Empresas fantasmas suspeitas em negócio com avião de Campos

Dinheiro para pagar Cessna teria passado por Brasília, São Paulo e peixaria de Recife…

Juro sobe a maior nível desde 2011

Apesar dos incentivos do governo, os bancos reduziram a oferta de crédito. A concessão de novos empréstimos caiu 2,3% em julho. E a taxa média de juros subiu para 43,2% ao ano, a maior desde 2011. A inadimplência teve leve avanço, de 6,5% para 6,6%…

Marina venceria Dilma no 2º turno, mostra Ibope

Pesquisa Datafolha realizada logo após a morte de Eduardo Campos indicou 36% para Dilma. Com 21% e 20%, Marina e Aécio estavam em empate técnico. No segundo turno, Marina aparecia com 47%, e Dilma, com 43%, também empatadas tecnicamente…

O globo

Manchete: Marina se distancia de Aécio e venceria Dilma no 2º turno

No Ibope, entrada de candidata do PSB muda quadro da disputa eleitoral

Duas semanas após a morte de Eduardo Campos, sua substituta já aparece com 29% das intenções de voto contra 34% da petista e 19% do tucano

Pesquisa do Ibope divulgada ontem mostra mudança do quadro eleitoral apenas duas semanas após a morte de Eduardo Campos (PSB) num acidente de avião. Marina Silva, que o substituiu, já aparece na segunda colocação, com 29% das intenções de votos, abrindo vantagem de 10 pontos sobre o tucano Aécio Neves.

A presidente Dilma continua liderando no primeiro turno e tem hoje 34%. Numa simulação de segundo turno entre ela e Marina, porém, a ex-senadora venceria por 45% a 36%. Já contra Aécio, Dilma hoje seria reeleita. Aliados da candidata do PSB comemoraram, enquanto o tucano e a petista minimizaram o resultado da pesquisa, encomendada pela Rede Globo e por “O Estado de S. Paulo”. (Págs. 1, 3 e 4)

Padilha diz não entrar em ‘bacanal’ político

Perguntado em sabatina do GLOBO sobre o fato de Maluf (PP) tê-lo abandonado para apoiar Paulo Skaf (PMDB), Alexandre Padilha (PT), candidato em SP, disse não fazer “bacanal” de alianças. (Págs. 1 e 8)

Garotinho lidera com 28% no Rio; Pezão tem 18%

O ex-governador Anthony Garotinho (PR) subiu sete pontos e chegou a 28% das intenções de voto no Rio, segundo o Ibope. Luiz Fernando Pezão (PMDB) aparece com 18%, tecnicamente empatado com Marcelo Crivella (PRB), que tem 16%. Lindbergh Farias (PT) está com 12%. (Pags. 1 e 6)

Juro sobe a maior nível desde 2011

Apesar dos incentivos do governo, os bancos reduziram a oferta de crédito. A concessão de novos empréstimos caiu 2,3% em julho. E a taxa média de juros subiu para 43,2% ao ano, a maior desde 2011. A inadimplência teve leve avanço, de 6,5% para 6,6%. (Págs. 1 e 25)

Petrobras ignorou parecer técnico

O Conselho de Administração da estatal, chefiado por Guido Mantega, aprovou Abreu e Lima apesar de técnicos advertirem que a obra era inviável. (Págs. 1 e 11)

Diretores pedem demissão

Os quatro diretores de presídios federais e cinco gestores do Departamento Penitenciário Nacional se demitiram alegando interferência política do Ministério da Justiça. (Págs. 1 e 12)

Merval Pereira: Com Marina, eleição agora é outra. (Págs. 1 e 4)

‘Fantasmas’ aparecem como compradores de avião do PSB

Empresas que contribuíram para aquisição do jato deram endereço de casa em favela e salas comerciais vazias. (Págs. 1 e 5)

Elio Gaspari: Reforma tributária é chavão de eleição. (Págs. 1 e 20)

Os caminhos para a melhoria

Estudo com 215 escolas de áreas carentes revela melhorias em Português e Matemática a partir de pequenas mudanças e aponta caminhos para um avanço educacional. (Págs. 1 e 32)

Arruda diz ter votos no TSE e cita ajuda de FH. (Págs. 1 e 10)

José Casado: Solidez da rejeição a Dilma preocupa PT. (Págs. 1 e 3)

Vereador preso por assassinato

Raimundo Faustino, do PT, é acusado de matar palmeirense. (Págs. 1 e 30)

————————————————————————————

Brasil Econômico

Manchete: Gasoduto de Eike dá prejuízo a estatal do Mato Grosso do Sul

Projeto iniciado há dez anos para abastecer uma térmica em Corumbá nunca entrou em operação e consome os lucros da distribuidora MSGás, controlada pelo governo do estado e pela Petrobras. Desde 2009, os ganhos da empresa são destinados a cobrir o passivo com o empreendimento que, no último balanço, estava em R$ 8,4 milhões. (Págs. 1, 12 e 13)

