Poupador briga para recuperar o que perdeu; O STF começa a julgar na quarta-feira ações em que depositantes de caderneta de
poupança tentam se recuperar de prejuízos sofridos com planos econômicos nas décadas de 1980 e 1990. Instituições financeiras estimam que podem perder até R$ 150 bilhões se o Supremo seguir decisão das instâncias anteriores e determinara correção das contas. O governo se aliou aos bancos na briga judicial, alegando haver risco de restrição de crédito no mercado…- Em busca da credibilidade; Dilma entrou em campanha para elevar sua credibilidade. Crise fiscal, inflação e rombo externo formam pano de fundo da encenação de seriedade…

 

O Globo

Manchete: Privatização de aeroportos – Consórcio aposta no Rio e paga R$ 19 bi por Galeão

Para especialistas, terminal terá condições de concorrer com Guarulhos
Odebrecht e operador Changi pagam ágio de 294%. Confins fica com CCR
Os aeroportos de Galeão e Confins (Belo Horizonte) foram finalmente privatizados após dois anos de mudanças de regras. A Odebrecht e o operador Changi, de Cingapura, venceram o leilão oferecendo R$ 19 bilhões pelo Galeão, com ágio de 294%. Paulo Cesena, presidente da Odebrecht Transportes, disse que a empresa aposta no crescimento da economia do Rio. Confins foi arrematado por R$ 1,820 bilhão, com ágio de 66%, pela CCR e pelos administradores dos aeroportos de Zurique e Munique. (Págs. 1 e 35 a 38)
Em Cingapura, passageiro conta até com piscina
O aeroporto de Cingapura, administrado pelo operador Changi, que venceu a disputa pelo Galeão, é considerado o melhor do mundo numa pesquisa com 12 milhões de passageiros ao redor do planeta. Tem até piscina. (Págs. 1 e 37)
Artigos e colunas
Flávia Oliveira Sérgio Cabral ligou para Dilma para comemorar. (Págs. 1 e 40)
Paulo Resende Por muito tempo, aeroporto era assunto estratégico. (Págs. 1 e 37)
Moreira Franco bate o martelo em leilão do PT
Governador do Rio entre 1987 e 1991 e assessor especial do então presidente Fernando Henrique Cardoso, de 1999 a 2002, Moreira Franco, peemedebista histórico que nunca conseguiu consolidar seu núcleo político no estado, comandou a maior privatização de um governo petista. (Págs. 1 e 36)

PT agora se diz vítima do sistema político

Queixa está em texto que será debatido pelo partido; junta médica avalia Genoino hoje
Após a prisão dos mensaleiros, o PT agora pretende se declarar “prisioneiro de um sistema eleitoral que favorece a corrupção”. A frase está na versão inicial do texto-base do 5º Congresso do PT, em dezembro. Hoje, a junta médica indicada pelo STF avaliará José Genoino em hospital de Brasília. (Págs. 1, 3 a 8 e Jorge Bastos Moreno)
Artigos e colunas
Guilherme Fiuza
Lula não sabia de nada. Agora sabe, mas não se importa. (Págs. 1 e 20)
Sergio Fadul
Duelo entre golpe e contragolpe tenta reduzir mensalão. (Págs. 1 e 3)

História: A elite e os privilégios do sistema judiciário (Págs. 1 e 45)

Correção dos planos – Poupança: Governo apela ao STF

O ministro Guido Mantega e o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, foram ao Supremo Tribunal Federal (STF) para falar dos riscos para o sistema financeiro caso seja dado ganho de causa a milhares de poupadores que pedem correção de planos econômicos de 1987 a 1991. Os bancos teriam que arcar com R$ 150 bi. (Págs. 1, 41 e Ancelmo Gois)

De olho nas urnas: Maduro estreia superpoderes

Em ofensiva pré-eleitoral, o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, baixou decretos de controle de preços e do dólar e prometeu dar laptops a todos os estudantes. A oposição convocou protestos no país hoje. (Págs. 1 e 42)

Milicianos em liberdade: Justiça solta grupo acusado de mortes

Desembargador mandou soltar milícia acusada de pelo menos 50 assassinatos. Das cinco testemunhas contra o grupo, quatro foram mortas. (Págs. 1 e 30)

