Manchete nos Jornais para este Sábado 24 de Março de 2012

51

Direto ao ponto: Papa rejeita comunismo em Cuba; Às Vésperas de visitar o país, Bento XVI diz que Igreja pode ajudar a mudar regime? – País terá dificuldade no controle do dólar -Senador pode sofrer ação por suposto acordo com bicheiro – Dilma assume negociação para aprovar lei ambiental – BC vai vigiar quem pegar empréstimo…

O Globo

Manchete: Prefeito pede socorro para alojar pessoal da Rio+20

Campanha tentará incentivar moradores a hospedar participantes

A menos de três meses para a Conferência Sustentável (Rio+20), a falta de infraestrutura hoteleira suficiente para abrigar 50 mil pessoas levou o prefeito Eduardo Paes a decidir lançar, até o início de abril, uma campanha incentivando os cariocas a hospedar estrangeiros. Para garantir a acomodação de todos os participantes – já está confirmada a vinda de 80 chefes de Estado e de 120 delegações, além de representantes dos 193 países membros da ONU e de milhares de integrantes de ONGs -, o Comitê Organizador da Rio+20 bloqueou reservas até mesmo em hotéis fora do Rio, em cidades como Angra dos Reis e Petrópolis. Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-RJ), a cidade tem 33 mil quartos incluindo albergues e motéis, e a taxa de ocupação para o período do evento (13 a 22 de junho) já passa de 90%. Congressos marcados para junho – como um internacional de odontologia, com três mil pessoas – já foram transferidos ou adiados para desafogar a rede hoteleira. (Página 1 e 14)

Carioca desperdiça chance de reciclar

A cidade-sede da Rio+20 ainda não assimilou a cultura da reciclagem, mostra a última reportagem da série. Para especialistas, campanha não basta: é preciso subsidiar o setor.
(Págs. 1 e editorial “Lixo mancha a imagem da cidade da Rio+20”, 21)

França à espera de explicações sobre atirador

A morte do extremista islâmico Mohammed Merah pela polícia levou a França a questionar por que ele não foi capturado vivo para explicar suas possíveis ligações com grupos terroristas, e também a eficácia das autoridades, que não o prenderam antes. (Págs. 1, 37 e Arnaldo Bloch)

Prazos eleitorais ameaçam Lei da Ficha Limpa

Promotores eleitorais temem que o prazo legal de cinco dias para pedir a impugnação de candidaturas dificulte o cumprimento da Lei da Ficha Limpa este ano. Eles temem não ter tempo de analisar toda a documentação dos candidatos. Em 2008, 381 mil concorreram. (Págs. 1 e 3)

China desacelera e pega Vale no inferno astral

Demanda menor da China, seu principal mercado, queda no preço internacional do minério de ferro e cobranças judiciais de impostos fizeram a Vale perder para a Ambev o posto de segunda colocada entre as maiores do país em valor de mercado. (Págs. 1 e 29)

Prosa & Verso

Nova onda de oposição ao acordo ortográfico em Portugal lança dúvidas sobre unificação da língua.

“Se o acordo fosse adoptado, a pronúncia de muitas palavras ficaria desfigurada, com excepção do Brasil”

Vasco Moura, escritor português, em entrevista por e-mail, na qual pediu “respeito da ortografia portuguesa”.

————————————————————————————

O Estado de S. Paulo

Manchete: Dilma assume negociação para aprovar lei ambiental

Crise na base faz presidente tentar pessoalmente obter maioria e evitar desgaste antes de cúpula da ONU

A presidente Dilma Rousseff assumiu o comando da negociação para aprovar o Código Florestal, diante da iminência de uma derrota às vésperas da Conferência da ONU para o Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, em junho. Durante duas horas, ela discutiu as propostas com seis ministros. A orientação é evitar a votação na Câmara ao menos por um mês, para tentar obter maioria. A presidente admitiu que a estratégia pode não funcionar diante da pressão de aliados para liberar proprietários rurais da exigência de recuperar a vegetação nativa às margens de rios. Anteontem, Dilma pediu a Gilberto Kassab, presidente do PSD, que o partido apoiasse essa exigência, mas o prefeito paulistano disse que não tem controle sobre esse tema na bancada – entre os 47 deputados do partido, há muitos ruralistas. (Págs. 1 e Nacional A4)

Ruralistas aproveitam
A bancada ruralista tem aproveitado a crise na base aliada para emplacar sua agenda, informa o repórter Roldão Arruda. (Págs. 1 e Nacional A4)

