Para onde cresce a capital – Fraudes gaúchas – Cofres públicos esperam R$ 578 milhões desviados – Exclusivo: Empreiteiras beneficiadas pelo ministro Paulo Sérgio Passos doaram milhões para o PR  – Por que casar? – Emagreça sem tomar remédios – Usuário do SUS terá cartão de identificação  – Usuário do SUS terá cartão de identificação  – A queda do império americano…E a ascensão do império brasileiro – A cara do Brasil que elegerá o próximo presidente…

O Globo

 

Manchete: UPAs de lata no Rio custam mais caro do que hospitais

Tempo de construção é o mesmo e preço, 25% maior

O uso de contêineres em Unidades de Pronto Atendimento 24 horas (UPAs) virou uma febre no Rio, e em cinco anos já foram construídos 42 postos com a estrutura pré-moldada. Mas, apesar do sucesso, uma UPA de lata custa 25% mais caro do que um hospital em alvenaria, e o tempo de construção dos dois é exatamente o mesmo: 90 dias, informam Fábio Vasconcelos e Natanael Damasceno. Segundo informações oficiais, o custo do metro quadrado do contêiner é de R$ 2.385, bem maior do que os R$ 1.900 pagos, por exemplo, pela prefeitura paulista de São Carlos na construção do hospital escola municipal. Já a prefeitura do Rio paga R$ 3 mil o metro quadrado da Clínica da Família, cuja construção combina alvenaria e aço. O Ministério Público estadual investiga suspeita de superfaturamento nos contêineres. A Secretaria de Saúde diz que 95% dos pacientes aprovam as UPAs, e a prefeitura, que o custo de construção inclui a urbanização do entorno. (Págs. 1 e 16)

Um resgate da cidade antiga e perdida

O governo do estado quer varrer do Centro os vestígios de um Rio abandonado na forma de prédios antigos que ameaçam desabar. Levantamento inédito listou 250 edifícios que, com o apoio do Ministério das Cidades, serão recuperados e transformados em habitação popular. Todos os imóveis vão servir como moradia, mas alguns terão também estabelecimentos comerciais e serviços. Um dos prédios, tombado pelo Iphan, foi erguido em 1888na Rua Regente Feijó 55, para receber escravos que haviam acabado de conquistar a liberdade. Dele só restou a fachada. (Págs. 1 e 26)

Foto legenda: Dona Diná de Oliveira, de 60 anos, ocupa um cortiço na Rua do Resende, em dos 250 imóveis que serão reformados pelo estado no Centro do Rio

Corrupção não é o único mal dos Transportes

Além das denúncias de corrupção, o Ministério dos Transportes padece do mal do atraso no Brasil: nada menos que 87% das estradas não são pavimentadas, o que entrava o crescimento do país. (Págs, 1, 3 e 4)

Luiz Fernando Pezão

O vice-governador Pezão vai pedir a Dilma R$ 688 milhões para preparar a Serra antes do verão. (Págs. 1 e 15)

———————————————————————————

Estado de S. Paulo

Manchete: Estoques crescem e levam indústrias a antecipar férias

Em nove setores subiu o porcentual de empresas com encalhe; comércio reduz pedidos e oferece promoções

O descompasso entre o ritmo de produção das fábricas e as vendas do varejo provocou um aumento dos estoques em setores importantes, como carros, embalagens e até alimentos, informa a repórter Márcia De Chiara. Pelo segundo mês seguido, a fatia de empresas com estoques excessivos aumentou em junho e atingiu 5,3%, segundo a Fundação Getúlio Vargas. De 14 setores pesquisados, em 9 cresceu o porcentual de companhias que declararam ter estoques acima do normal na comparação com maio. Com encalhe crescente, indústrias iniciaram o mês dando férias ou cortando hora extra. O comércio também reduziu os pedidos e oferece promoções. (Págs. 1 e Economia B1 e B3)

José Ricardo Coelho

Empresário do setor de plásticos

“Todo mundo está com estoque porque o crescimento do PIB vai ser menor” (Pág. 1)

Governo abre brecha para aparelhamento nos Correios

Mudança feita pelo governo no estatuto dos Correios permite ao PT aparelhar cargos de chefia da estatal, relatam Rui Nogueira e Leandro Colon. O partido, que comanda a empresa, poderá levar funcionários de carreira de outros órgãos para vagas estratégicas. Antes, as funções só podiam ser ocupadas por concursados da estatal. (Págs. 1 e nacional A4)

Aliás

Trilhos. Historiados Richard White questiona o interesse de países como o Brasil pelo trem-bala (Pág. 1)

Entrevista: Brasil negocia gestão junto ao governo sírio

O ministro das Relações Exteriores, Antonio patriota, disse em entrevista ao Estado que o Brasil, ao lado da Índia e da África do Sul, pretende fazer uma gestão diplomática junto à Síria, contra a violência e a favor de reformas políticas. Segundo ele, os direitos humanos não podem ser tratados como política dos mais fortes. (Págs. 1 e Internacional A18)

Antonio Patriota
Chanceler

“Não existe país que esteja acima do bem e do mal” (Pág. 1)

Falta funcionário em unidades de conservação ambiental

Um terço das 310 unidades de conservação federais, como parques, florestas e reservas, tem somente um ou dois servidores efetivos, informa a repórter Afra Balazina. E 25 não têm nenhum. A falta de pessoal favorece a ocupação irregular, as queimadas e os desmatamentos. (Págs. 1 e Vida A22)

Obama pede apoio de republicanos

O presidente dos EUA, Barack Obama, apelou ontem à oposição republicana e reforçou ultimato para que o Congresso apresente um plano para evitar calote. (Págs. 1 e Economia B13)

Brasileiros trocam moto por carro chinês (Págs. 1 e Economia B12)

 

João Ubaldo Ribeiro: Estão querendo enganar quem?

