Veto à desoneração deve ser derrubado

Atualmente, 17 setores da economia se beneficiam da desoneração. As empresas podem escolher entre pagar 1 percentual que varia de 1% a 4,5% de sua receita bruta como contribuição previdenciária, em vez de calcular o valor sobre 20% da folha de salários. Com isso, podem diminuir a carga tributária.Os vetos presidenciais têm de ser analisados pelo Congresso (Câmara e Senado), e podem ser derrubados casos haja maioria absoluta em ambas as casas. O governo cogita usar a volta de 1 imposto sobre transações financeiras para bancar uma desoneração ampla da folha de pagamento. Diversos políticos, incluindo Maia, dizem que esse tributo remonta à CMPF e não deve ser criado. A pauta do Congresso tem 32 vetos mais antigos para serem analisados. Isso significa que ainda falta tempo para que a desoneração seja avaliada. O cenário de pressão pode mudar até lá. (Algum tributo terá de ser feito para pagar a “folha dos servidores público da elite e a dos senhores deputados e senadores”. A pergunta é: De onde virá o dinheiro? Produzir papel moeda e torrando o Brasil numa inflação, assim como está sendo na Venezuela?)

O Estado de S. Paulo

  • Com shoppings vazios, comerciantes abrem lojas para faturar R$ 50 por dia
  • Lojista e shopping travam queda de braço por aluguel
  • ‘Precisamos ir à Europa ouvir as críticas’
  • Bolsonaro usa as redes sociais para promover ações ambientais
  • Veto à desoneração deve ser derrubado
  • 5G coloca Bolsonaro em saia justa política
  • Câmara teme retaliação ao agronegócio
  • Regra de segurança do Brasil não reprime nem privilegia empresas
  • ‘Comunicador’ assume o Tesouro para ‘virar a chave’

O Globo

  • Pandemia acelera o enxugamento da Petrobras
  • Petrobras suspende venda de lote de gasolina de aviação

Folha de S. Paulo

  • Para enfrentar crise, empresas fazem novas ofertas de ações
  • 30% das pequenas indústrias de SP têm crédito com garantia do governo negado
  • Poupador pode aderir em site da Febraban a acordo de planos econômicos
  • Brasil terá que ser ágil e moderar ambição nos leilões de infraestrutura após Covid-19

Valor Econômico

  • Retomada da China não garante tendência global
    Com menor peso do setor de serviços no PIB e elevada poupança interna, o país asiático tem condições de sair mais rapidamente da crise do que o resto do mundo
  • “Home office agrícola” está em expansão
    Pandemia antecipou uso de tecnologias no campo, avalia o coordenador do centro de inovação AgriHub, Otávio Celidônio
  • Planejamento tributário sob controle na UE
    Norma obriga companhias brasileiras e intermediários a reportar, até o fim de agosto, operações que geraram vantagens fiscais desde junho de 2018
  • Aumento para transmissão vai afetar tarifa de energia
    Aneel decide esta semana sobre proposta de reajuste de 27%
  • Primeiro condenado pela Lava-Jato no STF morre de Covid-19
    Nelson Meurer foi deputado federal e tinha 77 anos
  • Cenário pós-covid reacende debate tributário
    Incertezas econômicas de cenário pós-covid levam parlamentares a retomarem debate da reforma
A Podologia Cambé esta instalada no Centro Comercial Canadá Localizado na Rua Holanda, 263 esquina com a Av Canada, Sala 311 no centro de Cambé, telefone: (43) 3254-7433 e WhatsApp: (43) 9.9918-7889
A Podologia Cambé esta instalada no Centro Comercial Canadá Localizado na Rua Holanda, 263 esquina com a Av Canada, Sala 311 no centro de Cambé, telefone: (43) 3254-7433 e WhatsApp: (43) 9.9918-7889

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.