Entraves ao crescimento; Aproveitar o potencial do mercado interno pressupõe reduzir os entraves ao crescimento devido à má distribuição de renda e tributária…-Sem dinheiro para fiscalizar; Na Anatel 15 dos 26 escritórios não têm carro para fiscalização. Na Aneel, 50% do orçamento foram bloqueados. Anac atrasa certificações…-A Justiça em Pílulas; Processos ligados a remédios ou tratamento médico no país. Investigações apontam fraudes e irregularidades envolvendo médicos e farmácias nos pedidos para os pacientes…

 

O Globo

Manchete: Ano eleitoral começará à sombra dos escândalos

Julgamentos de casos de corrupção envolvendo partidos estão previstos para 2014.
Julgamentos previstos para o primeiro semestre do ano que vem, ainda devem provocar desgaste em PT e PSDB. A cúpula petista avalia que a antecipação das prisões no mensalão amenizará o impacto do caso na reeleição de Dilma….. (Págs 1 e 3)

Delúbio se entrega em Brasília (Páginas 1 e 4)

Sem dinheiro para fiscalizar

Na Anatel 15 dos 26 escritórios não têm carro para fiscalização. Na Aneel, 50% do orçamento foram bloqueados. Anac atrasa certificações. (Págs 1 e 37)

————————————————————————————

O Estado de S. Paulo

Manchete: Pizzolato foge para a Itália; condenados vão para presídio

Ex-diretor do Banco do Brasil diz que fez valer seu ‘legítimo direito de liberdade’ – Delúbio, ex-tesoureiro do PT, foi o 11° a se entregar – Dirceu, Genoino, Valério e demais presos foram levados para a Papuda, em Brasília
O ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil Henrique Pizzolato, condenado a 12 anos e 7 meses de prisão no mensalão, fugiu para a Itália, segundo informou seu advogado. Ele tem dupla cidadania e teria fugido pelo Paraguai há 45 dias. Em carta, Pizzolato disse que decidiu “fazer valer o legítimo direito de liberdade” e quer novo julgamento, na Itália. Anteontem, o presidente do STF, Joaquim Barbosa, expediu 12 mandados de prisão. Pizzolato foi o único a não se entregar e é considerado foragido. Seu nome foi incluído na lista da Interpol. O Brasil não tem tratado de extradição com a Itália. Pela manhã, o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, condenado a 8 anos e 11 meses de prisão, entregou-se à PF. Ele disse que foi submetido a um “julgamento de exceção”. Os condenados chegaram a Brasília e foram encaminhados para a penitenciária da Papuda, apesar dos protestos de advogados. Kátia Rabello e Simone Vasconcelos estão no Presídio Feminino do Distrito Federal. Os presos ficarão à disposição da Vara de Execuções Penais do DF até que a Justiça determine o local definitivo do cumprimento de pena. (Págs. 1 e POLÍTICA – A4 e A5)

A primeira noite

Na primeira noite sob custódia da PF, Dirceu e Genoino ficaram numa sala ampla e sem grades. Os sete presos de Belo Horizonte viveram horas de desconforto até a manhã de ontem. (Págs. 1 e A5)

Com delação, fiscais tentam manter bens

Fiscais acusados de integrar a quadrilha do ISS na Prefeitura tentam manter ao menos parte do patrimônio acumulado. Nos depoimentos, eles buscam provar que alguns bens foram comprados de forma lícita. (Págs. 1 e Metrópole A27)

Ex-presidente do Chile avança em áreas socialistas

Michelle Bachelet espera vencer hoje no 1° turno a eleição presidencial no Chile, mas a participação dos eleitores é uma incógnita. Pela primeira vez, o voto não será obrigatório, relata Rodrigo Cavalheiro. (Págs. 1 e Internacional A14)

AMIR KHAIR: Entraves ao crescimento

Aproveitar o potencial do mercado interno pressupõe reduzir os entraves ao crescimento devido à má distribuição de renda e tributária. (Págs 1 e Economia B12)

Notas & Informações

Tardou, mas não falhou
A Ação Penal 470 pode estar realmente anunciando o início do fim da impunidade dos poderosos. (Págs. 1 e A3)

UPP causou migração do crime, diz Beltrame

(Págs. 1 e Metrópole A30 e A31)

JFK, 50 ANOS DEPOIS

Meio século após o assassinato, mito persiste
• Steven L. Davis ‘Ódio que explodiu em Dallas se espalha, diz escritor
• Lee Siegel Governou com indulgência de um imperador romano
• Moniz Bandeira Ele preparou as condições para derrubar Goulart
(Págs. 1 e Aliás)

————————————————————————————

Veja

Manchete – Uma lição aos corruptos

O Supremo Tribunal Federal decreta a prisão dos condenados no maior escândalo de corrupção da história

Especial – Kennedy

Sessenta anos de um assassinato que nunca acabou

————————————————————————————

Época

Manchete – Nunca antes neste país

Ao mandar prender os réus do mensalão, o Supremo Tribunal Federal inaugura uma nova era na democracia brasileira – a Era dos Corruptos na Cadeia

————————————————————————————

ISTOÉ

Manchete – Chegou a hora da cadeia

A Impunidade não venceu. José Dirceu, o ex-superministro que planejava ser presidente da República, vai para a prisão. O mesmo destino de empresários, de uma banqueira e de políticos que participaram do maior esquema de corrupção já descoberto no País.
Por que a decisão do STF pode marcar um novo tempo para o Brasil

Infância-Os riscos e o absurdo das crianças no ringue do MMA

————————————————————————————

ISTOÉ Dinheiro

Manchete – Lenovo chega ao topo

A fabricante chinesa de computadores ultrapassa a Positivo, torna-se a maior marca do mercado brasileiro de PCs e prepara-se para invadir o bilionário setor de celulares e tablets. Saiba também que a dona da CCE escolheu o País para investir US$ 100 milhões na construção de seu novo centro global de pesquisas

————————————————————————————

Zero Hora

Manchete – Prisões do mensalão

Congresso passa por novo teste
Parlamentares terão de definir o que fazer com mandatos de colegas que cumprem pena na cadeia.
O Delúbio Soares se entrega à Polícia Federal O Pizzolato está na Itália, diz nota de advogado

Mistérios da morte de JFK após 50 anos (Páginas 16 e 17)

A Justiça em Pílulas

Mais da metade dos processos ligados a remédios ou tratamento médico no país tramita em território gaúcho.
Investigações apontam fraudes e irregularidades envolvendo médicos e farmácias nos pedidos para os pacientes. (Págs 26 e 29)

Clipping Radiobrás

Edição: Equipe Fenatracoop

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.