————————————————————————————

O Estado de S. Paulo

Manchete: Cardozo levou à PF denúncia de petista contra tucanos

Após Cade negar envio de relatório, ministro diz que encaminhou documento apresentado por secretário de Haddad
O ministro da Justiça, José Eduardo Martins Cardozo, afirmou ter enviado à Polícia Federal o relatório sobre o cartel de trens que cita suposta corrupção envolvendo políticos tucanos. O documento do ex-executivo da Siemens Everton Rheinheimer relata esquema em São Paulo e no Distrito Federal. A confirmação do ministro ocorreu após o Cade negar ter enviado o relatório à PF. Segundo Cardozo, a denúncia foi entregue pelo secretário de Serviços da gestão Fernando Haddad, Simão Pedro (PT). Deputado licenciado, ele é autor de duas representações ao Ministério Público Estadual sobre o cartel. Em nota, Rheinheimer disse ontem que o documento é anônimo. Cardozo afirmou ter enviado o relatório à PF “no estrito cumprimento do dever legal”. (Págs. 1 e Política A4)
Contrato em vigor teria cartel
Everton Rheinheimer afirmou que houve formação de cartel em mais quatro contratos, ainda vigentes, com o governo de São Paulo. (Págs. 1 e A4)

Leilão de Confins e Galeão rende R$ 20,8 bi

O consórcio liderado pela Odebrecht venceu o leilão de concessão do aeroporto do Galeão (RJ), com um lance de R$ 19,018 bilhões e ágio de 293,9% em relação ao piso estabelecido. Confins (BH), por sua vez, ficou com o grupo liderado pela CCR, por R$ 1,82 bilhão e ágio de 66%. O valor pago pelo Galeão foi superior ao de Guarulhos (R$ 16,2 bilhões). (Págs. 1 e Economia B1, B4, B8 e B9)
Análise Celso Ming
O maior sucesso do leilão é a nova postura do governo. (Págs. 1 e Economia B2)

Condenados sofrem pressão por renúncia

Os deputados Valdemar Costa Neto (PR-SP), Pedro Henry (PP-MT) e João Paulo Cunha (PT-SP) sofrem pressão para que renunciem ao mandato. O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), disse que só levará os casos a plenário em votação aberta. (Págs. 1 e Política A8)

Fifa já admite mudar horários de jogos da Copa

Preocupada como calor em algumas sedes, principalmente as do Nordeste, a Fifa estuda atrasar o início das 24 partidas marcadas para as 13 horas, informa Jamil Chade. (Págs. 1 e Esportes A40)

Déficit externo é o maior em 66 anos (Págs. 1 e Economia B16)

Cães e gatos terão passaporte em 2014 (Págs. 1 e Metrópole A38)

Rolf Kuntz

Em busca da credibilidade
Dilma entrou em campanha para elevar sua credibilidade. Crise fiscal, inflação e rombo externo formam pano de fundo da encenação de seriedade. (Págs. 1 e Espaço Aberto A2)

Notas & Informações

‘Não deu errado’
O êxito do leilão dos aeroportos trouxe grande alívio político para a presidente Dilma Rousseff. (Págs. 1 e A3)

————————————————————————————

Correio Braziliense

Manchete: Poupador briga para recuperar o que perdeu

O STF começa a julgar na quarta-feira ações em que depositantes de caderneta de poupança tentam se recuperar de prejuízos sofridos com planos econômicos nas décadas de 1980 e 1990. Instituições financeiras estimam que podem perder até R$ 150 bilhões se o Supremo seguir decisão das instâncias anteriores e determinara correção das contas. O governo se aliou aos bancos na briga judicial, alegando haver risco de restrição de crédito no mercado. (Págs. 1 e 11)

Privatização: Aeroporto do Galeão tem ágio de 294%. Confins, 66%

Em parceria com a Odebrecht, a Changi — operadora do terminal de Cingapura, considerado o melhor do mundo — pagou ao governo R$ 19 bilhões pelo Galeão. Entre os compradores de Confins, por R$ 4,83 bilhões, estão empresas que administram os aeroportos de Zurique e de Munique. (Págs. 1, 14 e Visão do Correio, 18)

13° de aposentados injetará R$ 26,6 bi na economia do país (Págs. 1 e 16)

Fifa conserta seus pecados

Após encontro com o papa Francisco, que ganhou um mascote da Copa, dirigentes anunciam mudança no horário dos jogos do Mundial. Tudo para fugir do forte calor no Brasil. (Págs. 1 e Superesportes 3)

Mal de Genoino foi pressão alta

Deputado foi internado no HFA devido a um pico na pressão arterial — e não a infarto, como chegou a anunciar advogado. Avaliação de junta médica decide, hoje, futuro do petista. (Págs. 1 e 2)

Cães e gatos terão passaporte para viajar ao exterior (Págs. 1 e 15)

Gasto de brasileiro em outros países bate novo recorde (Págs. 1 e 15)

A grandeza e as contradições de Carlos Marighella (Págs. 1 e Diversão & Arte, Pensar, 4 e 5)

————————————————————————————

Estado de Minas

Manchete: Vendido e agora?

