Foto: Portal Cambé
Foto: Portal Cambé

O objeto jogado no pátio da Delegacia da Polícia Civil de Cambé deixou os investigadores em alerta. Equipes da Polícia Militar e do Pelotão de Choque foram chamadas para verificar o embrulho. As suspeitas que o referido pacote era um bomba.

Segundo informações preliminares, uma mulher teria passado em frente ao portão da delegacia e teria jogado o artefato para dentro do pátio. O objeto tinha um formato oval e estava todo embalado dando a impressão de que seria um capacete.

Policiais do Esquadrão Antibombas se deslocaram de Curitiba até a delegacia de Cambé. O grupo chegou por volta das 9h15m da manhã. A equipe fez a viagem de van, já que o helicóptero da Polícia Militar de Curitiba estava em Cascavel para fazer o transporte de um coração que será transplantado na capital.

O mistério terminou por volta das 10h15m da manhã quando o grupo percebeu que o embrulho era na verdade um aparelho de som que toca CD.

A suspeita é de que o aparelho teria sido retirado de um carro que estava apreendido no pátio da delegacia. O veículo permanecia no local desde a madrugada de terça-feira após o assassinato de Wagner Miguel dos Santos, de 22 anos, baleado na noite de segunda. O toca CD vai passar por uma perícia e o caso deve ser investigado pela Polícia Civil.

DSC05621 DSC05622 DSC05630 DSC05631 DSC05634 DSC05640 DSC05644 DSC05645 DSC05649 DSC05651 DSC05656 DSC05657 DSC05664 DSC05671 DSC05672 DSC05673 DSC05674

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.