Richa negocia liberação de recursos em encontros em Brasília

68

O governador Beto Richa participou nos últimos dois dias de uma série de reuniões em Brasília para negociar a liberação de recursos para o Estado. Entre os temas tratados estão os empréstimos internacionais solicitados pelo Paraná e também a ampliação da parceria com o governo federal para projetos habitacionais.

Na noite de terça-feira, Richa teve um encontro com a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann. Durante a reunião, o governador fez um relato dos projetos do Paraná que tramitam em Brasília e pediu apoio do Palácio do Planalto para que os processos sejam agilizados.

Um dos principais temas debatidos com a ministra foi a liberação pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN) dos pedidos de financiamentos internacionais que estão em avaliação no órgão. O Estado negocia cerca de R$ 1,7 bilhão em empréstimos com organismos nacionais e internacionais de fomento, com contrapartida de R$ 2 bilhões.

Richa lembrou que no final do ano passado foi assinado pela presidente Dilma Rousseff e o ministro da Fazenda, Guido Mantega, um termo de ajuste que amplia em R$ 1,364 bilhão a capacidade do Paraná de contrair financiamentos internos e externos para investimentos. O compromisso faz parte do Programa de Ajuste Fiscal do governo federal.

Richa explicou que o Ministério do Planejamento já deu aval para várias propostas de captação de recursos pelo Estado, mas ainda falta a STN concluir a última etapa de análise dos processos para que a documentação seja enviada para a Comissão de Assuntos Econômicos do Senado (CAE).

O governo estadual também aguarda a liberação pela Secretaria do Tesouro Nacional da análise da capacidade de endividamento de cerca de 100 municípios paranaenses. Todos já negociaram empréstimos do Fundo de Desenvolvimento Urbano com o Estado. Os recursos estão garantidos e serão aplicados em obras de infraestrutura urbana.

HABITAÇÃO – Nesta quarta-feira (28/03), Richa e o presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Mounir Chaowiche, etiveram na sede da Caixa Econômica Federal, em Brasília, para uma reunião com o presidente da instituição, Jorge Fontes Hereda. Ele pediu a ampliação da parceria que o Estado tem com o banco para a realização de novos projetos habitacionais no Estado. “Temos uma boa relação com a Caixa e gostaríamos de aumentar, por meio de novas parcerias com o governo estadual, o volume de investimentos em moradias no Estado”, defendeu o governador.

Richa explicou à direção da Caixa que o governo tem como meta atender 100 mil famílias com moradia até 2014 com o programa Morar Bem Paraná da Cohapar. “É uma meta ousada e estimulante, pois atende famílias da área urbana e do meio rural. Por isso, é fundamental buscarmos recursos em todas as fontes disponíveis”, disse o governador, que também teve um encontro técnico no Ministério das Cidades para tratar do mesmo assunto.

NOVO AVIÃO – O governador Beto Richa também cumpriu agenda com a ministra Eliana Calmon, do Superior Tribunal Justiça, que é corregedora do Conselho Nacional de Justiça. A reunião aconteceu na tarde desta quarta-feira.

No encontro foi anunciada a doação ao Paraná de uma aeronave modelo Baron, que passará a integrar a frota do Estado e será utilizada em ações de segurança pública e saúde. O avião foi apreendido em uma operação federal de combate ao tráfico de drogas.

A agenda de Richa em Brasília também incluiu um café da manhã com o empresário Jorge Gerdau, que é presidente do Movimento Brasil Competitivo (MBC) e um dos conselheiros da presidente Dilma Rousseff. O governador participou de um almoço com o senador Aécio Neves e com o deputado federal Sérgio Guerra.



Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *