Soltar pipa é uma brincadeira que parece inofensiva mas que pode causar transtornos e até tragédias. Embora os riscos sejam amplamente divulgados, muitas crianças ainda ignoram os perigos e se aventuram em locais inapropriados, como próximo a postes de energia elétrica. Segundo a Copel, somente este ano 135 mil domicílios de Londrina e cidades vizinhas ficaram sem luz devido ao grande número de pipas enroscadas na rede de distribuição da companhia.

Ontem, uma equipe da Copel passou o dia todo retirando pipas enroscadas nas linhas de transmissão localizadas na Rua Manoel Borba Gato, no Jardim Novo Bandeirantes, na divisa entre Londrina e Cambé. ”Essa é a área mais atingida. Nos últimos 30 dias, foram registrados três desligamentos nesta área, em cada um deles 35 mil residências ficaram sem luz devido aos curtos-circuitos provocados por pipas neste local”, explicou o o engenheiro responsável pela manutenção das linhas na região, Limerci Aparecido Gaspareto.

Segundo ele, foram localizadas mais de 100 pipas em um trecho de 2,5 quilômetros da rua. ”O fundo de vale que há nesta rua acaba atraindo as crianças para brincarem por aqui”, avaliou Gaspareto.

Um fator que chamou a atenção da equipe da Copel é que até então as pipas costumavam atingir postes normais da rede de distribuição e agora estão atingindo cabos de alta tensão de superpostes da linha de transmissão. ”Os superpostes têm 19 metros, o dobro de tamanho dos demais. Eles também oferecem um risco muito maior, pois a descarga elétrica deles é em de 138 mil volts, enquanto que os postes comuns têm uma descarga de 13 mil volts”, alerta.

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.