Segurança: Falta controle no uso de cinto em ônibus – Planalto tem 20 mil homens de prontidão para atuar em greves – O novo perfil tecnológico dos consumidores – Bahia: As lições da greve da PM que os governos precisam aprender – Reciclável vai para o lixo em SP por falta de coleta – Rio prende 16 policiais e agiliza processos para punir grevistas …

O Globo

Manchete: Rio indicia 270, prende 140 e tem sexta-feira tranquila

Greve de policiais e bombeiros só ganhou alguma força em Campos

O governo do estado reagiu com rigor diante da greve de bombeiros e policiais civis e militares, e o movimento teve ontem baixa adesão. Foram indiciados por desobediência 270 militares, dos quais, presos 123 bombeiros e 17 PMs, entre eles dez líderes do movimento, já levados para Bangu 1. O governador Sérgio Cabral baixou decreto agilizando o processo de punição de praças.

Diferentemente de Salvador, no Rio a greve pouco se refletiu nas ruas, sendo mais sentida em cidades do interior como Campos onde a prefeita Rosinha Garotinho cancelou shows de carnaval alegando insegurança – e Volta Redonda. Na capital, o policiamento foi normal, inclusive nas favelas pacificadas. O comando da PM nem precisou convocar o Exército ou a Força Nacional, que continuam de prontidão. Representantes do movimento marcaram manifestação para amanhã, ãs 10h, em Copacabana. (Págs. 1 e 16 a 18)

Foto-legenda: PMs e guarda-vidas ignoram a greve: patrulham o Arpoador, orientam banhistas na praia e mantêm a tranquilidade em favelas com UPP como o Morro Dona Marta. (Págs. 1 e 16)

Na Bahia, paralisação é esvaziada

Apesar de nova assembléia ter aprovado a continuidade da greve, parte dos PMs que estavam parados há dez dias voltou ao trabalho. Nesse período, houve 160 assassinatos em Salvador e arredores. Deputado propôs que o general Gonçalves Dias, que ganhou um bolo dos grevistas, receba o título de cidadão baiano. (Págs. 1, 12 e 14 e Zuenir Ventura)

Segurança garante o Bola Preta

A diversão falou mais alto no desfile do Cordão da Bola Preta, que arrastou milhares de foliões na Cinelândia. Depois dos blocos, os bailes de carnaval voltam com força este ano. Serão mais de 30 em clubes, casas de show, bares e quadras. A coluna Gente Boa terá um camarote especial no Jockey. (Págs. 1, 21 a 25)

Prosa e Verso

Livros discutem mudanças cognitivas, econômicas e políticas provocadas pela massificação da internet. (Pág. 1)

A nova estrela do PT

A festa dos 32 anos do PT teve um convidado especial: o prefeito de São Paulo e presidente do PSD, Gilberto Kassab. Vaiado por parte dos militantes, Kassab tem apoio de Lula para se aliar a Fernando Haddad na disputa pela prefeitura de São Paulo. Na resolução elaborada pelo Diretório Nacional, o PT ressalta que o governo Dilma faz “concessões públicas” e não privatização. (Pág. 1 e 3)
————————————————————————————

O Estado de S. Paulo

Manchete: Rio prende 16 policiais e agiliza processos para punir grevistas

Clima era de normalidade na capital; Planalto garante que carnaval terá segurança

No primeiro dia de greve dos policiais e bombeiros no Rio, o governo estadual indiciou dezenas de militares das duas corporações e baixou decreto para agilizar a punição aos líderes do movimento. O Corpo de Bombeiros anunciou a prisão administrativa de 123 guarda-vidas e abriu processo disciplinar. Sete policiais foram detidos em diversos batalhões por desobediência, 147 foram indiciados por crimes militares e 16 foram presos. Dos 11 líderes grevistas da corporação que tiveram prisão decretada pela Justiça da Auditoria Militar, 9 foram detidos – entre eles três oficiais da reserva . Um processo disciplinar foi aberto para julgar 14 PMs, que poderão ser expulsos. Nas principais ruas da capital, o policiamento não era ostensivo, mas a impressão de normalidade predominava. O governo federal afirmou que tem planos de contingência para garantir a segurança do carnaval em qualquer Estado do País. (Págs. 1 e Cidades C1 e C3 a C5)

