Manchete nos Jornais deste Domingo, 24 de Março de 2013

75

Quando os planos de saúde dizem não; Somando todos os serviços, seguradoras recusaram 21.507 pacientes em 2012. Só consultas
foram 7 mil. Usuários recorrem à Justiça, mas empresas não parecem preocupadas com penalidades…- Fique que eu gratifico; Empresas oferecem benefícios cada vez mais inusitados para reter os funcionários talentosos. Na lista de vantagens, entram carros e até ações. Pelo menos 79% dos profissionais consideram importante participar da distribuição nos lucros – algo já praticado por muitas companhias…- Como declaro meu carro, comprado no ano passado; Entre outras coisas, é necessário que o declarante informe o CPF ou o CNPJ do comprador. Veículo com preço abaixo dos R$ 5 mil não precisa ser incluído no IR…

O Globo

Manchete: Pacificação no Rio: Com UPPs, PM deixou de disparar 100.430 tiros

Só em Copacabana, o número despencou de 2012 para zero
Dados abrangem também Botafogo, Tijuca e Alemão. Com menos tiroteios nas ruas, casos de bala perdida caíram 81%
Desde o início da política de pacificação das favelas, a Polícia Militar deixou de disparar 100.430 tiros nas ruas de quatro regiões beneficiadas com UPPs, revela Vera Araújo. Só na Grande Tijuca, 44.326 munições foram economizadas nos últimos três anos. Em Copacabana, a queda foi de 100%; em 2008, foram efetuados 2012 disparos pela PM, enquanto que no ano passado a tropa do bairro não deu um tiro sequer. A redução dos tiroteios teve um efeito benéfico também nas estatísticas de balas perdidas na capital: 35 em 2012 contra 181 em 2008, uma redução de 81%. (Págs. 1 e 16)

Punição no papel: Estatais não pagam 78% das multas

As principais estatais federais receberam R$ 495 milhões em 202 multas da ANP, Aneel e Anac, nos últimos dois anos, mostra levantamento. Furnas, Chesf, Eletronorte, Petrobras e Infraero não pagaram 78% das multas, aplicadas por má qualidade de serviços e da segurança. (Págs. 1, 43 e 44)

Auditoria da CGU: Serviço do Samu sofrerá devassa

A Controladoria Geral da União (CGU) fará auditoria no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que custou R$ 487 milhões em 2012, porque constatou um fágil controle. Denúncias se espalham pelo país. (Págs. 1 e 6)

Rumo a 2020: População deve dobrar na Barra

Novas projeções do Instituto Pereira Passos indicam que a população da Barra vai mais que dobrar e chegará a 2020 com cerca de 400 mil moradores. Lagoa e Santa Teresa terão redução populacional. (Págs. 1 e 18)

Israelenses x palestinos: História distorcida nas salas de aula

Um estudo patrocinado pelo governo americano mostra que crianças israelenses e palestinas aprendem na escola uma História que mostra uma visão negativa do outro lado e uma geografia que ignora a existência do Estado rival. (Págs. 1 e 50)

Estado laico, educação nem tanto: Em metade da rede pública, religião é aula obrigatória

Legislação prevê que esse tipo de ensino deve ser facultativo
Na rede pública, onde o ensino religioso deve ser opcional, 49% dos diretores admitem que a presença nessas aulas é obrigatória, o que não contraria a Lei de Diretrizes e Bases (LDB), conta Lauro Neto. LDB prevê que alunos tenham atividades alternativas, se não quiserem ir às aulas de religião, mas em 79% das escolas não há opção. E, em 51% dos colégios, alunos oram e cantam músicas religiosas. (Págs. 1, 3 e 4)

A chave do tamanho

O scaner do centro de tecnologia do Senai vai levantar as medidas de 10 mil brasileiros. O objetivo é criar padrões nacionais para roupas vendidas em lojas, acabando com os diferentes tamanhos P,M e G. (Págs. 1 e 47)

Remédios até 68% mais baratos em laboratórios (Págs. 1 e 45)

————————————————————————————

O Estado de S. Paulo

Manchete: Aécio tem potencial de voto igual ao de Serra, diz Ibope

Instituto analisa apenas eleitores que conhecem os candidatos; tucano mineiro tem mais espaço para crescer
O senador Aécio Neves (PSDB-MG)teria um potencial de voto equivalente ao do ex-governador José Serra (PSDB-SP), quando se leva em consideração apenas os eleitores que conhecem os presidenciáveis, segundo pesquisa feita pelo Ibope a pedido do Estado. O mineiro teria 41% dos eleitores que poderiam votar nele e o paulista 42%. A pergunta permitia múltiplas respostas. Quando se recalcula os eleitores excluindo quem não conhece os candidatos, todos os presidenciáveis ficam na mesma base de comparação, informa José Roberto de Toledo. Sob este critério, a presidente Dilma Rousseff (PT) lidera com 79% e Marina Silva (sem partido), fica em segundo com 50%. Aécio disse ter ficado muito satisfeito com o resultado e que a liderança de Dilma reflete “100% de exposição”. O líder do PT na Câmara, José Guimarães, acha que a grande aceitação de Dilma mostra que “o País está no rumo certo”. (Pág. 1 e Nacional A4)

