A Secretaria de Saúde vai reforçar a campanha de prevenção e tratamento do HIV/Aids em Cambé. Na semana que antecede o Carnaval, o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) vai intensificar o serviço de testes rápidos e a distribuição de preservativos masculinos e femininos em pontos estratégicos.
Além do reforço na distribuição de preservativos nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), os funcionários dos departamentos de Atenção Básica e Vigilância e Saúde também vão distribuir em motéis, academias da cidade e no Harmonia Tênis Clube (HTC). Também haverá a distribuição de panfletos da campanha nos locais.
A Secretaria informou que o esforço é de elevar o tom de alarme para os mais jovens, grupo no qual o Ministério da Saúde vem constatando menor hábito de usar preservativo e maior índice de contágio por HIV. Além do HIV, também há o alerta para o risco de propagação de outras infecções sexualmente transmissíveis (ISTs), como HPV, herpes genital, gonorreia, hepatite B e C e sífilis.
De acordo com o Ministério da Saúde, a campanha deve ser intensificada no Carnaval por causa da grande quantidade de festas que acontecem no Brasil nesse período, mas a preocupação deve continuar o ano todo. Dados do Ministério da Saúde de 2010 a 2015 apontam que no Brasil a média é de 40 mil novos casos por ano, e que de 2001 a 2016 o número de casos aumentou em 300% em relação ao período de 1980 a 2000.

Prevenção e tratamento
O preservativo ainda é o método mais eficiente de prevenção das ISTs. Se houver dúvida sobre a exposição ao HIV, procure a Unidade de Saúde mais próxima e faça o teste rápido. Se houver exposição ao vírus, o indivíduo deve procurar a Unidade em até 72 horas, e em caso de resultado positivo, o tratamento no SUS é gratuito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.