O juiz da 41ª Zona Eleitoral, Álvaro Rodrigues Júnior, despachou recurso na tarde desta quarta-feira (1) com prazo de três dias para Barbosa Neto (PDT) apresentar defesa da candidatura, que foi deferida na última segunda-feira (30), por volta das 15h30, durante sessão de julgamento que cassou o ex-prefeito.

Na noite de terça-feira (31), a Promotoria de Justiça protocolou recurso junto ao Tribunal Regional Eleitoral para que reconheça a inelegibilidade ao registro de candidatura do pedetista. Além do mandato, a decisão da Câmara cassa os direitos políticos do ex-prefeito por oito anos.

“Antes do resultado da cassação, o recurso da candidatura de Barbosa Neto havia sido deferido pela Justiça. Diante disso, não sobrou para o Ministério Público outra alternativa que não entrar com o recurso, pedindo que o Tribunal reverta a decisão do juiz eleitoral do primeiro grau”, disse a promotora de Justiça Susana Feitosa de Lacerda, responsável pelo procedimento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.