Socorro às elétricas elevará conta de luz em ao menos 14% – Relatório da Aneel indica que a alta da energia causada pelo socorro às distribuidoras será de ao menos 14%, dividida em dois anos a partir de 2015. Os empréstimos já somam R$ 18 bi e, segundo o estudo, a cada R$ 1 bi devido pelo setor, as tarifas sobem 0,8 ponto. 

 48 horas para assinar carteira de doméstica – Os patrões que ainda não regularizaram a situação dos empregados têm até quinta-feira para formalizar a relação trabalhista, garantindo aos contratados direitos como 13° salário, férias e inscrição no INSS. A multa para quem descumprir o prazo é de R$ 805,06. O DF tem hoje cerca de 87 mil trabalhadores domésticos, mas o sindicato da categoria estima que apenas 13 mil estão na legalidade.

Gastos do governo sobem desde 1997 – Os gastos do governo federal, que eram 14% do PIB em 1997, hoje chegam a 18,8%. Com isso, a carga de impostos cobrados pela União avançou de 18,1% para 25,3% do PIB. Aposentadorias, transferências sociais, seguro-desemprego e abono salarial respondem por 72,5% das despesas.

‘Floresta em pé’, o negócio dos quilombolas – As comunidades quilombolas de Oriximiná, no noroeste do Pará, onde a natureza comove de tão preservada, estão vendendo óleo de copaíba para a Firmenich, multinacional suíça com operações em 60 países e faturamento global de US$ 3 bilhões por ano…

O ESTADO DE S.PAULO

Reunião sobre os depoimentos da CPI foi na sede da Petrobrás

Encontro que discutiu as perguntas e respostas de interrogados na comissão no Senado foi realizado em sala anexa ao gabinete da presidente da companhia

A reunião entre servidores da Petrobrás para discutir as perguntas e respostas dos interrogados na CPI da estatal no Senado ocorreu no gabinete da presidente da companhia, Graça Foster, em Brasília. A sala de reuniões integra o gabinete e o acesso é restrito a servidores da alta cúpula da estatal. O espaço é usado por Graça para receber autoridades e fazer reuniões com assessores. O gabinete da presidente ocupa todo o segundo andar do prédio da Petrobrás na capital federal.

Procurada, a estatal não respondeu aos questionamentos do jornal a respeito do uso do gabinete da presidente Graça Foster.

A reunião foi gravada em vídeo e divulgada pela revista Veja na edição do fim de semana. Além do chefe de gabinete da Petrobrás em Brasília, José Eduardo Sobral Barrocas, e do advogado da empresa Bruno Fereira, o portal Estadao.com.br revelou que o chefe do departamento jurídico do escritório da Petrobrás em Brasília, Leonan Calderaro Filho, também estava presente na reunião.

A revista não identificou onde o vídeo fora gravado e se referiu a Calderaro como pessoa não identificada.

TCU deve revisar decisão e congelar os bens de Graça

O Tribunal de Contas da União deve determinar amanhã a indisponibilidade dos bens da presidente da Petrobrás, Maria das Graças Foster, afirmou ontem o ministro da Corte José Jorge. Segundo ele, a medida representa uma correção na decisão tomada há duas semanas, em que Foster não foi incluída entre os diretores da estatal que respondem pelo prejuízo de US$ 792,3 milhões ocasionado pela compra da refinaria de Pasadena, nos EUA. Jorge foi autor do acórdão aprovado, por unanimidade, pelos outros oito ministros do TCU em 23 de julho. Graça não foi mencionada pelo Ministério Público, autor da representação no TCU, nem na investigação do tribunal.

A informação sobre a suspeita de erro do documento foi publicada em reportagem da Broadcast Político, em 29 de julho.

Alckimin descarta rodízio de água e vê ‘exploração política’ da crise

TCU impede publicação de edital da telefonia 4G

O Globo

Manchete : Governo turbina nova subsidiária da Infraero

Espanhola e alemã estão no páreo como candidatas a sócia da empresa

Após entrega de Galeão e Confins, governo vai criar estatal livre de dívidas para atuar na aviação regional

