normal_POLICIARODOVIARIA1A Polícia Rodoviária Estadual fechou na manhã desta quarta-feira (26) o balanço de Operação Natal, com mais de 3 mil autuações por excesso de velocidade ao longo das rodovias estaduais. O número é mais que o dobro do registrado na mesma operação do ano passado, quando foram autuados mais de 1.200 veículos.

O reforço na fiscalização ocorreu das 18 horas da sexta-feira (21) até as 24 horas da terça-feira (25). Nesse período, foram registrados 192 acidentes, com 19 mortes e 187 feridos, e três atropelamentos em todo o Paraná. No ano passado, ocorreram 129 acidentes, com 14 mortes e 133 feridos, e três atropelamentos, durante o mesmo feriado.

O maior número de registros de excesso de velocidade aconteceu no último dia do feriado (25), quando foram feitas mais de 1.076 autuações. A metade das multas (552 autuações) foram emitidas nas estradas do Litoral paranaense.

O comandante do Batalhão da Polícia Rodoviária Estadual, João Vieira, diz que a Polícia atuou fortemente durante a Operação de Natal, para coibir o excesso de velocidade. “Como o Governo do Paraná recuperou as rodovias, a Polícia Rodoviária Estadual já previa excessos, porque a estrada com bom asfalto e sinalizada faz com que os motoristas não percebam que estão rodando além do limite”, disse o comandante.

Antes do início do período de festa, o DER recuperou mais de 12 mil quilômetros de rodovias estaduais, com 2 mil homens trabalhando na pavimentação, recuperação da sinalização (substituição de placas e pintura)e fazendo roçadas. Também foram fiscalizadas as obras de conservação e manutenção das rodovias concessionadas, exigindo a execução de melhorias antes do Natal e Ano Novo.

EMBRIAGUEZ – A Polícia Rodoviária Estadual também agiu para retirar das estradas motoristas embriagados. Foram feitas 34 autuações, retendo motoristas, cujo exame do bafômetro comprovou consumo de bebida alcoólica além do permitido por lei. “Para as festas do fim de ano, há excessos no uso de bebidas alcoólicas. Por isto, a polícia rodoviária será firme na fiscalização, usando o etilômetro para retirar motoristas que apresentem sinais de embriaguez”, avisou o comandante.

Ao longo da Operação de Natal, foram emitidas outras 3.127 autuações. Foram casos de motoristas sem carteira de habilitação, documentos vencidos, uso de celulares no volante, sem uso de cinto de segurança, entre outros casos de descumprimento do Código de Trânsito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.