José Eduardo Cardozo

Ministro da Justiça

“Temos condições de mandar tropas para qualquer Estado que necessite de reforço. Não tenho a menor dúvida de que o carnaval transcorrerá em absoluta normalidade em todos os Estados.”

Bahia diz que 85% estão trabalhando

Segundo o comandante-geral da PM, coronel Alfredo Castro, 85% do efetivo policial está trabalhando na Região Metropolitana de Salvador e 80% estão nas ruas no interior. Para ele, na maior parte de Estado, o policiamento é “normal”. Lideranças grevistas contestam os dados apresentados por Castro e afirmam que a paralisação está mantida. (Págs. 1 e Cidades C4)

Amanhã: Meninos do Contestado

Especial mergulha na maior rebelião do País no século 20. (Pág. 1)

Após ataque de Marta, Kassab vai à festa do PT

Um dia após a senadora Marta Suplicy ter dito que teme acabar de “mãos dadas” com Gilberto Kassab numa eventual aliança antre o PT e o PSD na eleição em São Paulo, o prefeito fez questão de comparecer à festa em comemoração dos 32 anos do PT, em Brasília. “Não acredito que a Marta nos tenha como inimigos”. O pré-candidato Fernando Haddad afirmou que Kassab era “bem vindo”. Segundo o PT, ele compareceu na condição de “presidente de partido aliado ao governo Dilma”, embora não integre a base. (Págs. 1 e Cidades A6)

Após balanço negativo, ações da Petrobrás desabam

O forte prejuízo da área de abastecimento da petrobras no último trimestre de 2011 surprendeu anilistas e instituições financeiras e fez a companhia perder R$ 28,2 bilhões em valor de mercado, segundo cálculo da Economática. Ontem, as ações ON da estatal caíram 8,28%. Os PN, 7,84. (Págs. 1 e B1/Economia)

R$ 4,4 bilhões foi o prejuízo da parea de abastecimento da petrobrás no último trimestre de 2011.

Ministra que defendeu aborto é ‘mal-amada’, afirma bispo

O bispo de Assis (SP), d. José Benedito Simão, presidente da Comissão pela Vida da Regional Sul, da CNBB, afirmou que Eleonora Meniccucci, nova ministra da secretaria de Política das Mulheres, “é infeliz, mal-amada e irresponsável”. Ela “adotou postura contra o povo e em favor da morte” ao defender o aborto, atacou. Eleonora foi empossada ontem pela presidente Dilma Rousseff, que diz ter certeza que a ministra “atuará segundo diretrizes do governo em todos os temas”. (Págs. 1 e A4/Nacional)

PosseFot-legenda:
Eleonora criticou a disseminação do “padrão sexista”

Mercadante quer bônus para alfabetização

O ministro da Educação, Aloízio Mercadante, disse em entrevista, ao Estado que discute o pagamento de bônus para as escolas que alfabetizarem todos os alunos até 8 anos de idade. “Temos de valorizar essa conquista”, afirmou. (Págs. 1 e A22/Vida)

Governo sírio acusa rebeldes de terrorismo (Págs 1 e A18 / Internacional)

Reciclável vai para o lixo em SP por falta de coleta (Págs. 1 e C7 / Cidades)

Vladmir Putin

Democracia russa

Precisamos modernizar os mecanismos de nossa democracia de modo que eles correspondam ao aumento nna atividade social. (Págs. 1 e A20 / Visão Global)

Notas & Informações

A propagação do motim

A repressão a greves de servidores que portam armas é dever elementar do poder público. (Págs. 1 e A3)

