Foto: Arquivo PMPR
Foto: Arquivo PMPR

De acordo com dados divulgados pelo Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), nesta terça-feira (08), o número de acidentes com óbito registrados nas estradas estaduais reduziu 35% durante os quatro dias de feriado de Corpus Christi, se comparado com o mesmo período do ano anterior, passando de 20 para 7 pessoas mortas. Porém, o número de acidentes aumentou cerca de 22,7%, com o registro de 154 acidentes em 2009 e 189, neste ano.

“Mesmo com esse aumento significativo no número de acidentes, os dados positivos foram referentes que a quantidade de pessoas machucadas e de óbitos que não acompanharam o mesmo crescimento”, afirma o chefe de operações do BPRv, tenente Sheldon Vortolin. As fiscalizações foram intensificadas pelo BPRv desde quarta-feira (02), para garantir a segurança dos motoristas. O número de autuações a veículos neste feriado foi de 1.876, enquanto no mesmo período do ano passado foram 2.409.

O tenente explica que o feriado foi um período longo, de quatro dias de folgas para os paranaenses, e que por esse motivo, o fluxo de veículos aumentou muito. “E quando há esse aumento de números de veículos circulando nas rodovias, o aumento de acidentes é consequência”, explica. “Isso por que os motoristas não respeitam as leis de trânsito e insistem em fazer ultrapassagens perigosas e dirigir acima do limite de velocidade permitida”, completa.

O simples uso do cinto de segurança e o respeito aos limites de velocidades, por exemplo, são medidas que, segundo Vortolin, garantem uma viagem segura. “É preciso ressaltar que os motoristas quando forem viajar dirijam com cautela e com responsabilidade para que tenham a certeza de que vão chegar com segurança no destino desejado”, diz. O tenente ainda lembra que as cadeirinhas para o transporte seguro para crianças passam a ser obrigatórias a partir desta quarta-feira (09) e que esse item garante também a seguranças nos menores.

* Colaboradora: Silvia Schandoha – Estagiária de Jornalismo

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.