Aeroporto de Confins é arrematado em leilão por R$ 1,82 bilhão, 66% acima do lance mínimo
O Consórcio Aerobrasil administrará Confins por 30 anos a partir da assinatura de contrato em março do ano que vem. Ele é formado pelas operadoras dos aeroportos de Munique (Alemanha) e Zurique (Suíça), dois dos principais da Europa, e pela Companhia de Concessões Rodoviárias (CCR). A CCR é a maior empresa de concessões de infraestrutura da América Latina, integrada pelos grupos Soares Penido, Camargo Corrêa e Andrade Gutierrez. O sucesso da venda de Confins foi comemorado pelo governo federal. Mas o ágio foi o mais baixo entre os cinco aeroportos já leiloados. A concessão é considerada fundamental para a estruturação do aeroporto, possibilitando a construção de mais um terminal e de uma segunda pista. Para o grupo comprador, o fato de Minas ser o segundo estado mais populoso do país garante a demanda necessária para criar rotas diretas no país e, principalmente, para o exterior.
Sócios experts
O aeroporto de Munique, segundo melhor da Europa, se destaca em alimentação e lazer.Ode Zurique, terceiro da Europa, é o melhor do mundo em devolução de bagagem.
Conexão total
Para especialista, nova administração tem condições de transformar o aeroporto da Grande BH no maior centro de conexões nacionais e internacionais da América Latina.
Galeão em alta
Valor alcançado na venda do aeroporto do Rio surpreende, alcançando R$ 19,01 bilhões, superior ao do campo de petróleo de Libra, com ágio de 293% sobre o preço mínimo. (Págs. 1, 11 a 13 e o Editorial ‘Na mão de quem sabe’, 8)

BR-381: Ibama culpa o Dnit por atraso na duplicação

A direção do órgão de meio ambiente em Minas afirma que o gestor das estradas federais, mesmo conhecendo a legislação, propôs compensação incompatível para a derrubada de 33 hectares de mata atlântica. Por isso, não foi dada a licença ambiental para o início das obras. (Págs. 1 e 3)

Mensalão: Fuga para a Itália sob investigação

Polícia Federal ouviu ontem o homem que teria fraudado o controle de imigração do aeroporto de Guarulhos (SP), incluindo grafia errada do nome do ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil Henrique Pizzolato, que escapou do país. (Págs. 1 e 6)

Infecção alimentar: Bactéria mata oito em Minas e Paraná

Contaminação de produto aplicado na veia de pacientes que não podem se alimentar está sob investigação. Mortes ocorreram em hospitais privados e públicos e três fabricantes (dois em Minas) tiveram a produção interditada. (Págs. 1 e 20)

Cães e gatos precisarão de passaporte (Págs. 1 e 10)

————————————————————————————

Zero Hora

Manchete: 30% das vagas da UFRGS serão do Enem em 2015

Conselho universitário aprovou proposta para adesão parcial ao Sisu, processo seletivo gerenciado pelo MEC. Restante das vagas segue sendo ofertado pelo vestibular. (Págs. 1 e 32)

Ana Paula: “Valeu a pena”

Em entrevista a ZH, gaúcha que passou 63 dias presa na Rússia diz que visibilidade dada aos ativistas do Greenpeace ajuda a entender defesa do Ártico. (Págs. 1, 4 e 5)

Salgado Filho: Atrasa de novo obra para voar com neblina

Chuva retarda instalação de luzes de pista e melhoria para Copa corre risco. (Págs. 1 e 18)

Mensalão: Dois dos 11 presos pedem para trabalhar

Outros três réus detidos em Brasília querem ser transferidos a seus Estados. (Págs. 1 e 8)

Boate Kiss: Familiares protestam em audiência na Capital

Namorada de sócio de boate prestou depoimento. (Págs. 1 e 36)

Clipping Radiobrás

Edição: Equipe Fenatracoop

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.