Sem conseguir implantar um choque de gestão na Infraero e diante da perspectiva de perda de receitas com a entrega, na próxima semana, de Galeão e Confins à iniciativa privada, o governo decidiu turbinar a nova subsidiária da estatal, que será criada ainda este ano. A Infraero Serviços vai operar aeroportos regionais e terá um sócio estrangeiro. As operadoras Aena, espanhola, e Fraport, alemã, estão no páreo para entrar no negócio, informam Geralda Doca e Gabriela Valente. A nova empresa vais prestar serviços e consultoria e, nos planos do governo, terá um quadro enxuto. A Infraero “antiga” ficará com o passivo trabalhista, de R$ 213,5 milhões. (Pág. 17)

Gastos do governo sobem desde 1997

Os gastos do governo federal, que eram 14% do PIB em 1997, hoje chegam a 18,8%. Com isso, a carga de impostos cobrados pela União avançou de 18,1% para 25,3% do PIB. Aposentadorias, transferências sociais, seguro-desemprego e abono salarial respondem por 72,5% das despesas. (Pág. 18)

Portugal socorre BES com € 4,9 bi

O governo de Portugal fará um socorro de € 4,9 bilhões ao Banco Espírito Santo (BES). O Bradesco, que tem 3,9% das ações do BES, prevê perdas de até R$ 356 milhões com a crise no banco português. (Pág. 19)

Candidatos atrás de indecisos em SP

No primeiro dia de cobertura da TV Globo, Dilma, Aécio e Eduardo Campos escolheram São Paulo, cidade com dez milhões de eleitores indecisos, para fazer campanha. (Pág. 3)

CPI da Petrobras – Dilma se isenta de responsabilidade

Para Dilma, suspeita de fraude na CPI da Petrobras que envolve senadores da base do governo e dirigentes da estatal, deve ser respondida só pelo Congresso. (Pág. 5)

Justiça bloqueia bens de Bethlem

A Justiça determinou o bloqueio dos bens do deputado Rodrigo Bethlem (PMDB-RJ), de sua ex-mulher, Vanessa Felippe, da ONG Tesloo e de seu diretor, Sérgio de Magalhães. (Pág. 8)

Ebola mata 61 em dois dias e chega à Nigéria

A epidemia de ebola que afeta Libéria, Serra Leoa e Guiné foi confirmada em mais um país, a Nigéria, o mais populoso da África. Segundo a OMS em apenas dois dias foram registrados 163 novos casos e 61 mortes. (Pág. 22)

Os preparativos do Rio a dois anos das Olimpíadas (Caderno Especial)

Israel e Hamas anunciam novo cessar-fogo

Três dias após o primeiro cessar-fogo ruir em apenas 90 minutos, Israel e o grupo radical Hamas anunciaram nova trégua de 72 horas, a iniciar-se hoje às 8h (Horário local). (Págs. 25 e 26)

Panorama Político

Ilimar Franco – O modismo e a realidade

As redes sociais viraram moda na política. As campanhas têm equipes para ocupar essas redes com propaganda positiva e negativa. Mas não há comprovação de sua eficiência eleitoral. Especialistas que não estão a serviço de candidatos avaliam que a maioria desses usuários já tem posições sobre os fatos e os personagens. E que essas redes não atingem um volume significativo de eleitores. (Pág. 2)

Merval Pereira – Farsa reveladora

Se juntarmos as pressões bem-sucedidas sobre o Tribunal de Contas da União (TCU) para retirar o Conselho de Administração da Petrobras do rol dos culpados pelo prejuízo causado pela compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos, à denúncia de que o depoimento de ex-diretores da estatal na CPMI do Congresso não passou de uma farsa, já que eles tiveram acesso antecipado às perguntas, e foram treinados sobre qual resposta dar, temos mais um grande escândalo envolvendo o Palácio do Planalto e, pelo menos indiretamente, a própria presidente Dilma Rousseff. (Pág. 4)

Míriam Leitão – Separando os bons ativos

Portugal começou a solucionar o problema do seu maior banco com uma tecnologia parecida com a do Proer, dos anos 1990, no Brasil. Os ativos com liquidez foram separados dos ativos tóxicos, dois bancos foram criados, e os acionistas e controladores ficaram com o banco ruim. Na instituição boa, estão todos os clientes e seus depósitos, garantidos por um empréstimo do governo. (Pág. 18)

————————————————————————————

Correio Braziliense

Manchete : 48 horas para assinar carteira de doméstica

Os patrões que ainda não regularizaram a situação dos empregados têm até quinta-feira para formalizar a relação trabalhista, garantindo aos contratados direitos como 13° salário, férias e inscrição no INSS. A multa para quem descumprir o prazo é de R$ 805,06. O DF tem hoje cerca de 87 mil trabalhadores domésticos, mas o sindicato da categoria estima que apenas 13 mil estão na legalidade. (Pág. 17)

