A partir do dia 24 de março, agentes do Programa Saúde da Família vão visitar mais de 20 mil domicílios de Cambé divulgando informações e conscientizando a população sobre os perigos da Tuberculose. A ação faz parte das comemorações do Dia Mundial de Combate a Tuberculose, lançado em 1982 pela Organização Mundial de Saúde.

Segundo a coordenadora municipal do Programa Saúde da Família, Rosália Garcia, além de repassar informações sobre a Tuberculose, os agentes de saúde vão rastrear possíveis portadores da doença. “Os agentes vão procurar diagnosticar os chamados “Sintomáticos Respiratórios” que são aquelas pessoas que estão com tosse contínua a mais de duas semanas. Esses pacientes serão encaminhados às unidades de saúde para fazerem o exame da tuberculose”, afirma. Rosália explica que cerca de 1% da população é sintomática respiratória e 4% dessa fatia são portadores da doença. “A tuberculose continua sendo um problema para a saúde pública devido ao contágio via respiratória. Se diagnosticada com rapidez, após 6 meses de tratamento, o paciente fica totalmente curado da doença”, explica a coordenadora.
A tuberculose é uma infecção causada por um microorganismo conhecido por bacilo de Koch. A doença costuma afetar os pulmões causando tosse, febre, emagrecimento, suor noturno, cansaço, dor no peito e escarro com sangue.
O Brasil é um dos 22 países priorizados pela Organização Mundial de Saúde por apresentarem mais de 80% dos casos de tuberculose no mundo.
Cambé notificou 11 casos da doença em 2011.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.