unnamed (31)Policiais da Segunda Companhia de Polícia Militar Ambiental, localizaram e apreenderam mais de 100 kg de peixes expostos a venda de maneira irregular, em feiras livres e estabelecimentos comerciais na cidade de Londrina.

Durante operação desencadeada neste domingo Policiais da segunda Companhia de Polícia Militar Ambiental, deram atendimento a denuncias anônimas que davam conta de que em alguns estabelecimentos comerciais da cidade de Londrina e em feiras livres estava ocorrendo o crime ambiental de venda de peixes sem procedência.

Policiais da segunda companhia de Polícia Militar Ambiental, que participam da Operação Verão no interior do estado foram mobilizados para darem atendimento às denuncias e já em uma primeira abordagem em uma feira livre que ocorria no centro da cidade de Londrina os policiais localizaram 12 quilos de peixe da espécie Curimba que estavam sem declaração de procedência sendo comercializados.

Em outra fiscalização um estabelecimento comercial de Londrina foi flagrado com  mais de 89 kg de peixes da espécie Surubim, que também não tinham procedência, armazenados em um freezer dentro do estabelecimento.

Os espécimes apreendidos, são nativos, e estão sob a proteção do período de defeso da piracema, sendo que para a sua comercialização, é necessário que o estabelecimento comercial tivesse feito uma declaração de estoque junto ao IAP, no mês de Dezembro, próximo ao inicio da piracema, como estes animais não estavam declarados e não havia meios para a comprovação de sua procedência os policiais fizeram a apreensão dos animais, que como já estavam abatidos e são altamente perecíveis os policiais fizeram a doação dos espécimes apreendidos para o asilo São Vicente de Paulo, onde estes animais serão utilizados na alimentação das pessoas atendidas pelo asilo.

Além da apreensão dos espécimes que estavam irregulares, os infratores serão submetidos a processo penal e o IAP será oficiado para que seja lavrado a multa administrativa pela infração cometida.

É ordem direta de nosso comandante do BPMA (Batalhão de Polícia Militar Ambiental) Tenente Coronel Vieira, que as ações de fiscalização e proteção ao meio ambiente sejam intensificadas em todo o estado do Paraná garantindo que o meio ambiente seja protegido para as gerações futuras.

O comércio irregular de pescado tem de ser combatido para que possamos ter certeza de que os peixes vendidos atendam as normas sanitárias de armazenamento e transporte e não seja um risco para a saúde do consumidor final, assim como respeite as normas de pesca garantindo o uso consciente dos recursos naturais garantindo assim a preservação ambiental, contribua você também, denunciando os ilícitos ambientais, entre em contato através do telefone (43) 3341-7733, em Londrina e região.

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.