A casa do suspeito de assassinar a menina Joseane Pereira de Moraes, de 9 anos, que ficou desaparecida por mais de 30 dias na cidade de Cambé, foi incendiada na noite de quarta-feira (11). A residência fica na rua Antonina no jardim Ana Eliza 3.

O homem foi preso na tarde de quarta-feira pela Polícia Civil de Cambé.

Revoltados com a situação, moradores do bairro atearam fogo na casa, onde funcionava um depósito de materiais recicláveis, o que colaborou com a propagação das chamas.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, e contou com apoio da Policia Militar para combater o incêndio. Quando a PM chegou algumas pessoas suspeitas de terem participação no incêndio fugiram. Apenas um jovem de 21 anos foi detido. Ele estaria de posse de um galão de diesel utilizado para atear fogo na casa.

As chamas foram controladas e ninguém ficou ferido. O rapaz encaminhado para a delegacia de Cambé.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.