Tantos estádios a construir, aeroportos a reformar… Tanto o que surrupiar já dando sopa aí e esse pessoal perdendo tempo em formalidades. (Págs. 1, C2 Domingo e D4)

Mac Margolis: O chavismo perde a cabeça

Hugo Chávez não está bem. Não me refiro ao câncer. É que ele acaba de receber um puxão de orelha de Noam Chomsky. (Págs. 1 e Internacional A21)

Sergio Fausto: Vizinhos inquietos

Eles querem saber se o protagonismo do Brasil na América do Sul se traduzirá em liderança e se ela será positiva para a região em seu conjunto. (Págs. 1 e Espaço Aberto A2)

Notas & Informações

O risco dos bancos europeus

O risco de uma nova quebradeira bancária é um dos terrores dos governos da Europa. (Págs. 1 e A3)

————————————————————————————

Correio Braziliense

 

Manchete: A queda do império americano…

Em crise econômica desde o fim de 2007, os Estados Unidos ameaçam tomar uma medida extrema: o país mais poderoso do mundo pode dar calote em sua dívida para não entrar numa nova recessão. (Págs. 1 e 13)

…E a ascensão do império brasileiro

O crescimento da economia e a forte presença diplomática nas Américas estão mudando o perfil de país: segundo especialistas, já corremos o “risco” de entrar no grupo das nações imperialistas. (Págs. 1 e 20)

A cara do Brasil que elegerá o próximo presidente

Em 2014, jovens da nova classe média terão mais força política que o total de eleitores das faixas A e B. E já fazem a diferença: a geração de Gabriela Carvalho, 26 anos, é prioridade para o governo federal. (Págs. 1 e 2)

Poder público: GDF apura supergastos com carros

Enquanto o brasiliense sofria com a falta de ônibus, a burocracia local abusava no aluguel de veículos: em cinco anos, o governo desembolsou R$ 103,2 milhões. (Págs. 1 e 25)

————————————————————————————

Jornal do Commercio

 

Manchete: Os vizinhos o medo

Queda do avião em Boa Viagem acendeu a polêmica sobre a localização do aeroporto. Para especialistas, a pista é segura e atende às normas internacionais. Para moradores, ter os gigantes sobre suas cabeças é angustiante.

(Páginas 1 e Cidades 8)

Usuário do SUS terá cartão de identificação (Página 1)

 

————————————————————————————

Veja

 

Manchete: A preço de banana?

Que nada. Os impostos, o câmbio, a abundância de crédito, os oligopólios e o otimismo dos consumidores se combinam para fazer do Brasil um dos países mais caros do mundo (Pág. 1)

Google

Uma pesquisa mostra como ele molda o cérebro e a memória (Pág. 1)

Entrevista

Elisabeth Badinter descontrói o “mito da mãe perfeita” (Pág. 1)

Gabriel Chalita

Deputado e escritor, ele faz sucesso como a Capitu da política brasileira (Pág. 1)

————————————————————————————

Época

 

Manchete: Emagreça sem tomar remédios

O governo quer proibir os inibidores de apetite. O que fazer sem eles? (Pág. 1)

Transportes

O jogo de chantagem para deixar tudo como está (Pág. 1)

Europa

A crise chega à Itália e ameaça o futuro do euro (Pág. 1)

————————————————————————————

ISTOÉ

 

Manchete: Por que casar?

O que leva de volta ao altas os brasileiros que, infelizes na primeira tentativa, fizeram dobrar o número de segundos (terceiros, quartos…) casamentos, consagrando a era do “infinito enquanto dure” (Pág. 1)

Exclusivo: Empreiteiras beneficiadas pelo ministro Paulo Sérgio Passos doaram milhões para o PR (Pág. 1)

 

Carreira

Como aproveitar a temporada de contratações de trainees, que recebem bons salários e sobem rápido na profissão. (Pág. 1)

————————————————————————————

ISTOÉ Dinheiro

 

Manchete: Quem são os CEOs mais digitais do Brasil

Pesquisa inédita mostra como os principais executivos brasileiros se relacionam com a internet e as mídias sociais

Os canais mais usados por eles

As vantagens e os riscos de estar conectado

Como interagir na rede com os líderes das grandes empresas

Eike Batista, presidente do grupo EBX: “O twitter é minha caneta eletrônica” (Pág. 1)

BRFoods: o futuro depois do Cade (Pág. 1)

 

Minoritários: A arma da Odebrecht contra os Gradin (Pág. 1)

 

————————————————————————————

Carta Capital

 

Manchete: Cidadãos se armam

Na contramão da campanha do governo, cresce o número de interessados em obter a posse de armas. (Pág. 1)

Murdoch

A mídia global cada vez mais parecida com ele. (Pág. 1)

Banda Larga

O plano nacional não recupera o tempo perdido (Pág. 1)

————————————————————————————

Zero Hora

 

Manchete: Fraudes gaúchas – Cofres públicos esperam R$ 578 milhões desviados

Reportagem mostra que dinheiro de cinco dos maiores escândalos de corrupção das últimas duas décadas no Estado não foi devolvido à sociedade. (Págs. 1, 4 e 5)

Para onde cresce a capital

IBGE mostra que Zona Sul foi uma das regiões que mais se expandiram. (Págs. 1 e 19 a 22)

A história secreta de um condenado

Ex-policial expulso da PF por participação em assalto no Rio de Janeiro se refugiou em Erechim, onde trabalhou em hospital. (Págs. 1, 28 e 29)

Clipping Radiobrás

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.