Com a proximidade do Vestibular, UEL lança revista com questões corrigidas e comentadas

Material contém todas as questões e a Redação do último Vestibular. Também traz comentários sobre as alternativas e ainda exemplos de textos. A revista, que este ano completa 12 anos de existência.

0
Revista da UEL traz questões corrigidas e comentadas do Vestibular

Coordenadoria de Processos Seletivos (COPS), da Universidade Estadual de Londrina, disponibiliza aos candidatos do vestibular da instituição a Revista Diálogos Pedagógicos – A UEL comenta suas provas (89 páginas, 2021), um importante instrumento de estudo para a prova da UEL.

O material contém todas as questões e a redação do último Vestibular. Também traz comentários sobre as alternativas e ainda exemplos de textos. A revista completa 12 anos de existência neste ano.

Para a diretora pedagógica da COPS, Juliana Tonelli, a revista é uma ferramenta para conhecer o Vestibular da UEL, de formato interdisciplinar e temático. “É uma obra importante para esta reta final de preparação para a prova, que será aplicada dia 6 de março, em Londrina, a partir das 14 horas”, disse.

Com caráter pedagógico, a revista ensina os candidatos sobre conteúdos do Ensino Médio, além de manter o diálogo com os estudantes que estão se preparando para o concurso – por isso o nome Diálogos Pedagógicos.

Publicada desde 2009, a Revista Pedagógica ganhou mais elementos de correção ao longo dos anos. Esta última edição, referente ao Vestibular 2021, traz o modelo excepcional da prova – adaptado devido à pandemia da Covid-19, com 50 questões objetivas e uma proposta de redação. Ela contém os critérios de avaliação da redação e diversos exemplos reais de propostas feitas na prova. 

Juliana exemplifica que questões de Física e Matemática trazem a equação resolvida, com toda a explicação, passo a passo, e ainda a justificativa de cada uma das alternativas. Por este motivo, a revista serve também como importante recurso, material de ensino para escolas e cursos preparatórios para o Vestibular. 

Outro elemento presente na revista é uma análise estatística das questões, avaliadas em cinco níveis: de muito fáceis a muito difíceis. Na última edição, por exemplo, apenas três questões (5,2%) foram consideradas muito difíceis e 18 delas (31%), como fáceis. 

Segundo Juliana, além da participação da equipe da Diretoria Pedagógica, que elabora a revista, os critérios de avaliação e as justificativas de respostas são discutidos pela comissão da prova, formada por 100 pessoas, entre colaboradores e corretores, a maioria professores da UEL.  

Todas as edições da Revista Diálogos Pedagógicos são disponibilizadas no site da COPS, setor responsável pela elaboração, produção e aplicação das provas do Vestibular.

Agência Estadual de Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.