Foto-legenda : Classe C endividada

Beneficiada com crédito farto por anos, a nova classe média é atropelada pela inflação e pelos juros altos. Mais da metade da renda de dona Dalva está comprometida. (Pág. 7)

Farsa na CPI da Petrobras inflama a guerra eleitoral (Pág. 2)

Gasolina aditivada sobe para R$ 3,29 em Brasília (Pág. 5)

Dívidas – Clubes vão pressionar deputados

Dirigentes do futebol devem chegar hoje a Brasília para a votação da lei de renegociação dos débitos com a União. A área econômica do governo ainda resiste a vários pontos da proposta. (Superesportes 2)

Um dia de atentados em Jerusalém

A cidade foi alvo de ação de um palestino, que usou retroescavadeira para atropelar pedestre e virar um ônibus. (Pág. 12)

Nas entrelinhas – Luiz Carlos Azedo

A equipe de governo não pode agir como “tropa de assalto” na eleição. É mais ou menos o que aconteceu na CPI da Petrobras. (pág. 4)

Brasília-DF

Denise Rothenburg – “CTRL C, CTRL V”

Diante da denúncia de jogadas para lá de ensaiadas na CPI da Petrobras no Senado, o PSDB decidiu investigar se o mesmo havia ocorrido na CPI Mista, relatada pelo deputado Marco Maia (PT-RS). Bingo! (Pág. 3)

Correio Econômico – Vicente Nunes

Visão pragmática – Apesar da torcida por uma vitória da oposição em outubro próximo, parte do mercado financeiro acredita que a presidente Dilma Rousseff será reeleita. Pesará, na avaliação dos analistas, o fato de os brasileiros serem arredios a mudanças. (Pág. 9)

Visto, lido e ouvido

Ari Cunha – Companheiros dos escândalos

Nunca antes na história deste país, para usar expressão cunhada pelos atuais governantes, a matéria-prima para a mídia em geral foi tão largamente produzida como nos tempos atuais. Não passa um dia sequer sem que a fábrica de notícias do governo federal forneça material abundante para todo o mundo jornalístico. (Pág. 11)

————————————————————————————

Zero Hora

Manchete : Há vagas nos polos navais

A partir de setembro, número de trabalhadores em três centros de produção de equipamentos para plataformas de petróleo no RS, como o do Jacuí, deve passar de 10,5 mil para 20 mil. (Notícias | 6 e 7 )

Outro assunto de cessar-fogo

Depois do fracasso da trégua da semana passada, Israel e Hamas aceitam proposta do Egito de interromper bombardeios por 72 horas a partir de hoje. (Notícias | 12)

 

Olimpíada : Faltam 731 dias e muitas obras

Sucesso da Copa reduz pressão sobre os Jogos, a dois anos da abertura, mas ritmo de construções preocupa. (Esporte | 32 e 33)

————————————————————————————

VALOR ECONÔMICO

Usina de Tapajós custará 69% mais que o previsto

A hidrelétrica de São Luiz do Tapajós, no Pará, que deve ser leiloada entre o fim deste ano e 2015, teve a previsão de investimentos ampliada para R$ 30,6 bilhões. O valor entregue à Aneel e ainda não divulgado é 69% superior à última estimativa oficial do governo, de R$ 18,1 bilhões

Para TCU, mudança em lei intimida auditor

Reforma da Lei de Licitações, que Renan promete concluir nesta semana, é contestada por tribunal

‘Esforço concentrado’ tem 26 projetos

Por refinaria, corte pode bloquear bens de Graça Foster

O grande eleitor e a campanha de Dilma

Lula ainda não teve, como prometido, o protagonismo antes prometido pelo PT

Em SP, marqueteiro dirige Dilma em ato de campanha para a TV

João Santana dirigiu a petista, que quebrou protocolo no evento que constava como agenda de governo e não de candidata

Emissoras aumentarão exposição de Everaldo

ABCP lamenta morte de Marcus Figueiredo, aos 72 anos

Comitê petista começa a receber doações na internet

Abag e CNA dividem-se entre Aécio e Dilma

Propostas do agronegócio para os candidatos à Presidência da República convergem

Tucano sugere ministério para infraestrutura

“É preciso parar de falar mal da PM”, diz Alckmin

Para Campos, proposta promove ‘ação de marketing’

Ameaça de CPI põe em risco base de Paes na Câmara

Indústria perde espaço no BNDES

A indústria ainda é o setor que mais apresenta pedidos de financiamento ao BNDES. Mas, pelo lado do desembolso, tem ocorrido o contrário. A participação da indústria tem recuado, enquanto a fatia da infraestrutura tem recebido uma parcela crescente de recursos do banco.