“Somos um BNDES privado”

Diante da missão de reorganizar o grupo EBX, o banqueiro André Esteves afirma para David Friedlander, Ricardo Grinbaun e Raquel Landim que Eike Batista está “longe de quebrar” mas a participação do empresário nos negócios, hoje entre 60% e 70%, tende a cair para de 20% a 30%. E diz que o papel de seu banco, o BTG Pactual, é ser “o óleo da engrenagem da economia”. (Pág. 1 e Economia B1 e B4)

Aliás , o Brother das minorias

O deputado Jean Wyllys lidera frente para tirar o pastor Marco Feliciano da presidência da Comissão de Direitos Humanos: “A conmissão não é lugar para ele”. (Págs. 1 e J8)

Suely Caldas – Comércio acorrentado

Em política comercial, o Brasil tem seguido na contramão do mundo. Isola-se, e quando sai do isolamento busca parceiros errados. (Pág. 1 e Economia B2)

Fraude científica cresce e preocupa em todo o mundo

Casos de plágio, falsificação e invenção de resultados em trabalhos científicos vêm aumentando no mundo todo e deixam a sensação de que uma “epidemia” de fraudes se espalha. “O problema existe (no Brasil) e estamos lidando de frente com ele”, diz Paulo Sérgio Beirão, presidente da Comissão de Integridade na Atividade Científica do CNPq (Pág. 1 e Vida A14)

Número de domésticas deve continuar a cair (Pág. 1 e Economia B5)

Notas & Informações

Câmara gasta o que economizou
As evidências mostram que a Câmara segue fiel ao lema “é dando que se recebe”. (Págs. 1 e A3)

Em S. Sebastião, casas ilegais afetam encostas (Pág. 1 e Metrópole C4 e C5)

————————————————————————————

Correio Braziliense

Manchete: E no país dos eternos apagões…

… consumidores ficam 18 horas, em média, por ano, sem energia … concessionárias já pagaram a eles R$ 1,2 bilhão em indenizações … reservatórios do Sudoeste e do Centro-Oeste têm 39% a menos de água (Págs. 1, 10 e 11)

Empresários do varejo entram alerta por causa da inflação (Págs. 1 e 12)

Fique que eu gratifico

Empresas oferecem benefícios cada vez mais inusitados para reter os funcionários talentosos. Na lista de vantagens, entram carros e até ações. Pelo menos 79% dos profissionais consideram importante participar da distribuição nos lucros – algo já praticado por muitas companhias. (Pág. 1 e Trabalho & Formação Profissional)

Como declaro meu carro, comprado no ano passado

Entre outras coisas, é necessário que o declarante informe o CPF ou o CNPJ do comprador. Veículo com preço abaixo dos R$ 5 mil não precisa ser incluído no IR. (Págs. 1 e 14)

Impasse no Itaquerão faz Brasília sonhar com abertura da Copa 2014 (Págs. 1 e 10)

Sobra dinheiro para cota parlamentar, mas falta fiscalização (Págs. 1, 2 e 3)

O novo mapa político e geográfico da Igreja

Ao eleger um papa argentino, a Santa Sé começa a abandonar o eurocentrismo e se volta para a América Latina, onde se concentra a maioria católica. Em um inédito e caloroso encontro, Bento XVI reitera sua obediência a Francisco. (Págs. 1, 18 e 19)

Quais fatores travam o crescimento da indústria?

O edital da construção de Brasília previa um plano de crescimento produtivo “limitado”. Afinal, o lugar tinha caráter político-administrativo. Hoje, nove em cada dez produtos que os brasilienses consomem vêm de outros estados. Série de reportagens do Correio mostra os gargalos industriais e avalia quais ações seriam atrativas para transformar a capital num polo de desenvolvimento econômico. (Págs. 1, 23, 24 e 25)
————————————————————————————

Estado de Minas

Manchete: As leis que ninguém cumpre

Nem o risco de ter de pagar mais de R$ 1 mil por jogar papel de bala no chão impede pessoas mal-educadas de sujar as ruas de Belo Horizonte. O desrespeito se repete com médicos que almoçam em restaurantes usando jalecos e comerciantes que vendem cigarro picado. Sem constrangimento ou medo de fiscalização, todos descumprem regras que geraram discussão, foram aprovadas pelo Legislativo e publicadas para, então, cair no esquecimento. A falta de fiscais e, muitas vezes, de regulamentação contribui para aumentar a transgressão. E o mau hábito parte até do poder público, como se constata entre os exemplos abaixo. (Págs. 1, 25 e 26)

Uma Igreja e dois papas

Pela primeira vez em 2 mil anos, os católicos assistiram ao encontro de dois papas. Em Castel Gandolfo, Francisco presenteou seu antecessor Bento XVI com uma imagem da Virgem da Humildade. (Págs. 1, 20 e 21)

