)

MÍRIAM LEITÃO
Agronegócio precisa de nova agenda e não de defensores do atraso. (PÁGINA 34)

Lauro Jardim
Burocracia barra doação
Há 40 dias o Ministério Público Federal e a 7ª Vara Federal do Rio tentam, sem sucesso, doar R$ 1,3 milhão à segurança. (PÁGINA 2)

Da cocaína à festa infantil
Chefe de um braço da facção criminosa PCC, Vilmar Santana de Sousa, preso em São Paulo, é acusado de lavar dinheiro do tráfico de cocaína usando a empresa Planeta Alegria, que lançou a dupla de palhaços Teleco e Teco. (PÁGINA 4)

CBF não age contra abuso
Em 2014, a CBF acertou com a CPI da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes dez medidas contra o assédio. Só três itens foram cumpridos. Houve 81 denúncias de abuso contra jovens no futebol do país desde aquele ano. (PÁGINA 48)

————————————————————————————

O Estado de S. Paulo

Manchete: Ciro tenta se aproximar do mercado
Pré-candidato ao Planalto pelo PDT, Ciro Gomes tenta se aproximar do mercado com a defesa de reformas, como a da Previdência. “Ciro está mais aberto e menos voluntarioso”, resume o presidente da CNI, Robson Andrade. (POLÍTICA / PÁG. A8)

‘Ajuste não é de esquerda ou de direita’
Para Mauro Benevides, responsável pelo programa econômico de Ciro Gomes, o eleitor de esquerda tem de entender que sem ajuste nas contas públicas não há recursos para políticas sociais. Ele defende corte nas despesas de custeio, pessoal e com Previdência, e a volta da CPMF para o pagamento da dívida pública. (ECONOMIA / PÁG. B5)

SP tem 162 movimentos por moradia popular (METRÓPOLE / PÁG. A16)

O que diferencia os pré-candidatos no Twitter
Lula fez do Twitter sua banca de defesa. “Inocente” e “tranquilo” eram as palavras mais usadas por ele na rede. Pré-candidatos vão de “canalhas” (Bolsonaro) a Cristo (Marina) e metrô (Alckmin). (POLÍTICA / PÁG. A9)

Internet para crianças
Famílias e associações tentam driblar obstáculos e criam estratégias variadas para filtrar o material que crianças acessam na internet. O Ministério da Justiça não prevê a adoção de classificação indicativa para o conteúdo virtual. Canais como o Manual do Mundo (foto), no YouTube, são raras unanimidades positivas. (METRÓPOLE / PÁG. A18)

Fernando Henrique
Rumos, não só lamentos
O País precisa de renovação, mas não apenas juventude. Precisa de conhecimento, persistência, visão, honestidade. (ESPAÇO ABERTO / PÁG. A2)

Notas & Informações
Constituição à la carte
O STF extrapolou suas funções ao “emendar” a Constituição a título de acabar com “os problemas e as disfuncionalidades associados ao foro privilegiado”. (PÁG. A3)

Sem medo de defender a reforma
É estranho que candidatos critiquem reforma trabalhista. (PÁG. A3)

————————————————————————————

Folha de S. Paulo

Manchete : PM diz ter feito entrega em dinheiro a amigo de Temer
José Yunes é investigado como arrecadador de recursos ilícitos, o que ele nega
Em depoimento à Polícia Federal, feito no dia 28 de março e ainda mantido sob sigilo, o policial militar Abel de Queiroz declarou ter ido pelo menos duas vezes ao escritório do advogado José Yunes para fazer entregas de dinheiro, de 2013 a20is.
Yunes é amigo próximo do presidente Michel Temer. O policial trabalhava como motorista da Transnacional, firma de transporte de valores contratada por empresas alvo da Lava Jato.
Ele depôs como testemunha no inquérito que apura repasses, pela Odebrecht, de R$ 10 milhões a campanhas do MDB, supostamente acertados com Temer em 2014. Queiroz disse que ele dirigiu o veículo blindado e que outros agentes levaram os valores para o escritório.
O depoimento corrobora acusação do Ministério Público Federal contra Yunes, segundo o qual o advogado atuou mais de uma vez como arrecadador de recursos ilícitos para o presidente. A Justiça abriu ação contra Yunes, acusado de integrar organização criminosa.
Sua defesa diz que ele não exerceu papel de intermediário. A de Temer afirma que não teve acesso ao depoimento e que não se pronunciaria. A reportagem não conseguiu contato com a Transnaeional. (Poder A4)

O que pensam os eleitores de Geraldo Alckmin
Folha convida simpatizantes do tucano para um diálogo aberto. (Poder A12)

Rússia prende 1.600 pessoas a um mês da Copa
As forças de segurança na Rússia prenderam ontem cerca de 1.000 pessoas que participavam de protestos contra o governo de Vladimir Putin, entre elas o líder dos atos, Alexei Navalni. As prisões ocorrem a pouco mais de um mês antes do início da Copa. (Mundo A21)

Idoso resiste à crise e se mantém na Venezuela
Com 5 milhões de pessoas com mais de 55 anos, a Venezuela também vive uma crise dos idosos, informa Sylvia Colombo. Para 20%, um pequeno bônus mensal é a única garantia de renda. Muitos asilos fecharam as portas. (Mundo A16)

Angela Alonso
Candidato ou não, Barbosa já agitou a fábrica política (Ilustríssima Pág.3)

Mulheres lideram movimentos por moradia em SP
Jomarina Fonseca, 60, Antônia Rodrigues, 55, e Ivaneti de Araújo, 45, lideram movimentos de ocupação de imóveis em São Paulo. Para Antônia, o fato de a mulher ser mais acolhedora que o homem a ajuda nesse papel. (Cotidiano B1)

Mônica Bergamo
Filha do arquiteto fala sobre prédio que desabou em SP (Ilustríssima Pág. 2)

Editorial
Carência imóvel
Sobre persistência do déficit habitacional no país. (Opinião A2)
————————————————————————————

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.