Bolsas dos ’5 frágeis’ são as que mais se valorizam

As bolsas de valores dos países rotulados como os “cinco frágeis” estão entre as nove de mercados emergentes que mais se valorizaram em 2014. O grupo — formado por Brasil, África do Sul, Turquia, Índia e Indonésia —, que liderava as quedas de uma lista no começo do ano, se recuperou

Ex-empresas de Eike entram em conflito

Eneva e Parnaíba Gás Natural, duas das companhias que faziam parte do grupo X, do empresário Eike Batista, estão em disputa por causa do fornecimento de gás natural de uma para outra

O segredo do negócio

A Hope, fabricante brasileira de roupas íntimas e banho, resolveu acelerar sua expansão no Brasil com instalação de lojas dentro de lojas. Sylvio Korytowski, diretor de expensão da Hope, diz que a receita de vendas com essas unidades cresce até 35% neste ano

‘Floresta em pé’, o negócio dos quilombolas

As comunidades quilombolas de Oriximiná, no noroeste do Pará, onde a natureza comove de tão preservada, estão vendendo óleo de copaíba para a Firmenich, multinacional suíça com operações em 60 países e faturamento global de US$ 3 bilhões por ano

O executivo está de volta ao mosteiro

“De Volta ao Mosteiro”, novo livro do americano James Hunter, será lançado primeiro em português. Conforme Hunter, cerca de 80% dos quase 5 milhões de exemplares de seus dois primeiros livros – “O Monge e o Executivo” e “Como se Tornar Um Líder Servidor” – saíram em edições brasileiras

Brasil Econômico

Manchete : Usina de Tapajós vai inundar reserva de ouro

Relatório de impacto ambiental entregue ao Ibama identifica 46 processos de direitos minerários em risco com o enchimento do reservatório da hidrelétrica. A região, segundo o texto, passa por uma segunda corrida do ouro, com a abertura de garimpos, muitos ilegais. Com capacidade revista para 8 mil MW, a usina deve ser licitada até o fim do ano e prevê a remoção de 1,4 mil pessoas em Itaituba, no Pará, onde será construído um porto para equipamentos. (Pág. 5)

Amazonas quer maisdo que Zona Franca

O Congresso prorroga hoje os benefícios tributários da região até 2073. As indústrias locais reivindicam que 3% do faturamento da Zona Franca de Manaus sejam aplicados em infraestrutura. (Pág. 8)

Acionistas do BES assumirão prejuízo

Na divisão da instituição em duas partes, os 33 mil detentores de ações ficarão com os ativos podres. O Novo Banco, nome da parte saudável, assumirá a clientela e os negócios rentáveis. (Págs. 20 e 21)

Ebola – Banco Mundial participa da ajuda a países

A instituição contribuirá com US$ 200 milhões para melhorar sistema de saúde e tentar reduzir o impacto econômico da epidemia. (Pág. 27)

Denúncia dá novo gás à Oposição na CPI 

Comissões Parlamentares de Inquérito sobre a Petrobras estavam politicamente esvaziadas. PSDB recorre à Procuradoria Geral da República contra senadores petistas. (Pág. 3)

Dilma desmarca agenda de trabalho e entra em campanha 

Aécio Neves anuncia criação de Ministério da Infraestrutura; Campos diz que discussão de tucano é “falha”. (Pág. 10)

Mosaico Político

Leonardo Fuhrmann

UMA DISPUTA QUE VALE OURO

O debate político em Roraima ganhou dimensão nacional depois de o líder ianomâmi Davi Kopenawa ter declarado na Flip (Festa Literária de Paraty), na noite de domingo, que está sendo ameaçado de morte. Kopenawa afirmou ainda que o senador Romero Jucá (PMDB-RR) e sua família incentivam a invasão de terras indígenas por garimpeiros, o que aumenta os conflitos entre as diversas etnias e os brancos. (Pág. 2)

Relatório D.C.