Senador pode sofrer ação por suposto acordo com bicheiro

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, avalia se pedirá ao STF abertura de inquérito para investigar o senador Demóstenes Torres (DEM-GO) por suposta cobrança de propina e favorecimento pela máfia dos caça-níqueis em Goiás. A situação se agravou após divulgação de que o senador receberia 30% da arrecadação do bicheiro Carlinhos Cachoeira. Torres nega. (págs. 1 e Nacional, A6)

FGV prepara índice para medir felicidade

A Fundação Getúlio Vargas está elaborando um índice de Felicidade Interna Bruta (FIB). A intenção é fornecer os resultados ao governo para as políticas públicas. Os pesquisadores dizem que o PIB não dá conta da situação real do País, mas admitem que o PIB é bastante subjetivo. (Págs. 1 e Economia B1 e B3)

Assassinato de gartoto negro revolta Obama

O presidente Barack Obama engrossou a indignação na Flórida após o assassinato do negro Trayvon Martin, 17 anos, pelo vigilante branco George Zimmerman, que suspeitara dele. “Se eu tivesse um filho, ele seria como Trayvon”, disse Obama. (Pags. 1 e Internacional A18)

Para papa, comunismo não funciona em Cuba (Págs. 1 e Vida A26)

Procurador duvida de prisão no caso do Metrô (Págs. 1 e Cidades C1)

Marco Aurélio Nogueira

Venenos e toxinas
A crise do governo com a base evolui porque a política chegou a um nível tão baixo que passou a liberar somente gases tóxicos e venenos. (Págs. 1 e Espaço aberto A2)

Roger Cohen

O falso debate sobre o Irã

Como os EUA aprenderam na última década, erros podem ocorrer sob a forma de escolhas irracionais impulsionadas pela política. (Págs. 1 e Visão Global A20)

Notas & Informações

A reunião com os empresários serviu para Dilma encenar iniciativa, em meio à crise com a base.(Págs. 1 e A3)

————————————————————————————

Correio Braziliense

Manchete: Adeus, Chico

Gênio na arte de fazer rir, Chico Anysio era um artista multimídia, antes mesmo de a expressão ser inventada. Começou no rádio. Fez teatro e cinema. Escreveu dezenas de livros. Compôs música. Cantou. Mas foi na TV que se consagrou como o maior humorista brasileiro de todos os tempos. Os 209 personagens que criou divertiram várias gerações de brasileiros. E bordões como “Afe, tô morta”, do pai de santo Painho, e “E o salário, ó!”, do saudoso professor Raimundo, caíram no gosto popular. Em Brasília, ele recebeu a última homenagem pública em vida, pelo projeto Mitos do Teatro Brasileiro. Emocionado, não perdeu a irreverência e o bom humor, mesmo sentado numa cadeira de rodas: “Estou aqui no meio dos grandes: Dulcina de Moraes, Procópio Ferreira, Dercy Gonçalves, Nelson Rodrigues e Cacilda Becker”, disse. “Tomei até um susto, porque todos estão mortos. Pensei: será que eu vou ter que morrer também?” A plateia, que já o aplaudia de pé, explodiu numa sonora gargalhada. Chico lutava contra a morte havia três meses. Ontem, aos 80 anos, perdeu a batalha. (Pág. 1 e Suplemento Especial)

Fanático tinha ligações com neonazistas

Polícia Federal investiga se o brasiliense suspeito de planejar um massacre a alunos da UnB recebeu dinheiro de grupos extremistas (Págs. 1 e 33 a 36 e Visão do Correio, 26)

Dilma parte pra briga com a base

A ordem, no Planalto, é não recuar no embate com ruralistas sobre mudanças no texto do Código Florestal, aprovado no Senado. A questão rachou a base aliada. (Págs. 1 e 2)

Brasileira afoga o filho na Argentina

Adriana Cruz matou o menino de 6 anos na banheira. O crime seria uma vingança contra o ex-marido e causou revolta no país vizinho. (Págs. 1 e 29)

BC vai vigiar quem pegar empréstimo

Governo aumenta fiscalização para evitar o endividamento excessivo dos brasileiros. Cliente que tomar mais de R$ 1 mil em banco será monitorado. (Págs. 1 e 16)

————————————————————————————

Estado de Minas

Manchete: Adeus, Chico,

Salomé, Pantaleão, Popó, Coalhada, Bozó, Painho, Professor Raimundo, Alberto Roberto, Nazareno,

