Joel de Ponte Vaz, acusado de mostrar as partes íntimas para diversas crianças do bairro Uberaba, em Curitiba, foi preso por volta das 17h30 desta segunda-feira (7). Ele passava o dia mostrando o órgão sexual para jovens que estudam na escola do bairro.

Vaz teria perseguido duas meninas, uma de seis e a outra de nove anos, durante a tarde desta segunda. Moradores presenciaram o fato e foram atrás do homem, que acabou espancado.

A população só parou de agredir o acusado após a chegada dos policiais militares. O homem chegou a ficar inconsciente. Ele foi levado, em estado grave, para o Hospital do Trabalhador de Curitiba. Vaz será preso após a recuperação.
(com informações do Portal Banda B)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.