A ‘onda’ de Marina varre adversários

A primeira pesquisa do Ibope após a morte de Eduardo Campos mostra que Marina Silva tem 29% das intenções de voto, batendo Aécio Neves, e se aproxima de Dilma Rousseff, com 34%. No segundo turno, ela venceria a candidata do PT, com 45%. (Págs. 1 e 3)

Concessão de crédito caiu 4% em julho

A principal causa da queda foi a retração nos financiamentos para empresas, que, segundo o Banco Central, seria sazonal. O saldo total dos empréstimos para pessoas físicas e jurídicas chegou a R$ 2,8 trilhões, o que representou uma alta de apenas 0,2% sobre junho. (Págs. 1, 20 e 21)

Otan quer criar base no Leste Europeu

A Organização para o Tratado do Atlântico Norte (Otan) pretende enviar forças para novas bases na região, de forma que suas tropas fiquem estacionadas próximas à fronteira russa. A medida será uma resposta às ameaças do Kremlin após a crise na Ucrânia. (Págs. 1, 26 e 27)

Serasa cada vez mais Experian

A análise do perfil de pagador, que levou a brasileira a ser sinônimo de ficha limpa no crédito, não é mais o único foco da Serasa. Desde que foi comprada pela irlandesa Experian, a companhia passou a oferecer serviços de marketing, análise de dados e certificação digital. “Englobamos todo o ciclo de negócios das empresas”, diz Juliana Azuma. (Págs. 1 e 16)

Dívidas

Número de famílias endividadas subiu em agosto, revela pesquisa da CNC. (Págs. 1 E 22)

————————————————————————————

Folha de S. Paulo

Manchete: Marina venceria Dilma no 2º turno, mostra Ibope

No 1º turno, petista tem 34%, candidata do PSB soma 29%, e Aécio, 19%

Pesquisa do instituto Ibope mostra que, se o segundo turno da eleição presidencial fosse hoje, Marina Silva (PSB) venceria Dilma Rousseff (PT) por 45% a 36%. No primeiro turno Marina soma 29%, cinco pontos a menos que Dilma e dez a mais que Aécio Neves (PSDB).

A margem de erro da pesquisa, encomendada pelo jornal “O Estado de S. Paulo” e pela Rede Globo, é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. Com isso, não há hipótese de empate entre Dilma e Marina ou entre Marina e Aécio nos cenários pesquisados.

Pela primeira vez, o governo fala em risco de derrota de Dilma na eleição. O PT está em alerta e avalia tática para enfrentar Marina. No PSDB, o avanço de Marina já era esperado — para tucanos, essa era “a semana” da ex-senadora. No PSB, a ordem é evitar euforia.

Pesquisa Datafolha realizada logo após a morte de Eduardo Campos indicou 36% para Dilma. Com 21% e 20%, Marina e Aécio estavam em empate técnico. No segundo turno, Marina aparecia com 47%, e Dilma, com 43%, também empatadas tecnicamente. (Págs. 1 e A4)

Candidata do PSB está sendo mais que nuvem passageira. (Págs. 1 e A2)

Vereador do PT é preso após morte de palmeirense

Em cumprimento a uma decisão judicial, a polícia prendeu o corintiano Raimundo Faustino, vereador em Francisco Morato (SP). Suspeito no caso da morte de palmeirense após briga de torcidas, Faustino, que nega envolvimento, pode ser expulso do PT. (Págs. 1 e D3)

Unicamp cobra repasse maior prometido por governo de SP

Em crise financeira, a Unicamp cobra o governo Alckmin (PSDB) a cumprir acordo do 2005 que prevê aumento de verto. O repasse, estimado em RS 300 milhões, cresceria se fosse aberto campus em Limeira — o que ocorreu em 2008, mas a verba não subiu. A USP tem situação parecida. O governo diz que os reitores não cumpriram parte do acordo.
A USP aprovou a transferência de hospital de Bauru para o Estado. (Págs. 1 e C1)

Editoriais

Leia “Roubos em série”, a respeito de aumento desse crime em São Paulo, e “Combinar com os russos”. sobre eleições legislativas na Ucrânia. (Págs. 1 e A2)

Zero Hora

Manchete: Emoções e revelações 

Na primeira audiência do caso Bernardo, marcada por vigília em Três Passos, delegada menciona vídeo em que madrasta ameaça menino na presença do pai. (Págs. 1, 6 e 7)

Marina supera Aécio no 1º turno e passa Dilma no 2º

Ibope mostra presidente com 34%. Ex-ministra tem 29%, e senador, 19%. (Págs. 1, 8 e 10)

Empresas fantasmas suspeitas em negócio com avião de Campos

Dinheiro para pagar Cessna teria passado por Brasília, São Paulo e peixaria de Recife. (Págs. 1 e 11)

EBC

Edição: Equipe Fenatracoop

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.