Al Cafone, Alfacinha, Azambuja, Baiano, Bandeira, Bento Carneiro, Bexiga, Bonfá, Bonfim, Bóris, Brazuca, Bronco Billy, Bruce Kane, Caetano Codô, Caio Malufus, Canavieira, Caramuru, Cascata, Castelinho, Chiquitim, Cleofas, Comandante Alencar, Coronel Bezerra, Coronel Candinho, Coronel Lidu, Coronel Limoeiro, Coronel Lindomar, Delegado Matoso, Divino, Dona Dedé, Dona Ilária, Doutor Rosseti, Doutor Salgado, Esquerdinha, Flora Romão, Franciscano, Frota, Fumaça, Galileu, Gastão, Genival, Haroldo, Hilário, Jean Pierre, Jovem, Justo Veríssimo, Karlos Kafunga, Lingote, Linguinha, Lobato, Lobo Filho, Lord Black, Maria Baiana, Mariano, Meinha, Milton Gama, Mirandinha, Napoleão, Neyde Taubaté, Nicanor, Olindo, Osvaldão, Padre Miguel, Paulo Jeton, Primo Rico, Profeta, Prometeu, Quem-Quem, Quirino, Roberval Taylor, Santelmo, Setembrino Republicano, Seu Jayme, Silva, Simplício, Tan-Tan, Tim Tones, Urubulino, Valentino, Véio Zuza, Vieira Souto, Virgílio, Vovó Zefa, Washington, Zé da Silva, Zelberto Zel e muitos outros personagens que são

a cara do Brasil.

Maior homorista do país, ator, escritor, compositor, artista plástico. Chico Anysio morreu aos 80 anos de falência múltipla de órgõas depois de três meses internado com infecção pulmonar. Será cremado amanhã no Rio. (Págs. 1 e 11 a 14)

País terá dificuldade no controle do dólar

Aumento da projeção do BC para o déficit nas contas externas, de US$ 65 bilhões para US$ 68 bilhões este ano, comprova a dependência do Brasil de capital estrangeiro para financiar o crescimento da economia. Segundo especialistas, isso limita o poder de fogo do governo na guerra cambial, já que medidas radicais poderiam interromper o fluxo de entrada de dinheiro, tolhendo a expansão do PIB. (Págs. 1 e 15)

Trotes: UFMG adota tolerância zero dentro do Câmpus

Após denúncia de humilhação com conotação sexual de 20 calouras do curso de turismo, reitoria diz que aplicará punições que incluem até expulsão para quem der trotes. Segundo a denúncia, as calouras foram amarradas a árvores e obrigadas a pôr na boca cabo de madeira com preservativo. (Págs. 1 e 21)

Copa 2014: Bebida e tropeiro no Mineirão

Além da Assembleia, a Câmara de BH pode retomar projeto que libera a cerveja no estádio e ainda garante a venda dos tradicionais feijão-tropeiro e sanduíche de lombo. (Págs. 1 e 3)

Trânsito: PMs usarão palm tops para multar

Os aparelhos digitais portáteis estarão interligados ao sistema do Detran, evitando a anulação de 10% das autuações por mau preenchimento dos blocos anotados. (Págs. 1 e 23)

Violência em alta

Anastasia manda trocar comando da Polícia Civil (Págs. 1 e 4)

————————————————————————————

Jornal do Commercio

Manchete: Ficam os muitos Chicos

Morte do humorista Chico Anysio, ontem, aos 80 anos, deixou o País mais triste. Os seus 209 personagens, no entanto, vão continuar alegrando os brasileiros por muito tempo. Nordestino com orgulho, ele trabalhou no Recife nos anos 50. (Págs. 1 e Caderno C 1, 4 e 6)

Mais três mil vagas na refinaria de Suape

Novas contratações vão acontecer nos próximos três meses nas áreas de instrumentação, eletroeletrônica e controle de sistemas. (Págs.1 e Economia 1 e 2)

Secretário deixa prefeitura para apoiar Rands

Cláudio Ferreira deixou a pasta de Assuntos Jurídicos e vai defender o adversário do prefeito dentro do PT. (Págs. 1 e 3 a 5)

————————————————————————————

Zero Hora

Manchete: RS entra em rota de droga peruana que vai para a Espanha

Terceira prisão de traficante estrangeiro no aeroporto Salgado Filho em 51 dias confirma que a Capital virou entreposto para quadrilha.

Conexão inclui Peru, Bolívia e o norte do Brasil. (Págs. 1 e 36)

Olho no juro: Crédito além de R$ 1 mil será vigiado

Banco Central vai fiscalizar empréstimos para evitar inadimplência. (Págs. 1 e 22)

Direto ao ponto: Papa rejeita comunismo em Cuba

Às Vésperas de visitar o país, Bento XVI diz que Igreja pode ajudar a mudar regime. (Págs. 1 e 26)

Clipping Radiobrás

Edição: Equipe Fenatracoop



Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *