Foto: G1

Em casa, o Londrina tentou tomar a iniciativa, mas levou pouco perigo. Apostando no contra-ataque, o Goiás abriu o placar aos 14 minutos. Michael mandou a bola na área, Lucão ganhou no alto com o goleiro, e Carlos Eduardo mandou para a rede. O Tubarão quase empatou com Paulo Henrique, em chute à queima-roupa defendido por Marcos. No fim, Felipe Marques, para o Londrina, e Carlos Eduardo, para o Esmeraldino, quase mudaram o placar antes da ida ao intervalo.

O Goiás dominou quase todo o segundo tempo. Em dez minutos, o time perdeu pelo menos três boas chances de ampliar o placar. O Londrina ficou na bronca com a arbitragem aos 16, quando o árbitro marcou pênalti em toque de mão de Edcarlos, mas depois voltou atrás na decisão e apontou falta para o Goiás. Nervoso em campo, o Tubarão viu o Esmeraldino perder uma chance incrível aos 25, com Vagner e o travessão salvando. No minuto seguinte, o Londrina ficou com um a menos com a expulsão de Silvio. Mesmo assim, veio o empate aos 28, com Felipe Marques, após jogada na raça de Safira. Porém, com vantagem numérica em campo, o Goiás pressionou e garantiu a vitória. Aos 40, Lucão, de letra, aproveitou a jogada de Michael e fez o segundo. Aos 45, Carlos Eduardo, de novo, fechou o placar.

Com a vitória, o Goiás chegou a 11 pontos e subiu para a 15ª posição, fora da zona de rebaixamento. O Londrina é o 14º colocado, com 12 pontos.

Os dois times terão mais de uma semana livre antes de voltar a jogar pela Série B. O Londrina só joga no dia 23, sábado, quando encara o São Bento-SP, às 19h (de Brasília), no estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba. O Goiás entra em campo antes, no dia 21, quinta-feira, para enfrentar o Juventude, às 21h30 (de Brasília), no estádio Olímpico, em Goiânia.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.