Rogerio Studart

POR UM SETOR BANCÁRIO EFICIENTE

O Brasil tem um dos sistemas financeiros mais sofisticados e eficientes do mundo. Entretanto, a oferta de crédito privado continua limitada, cara e com prazos curtos. Por que? Quais suas consequências? (Pág. 7)

E$porte Clube

Chico Silva

O PAPAGAIO DO BNDES

Como todos sabem, o BNDES é o maior financiador público e privado das obras de reforma e construção das arenas utilizadas na Copa do Mundo. Os contratos da linha de financiamento Pró-Copa Arenas oferecem 36 meses de carência para os governos estaduais ou consórcios começarem a pagar os empréstimos. (Pág. 18)

O mercado como ele é…

Luiz Sérgio Guimarães

BC ENCURTA RÉDEA DO CÂMBIO

O Banco Central irá encurtar este mês as rédeas já retesadas da taxa de câmbio. Sinalizou ontem que pretende reduzir, tanto em termos nominais quanto relativos, a quantidade de swaps cambiais que estará disposto a deixar vencer no dia 1° de setembro. (Pág. 23)

————————————————————————————

Folha de S. Paulo

Manchete : Presos em SP em protesto não tinham explosivos

Objetos não ofereciam risco, apontam laudos; defesa pedirá soltura de réus

Os artefatos encontrados com dois manifestantes presos em São Paulo em um protesto durante a Copa não eram incendiários nem explosivos, apontaram laudos da Polícia Militar e do Instituto de Criminalística, informa Giba Bergamim Jr. Detidos há 43 dias, os ativistas Fábio Hideki Harano, 27, e Rafael Lusvarghi, 26, são réus sob acusação de associação criminosa, incitação ao crime e porte de explosivos e outros delitos. Os dois foram acusados de serem “black blocs” e de liderarem protestos violentos. (Cotidiano C1)

Fotos-legendas : Campanha para a TV ver

Com o bebê

No 1° dia de cobertura eleitoral no JN, Dilma (PT) visitou posto de saúde em Guarulhos (Poder A4)

Com o aliado

Com Alckmin, Aécio (PSDB) esteve em reunião em SP na qual falou em cortar 16 ministérios (Poder A6)

Com os jovens

Também em São Paulo, Campos (PSB) prometeu R$ 12 bilhões para o passe livre estudantil (Poder A6)

Socorro às elétricas elevará conta de luz em ao menos 14%

Relatório da Aneel indica que a alta da energia causada pelo socorro às distribuidoras será de ao menos 14%, dividida em dois anos a partir de 2015. Os empréstimos já somam R$ 18 bi e, segundo o estudo, a cada R$ 1 bi devido pelo setor, as tarifas sobem 0,8 ponto. (Mercado B1)

Grevistas da USP fecham prédios na volta às aulas

No dia da volta às aulas, funcionários em greve não abriram dez prédios da USP. Em três, incluindo o da reitoria, a entrada fio bloqueada pelos manifestantes. O sindicato dos trabalhadores avisou que dará continuidade aos bloqueios. (Cotidiano C3)

Petrobras treinou diretor demitido antes de fala à CPI

O ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró, demitido por ser apontado como o responsável pelo parecer falho sobre a compra da refinaria de Pasadena, participou de treinamento feito pela estatal antes de ir à CPI, segundo o seu advogado. A defesa de Cerveró nega que ele tenha recebido as perguntas previamente. (Poder A4)

Israel faz ataque contra campo de refugiados; palestino mata 1

Prometida por Israel, nova trégua em Gaza foi interrompida logo após começar. Ataque a um campo de refugiados palestinos matou uma menina e feriu 29 pessoas. Em Jerusalém, palestino roubou retroescavadeira, atropelou e matou uma pessoa e derrubou um ônibus. (Mundo A9)

Entrevista Heinz Feldman

Surto de ebola vai durar meses, afirma virologista

O virologista alemão Heinz Feldmann, 54, diz que o surto de ebola na África apenas será controlado em meses. (Mundo A12)

Editoriais

Leia “Refinaria de mentiras”, acerca de manobras na CPI da Petrobras, e “Interferência exagerada”, sobre direito de resposta ao candidato do PSB. (Opinião A2)

EBC – CONGRESSOEMFOCO

Edição: Equipe Fenatracoop

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.