————————————————————————————

Correio Braziliense

Manchete: Senado pune servidora e investiga concurso

Funcionária responsável pelo contrato com a FGV para realização da prova concorria a uma vaga no exame. Ela teve a inscrição anulada

lntegrante da Comissão do Concurso Público do Senado Federal, Lúcia Maria Medeiros de Souza fazia a gestão administrativa do Contrato com a Fundação Getúlio Vargas para elaborarção e aplicação das provas. Em nota, o Senado afirmou que nenhum dos participantes do colegiado teve ou terá acesso ao conteúdo do exame e anunciou a abertura de uma sindicância. É preciso investigar se há mais pessoas envolvidas, defendem especialistas ouvidos pelo Correio.

Foto-legenda: À moda petista

Com a presença de Dilma e a ausência de Lula, o PT abriu em Brasília sua festa de 32 anos em meio à polêmica. Se para um lado José Dirceu (ao lado do governador Agnelo) foi aplaudido pelos militantes, por outro, o prefeito Gilberto Kassab (D), do PSD, provável aliado em São Paulo, ganhou uma sonora vaia. (Págs. 1 e 6 )

Governo do Rio prende PMs líderes da greve (Págs. 1, 2 e 4)

Mulheres: Vitória contra a violência

Na posse do nova ministra da Secretaria de Políticas para as Mulheres, Eleonora Meneccucci, a decisão do STF de fortalecer a lei Maria da Penha recebeu elogios. (Págs. 1, 12 e 24 / Visão do Correio)

Trânsito: Menos mortes em janeiro

Segundo o Detran, 28 pessoas morreram no mês passado em acidentes. O número é 28.3% menor que o registrado no mesmo período de 2011 (39). (Págs. 1 e 34)

Problemas de sobra no metrô

Estações lotadas e passageiros irritados: cenas que se repetem há nove dias. Ontem, os trens voltaram a apresentar defeitos e o sistema ficou prejudicado. A direção da empresa suspeita do boicote de parte dos metrôviários que ameaçavam greve na segunda-feira. (Págs. 1 e 37)

Confira as datas de pagamento do IPVA e IPTU (Págs. 1 e 41)

Receita pede investigação de Bandarra

O ex-procurador-geral do DF Leonardo Bandarra é suspeito de burlar o Fisco na compra de uma casa. Ele também responde por falsidade ideológica. (Págs. 1 e 31)

————————————————————————————

Carta Capital

Manchete: Pinheirinho, as razões da tragédia

Jogadas e artimanhas de Naji Nahas para burlar as dívidas e recuperar o terreno. (Pág. 1)

Bahia: As lições da greve da PM que os governos precisam aprender (Pág. 1)

The Economist: O capitalismo de Estado triunfa nos emergentes (Pág. 1)

————————————————————————————

Zero Hora

Manchete: Planalto tem 20 mil homens de prontidão para atuar em greves

Enquanto o ministro da Justiça promete reforço aos Estados em caso de paralisações de polícias, líderes são presos no Rio para frear protesto. (Págs. 1 e 34)

Foto-legenda: Dor premiada

Imagem de mulher segurando parente ferido em manifestação no Iêmen em 2011 é vencedora do World Press Photo. (Págs. 1 e 22)

O novo perfil tecnológico dos consumidores

Pesquisa inédita revela hábitos de usuários brasileiros no universo digital. (Págs. 1,4 e 5)

Salgado Filho: Ampliação de pista atrasa pela sexta vez

Depois de prometer projeto para ontem, Exército agora prevê entrega na segunda. (Págs. 1 e 16)

Segurança: Falta controle no uso de cinto em ônibus

Passageiros não são alertados por motoristas. (Págs. 1, 26 e 27)

Negociação: “Erro poderia causar uma morte”

Major coordenou desfecho de assalto na Capital.(Págs. 1 e 36)

Clipping Radiobrás

Edição: Equipe Fenatracoop

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.