Contas reprovadas – Vista grossa para salvar prefeitos

Câmaras Municipais aprovam quase 40% das finanças de chefes de Executivo que foram rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado. Graças aos vereadores que ignoraram as irregularidades, vários ex-prefeitos permaneceram elegíveis. (Págs. 1 e 3)

Chipre – Como uma pequena ilha virou um problema gigante

Ameaça de confisco, como o governo cipriota tentou aprovar, pode ser percebida por correntistas da Itália, da Espanha e de outros países e irradiar a crise na economia. (Págs. 1 e 19)

Belo Horizonte – Atestado confirma morte por dengue

Documento emitido no Hospital João XXIII descreve que a causa da morte de mulher de 56 anos, do Bairro Sagrada Família, foi “choque hemorrágico de dengue”. (Págs. 1 e 26)

————————————————————————————

Jornal do Commercio

Manchete: Quando os planos de saúde dizem não

Somando todos os serviços, seguradoras recusaram 21.507 pacientes em 2012. Só consultas foram 7 mil. Usuários recorrem à Justiça, mas empresas não parecem preocupadas com penalidades. (Pág. 1 e Economia 1 e 2)

Empresas se aproximam das universidades (Economia 4 e 5)

Francisco e Bento

Encontro histórico entre o atual papa e o seu antecessor aconteceu ontem (Págs. 1 e 16)

————————————————————————————

Veja

Manchete: À sombra do papa

A fé e o carisma de Francisco conquistaram o coração do povo e a sua influência na política da América Latina será uma bênção. (Pág. 1)

O nó dos portos

O que fazer para que eles não estrangulem mais a economia. (Pág. 1)

Clinton a Veja

“O futuro pertence a quem pratica a cooperação”. (Pág. 1)

————————————————————————————

Época

Manchete: Especial – O que as mulheres querem dos homens

Bem-sucedido, sensível, prendado, equilibrado, bom pai, bom de cama… Será que ele existe?
A mulher que trabalha, cuida dos filhos, do marido, da comida, da casa… 50 anos de feminismo, e ela ainda existe.
“O homem também precisa de uma revolução”, diz a historiadora Stephanie Coontz(Pág. 1)

Entrevista: “O desenvolvimentismo de Dilma é a volta do capitalismo selvagem”, diz FHC (Pág. 1)

Exclusivo: As acusações de desvio de dinheiro contra o senador Lindbergh Farias (Pág. 1)

‘Época’: Lindbergh acusado de receber propina (Págs. 1 e 15)

————————————————————————————

ISTOÉ

Manchete: Abandonados na Bolívia

O drama dos torcedores presos há mais de um mês no país vizinho. Eles são vítimas de torturas, da inoperância da diplomacia brasileira e de uma chantagem de bolivianos, que exigem dinheiro para libertá-los. (Pág. 1)

Preços: Por que as bondades fiscais do governo não chegam ao consumidor. (Pág. 1)

Livros: As revelações picantes da estagiária que foi amante de John Kennedy. (Pág. 1)

————————————————————————————

ISTOÉ Dinheiro

Manchete: A manobra global da VW

CEO mundial da Volkswagem conta à Dinheiro como pretende ultrapassar a Toyota e transformar a montadora alemã na maior fabricante mundial de automóveis. Saiba também qual é o papel do Brasil nessa estratégia. (Pág. 1)

Estilo: O luxo estonteante das garagens dos ultrarricos. (Pág. 1)

Diletto: O segredo da sorveteria que conquistou Jorge Paulo Lemann. (Pág. 1)

Martin Winterkorn: “Apesar da crise na Europa, vivemos o melhor momento de nossa história”. (Pág. 1)

————————————————————————————

Carta Capital

Manchete: Índios S.A.

Como a omissão do Estado e a ganância de alguns líderes provocaram a desagregação das tribos no entorno da usina de Belo Monte. (Pág. 1)

Religião

A pressão popular talvez tire o pastor Feliciano da Comissão dos Direitos Humanos. Mas o poder evangélico só cresce. (Pág. 1)

————————————————————————————

Zero Hora

Manchete: O relatório que mostra a tragédia por dentro

Documentos forjados, falsas declarações, provas escondidas e outras revelações explicam as mortes na Kiss.
Schirmer é o topo na lista de responsáveis?
Justiça, um remédio para a dor das famílias (Págs. 1 e 4 a 8)

Para a História – O abraço de dois papas

Francisco visitou Bento XVI na residência de Castel Gandolfo na manhã deste sábado. (Págs. 1 e 20)

Programados para vencer

Escolas gaúchas como a Instituição Evangélica de Novo Hamburgo aderem à proposta de gênios como Bill Gates e Mark Zuckerberg e adotam a linguagem de programação como disciplina regular em sala de aula. (Págs. 1 e 24 a 27)

————————————————————————————

Jornal do Commercio

Jarbas e Eduardo

Senador exalta o nome do governador e diz que ele “uniu Pernambuco” (Págs. 1 e 12)

Clipping Radiobrás

Edição: Equipe Fenatracoop



Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *