A Unidade de Lactação de Cambé (Unilac), vinculada à Secretaria Municipal de Saúde, faz um apelo especial às mulheres que estão em período de lactação. É que o serviço atua em parceria com o Hospital Universitário de Londrina, que está com estoque baixo de leite materno.
A redução do número de doadoras também causa preocupação, segundo a coordenadora da Unilac, Fátima Serpeloni Hauly: “Normalmente temos em Cambé uma média de 20 doadoras por semana. Na semana passada tivemos apenas três”.
Ela lembra que a extração do leite materno para doação é muito importante. “É uma coisa divina, pois quanto mais a mulher extrair o seu leite mais leite ela produz”. A Unilac orienta também as mulheres a retirar o leite e armazená-lo adequadamente. Basta a pessoa interessada telefonar para o 3174-0224 que uma equipe de profissionais irá até a residência da doadora ou da pessoa que estiver, inclusive, com dificuldade na amamentação da criança.
“O nosso objetivo principal é ajudar a mãe cambeense a amamentar o seu bebê. E o leite que é doado para o HU é muito útil, inclusive para as crianças que nasceram prematuras”. Segundo Fátima, no Banco de Leite do Hospital Univesitário é feita a pasteurização e o fornecimento para as crianças que necessitam: “Mas as mães de Cambé que estão com dificuldades na amamentação também podem entrar em contato diretamente com a Unilac, para que uma equipe possa dar o atendimento na própria casa das pessoas que entram em contato conosco”.
Paralelamente a Unilac prossegue com a campanha de arrecadação de frascos de vidro para o armazenamento do leite materno coletado. Segundo Fátima, o HU estabeleceu parceria com uma indústria que produz tampas plásticas para os frascos. Desta forma, as pessoas podem doar para a Unilac inclusive vidros sem tampas.

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.