Conselho define hoje aumento das passagens –  Anatel exige internet de quarta geração – Combustíveis: Consumidor fica só com o aumento – Negligência: Secretário de ministério morre sem atendimento Após infarto, homem forte da Presidência em negociações salariais com servidores foi recusado em dois hospitais de Brasília por não ter talão de cheques para garantir caução –  Guerra na internet: Hackers atacam sites em protesto contra ação do FBI…

O Globo

Manchete: Entre a realidade e a fantasia – Da Disney, Obama manda facilitar visto a brasileiros

Quem precisa só de renovar permissão poderá ser dispensado de entrevista

Decidido a atrair cada vez mais turistas brasileiros para os Estados Unidos, o presidente Barack Obama anunciou ontem que, até o fim deste ano, o tempo para obtenção de visto será reduzido drasticamente: a meta é que 80% dos candidatos sejam entrevistados em três semanas. O projeto divulgado por Obama, em discurso diante do Castelo da Cinderela, na Disney World (Flórida), prevê o fim de entrevistas para “candidatos de baixo risco”, como brasileiros que precisem só renovar a autorização para entrar nos EUA. “As pessoas querem vir aqui. E China e Brasil são dois dos países com o maior acúmulo (de pedidos de vistos). Então isso é o que estamos fazendo: dizendo ao mundo que a América está aberta aos negócios”, disse Obama. No consulado americano de São Paulo, que emite o maior número de vistos no mundo, a média de espera para agendar uma entrevista é de 76 dias. (Págs. 1 e 3)

Enquanto isso, no Acre…

Cresceu para cerca de 180 o número de haitianos barrados pela Polícia Federal na ponte que separa Assis Brasil, no Acre, do Peru. Agora, eles perambulam sem destino pela cidade peruana de Iñapari e ainda esperam uma forma de entrar no Brasil e obter emprego. (Págs. 1 e 4)

No G-20, Brasil é o segundo mais desigual

Atrás só da África do Sul, o Brasil é o segundo país com maior desigualdade do G-20, diz a ONG Oxfam. Mas é um dos quatro do mesmo grupo (ao lado de México, Argentina e Coreia do Sul) que reduziram a desigualdade nos últimos 20 anos. Para a Oxfam, “mesmo que o Brasil tenha avançado no combate à pobreza, é um dos países mais desiguais do mundo, com agenda forte pendente na área”. (Págs. 1 e 27)

FBI fecha site de pirataria de filmes

Após dois anos de investigação, o FBI fechou um dos maiores sites de compartilhamento de filmes, vídeos e música da internet, o Megaupload.com, acusado de causar danos de US$ 500 milhões devido à pirataria. Em reação, o grupo Anonymous derrubou o site do Departamento de Justiça e tentou tirar do ar o da Casa Branca. (Págs. 1, 23 e editorial “Não se pode transigir”)

Começa a era da medicina digital

Um chip comestível é capaz de registrar os remédios tomados por um paciente e enviar dados, de dentro do estômago, para o celular do médico. Metade das pessoas toma pílulas de forma incorreta, o que pode tornar a terapia ineficaz. (Págs. 1 e 30)

Cientistas elogiam e PT se queixa

A comunidade científica festejou ontem a escolha do físico Marco Antonio Raupp como novo ministro da Ciência e Tecnologia. Já no PT, que pretendia indicar um deputado para o cargo, o clima é de revolta com a perda do ministério. (Págs. 1 e 5)

Luiza volta do Canadá e demite no Palácio do Planalto (Págs. 1 e 9)

————————————————————————————

O Estado de S. Paulo

Manchete: EUA facilitam concessão de visto para brasileiros

Expectativa do governo americano é de aumento de 274% no número de turistas do País em quatro anos; objetivo também é atrair mais chineses e indianos

Com expectativa de crescimento de 274% no número de brasileiros que visitarão os EUA nos próximos quatro anos, o presidente Barack Obama determinou a eliminação da necessidade de novas entrevistas para os que queiram apenas renovar vistos expirados ou com datas próximas do fim da validade. O programa também facilita a concessão de vistos para idosos e crianças. Segundo a Casa Branca, ao menos 80% das pessoas devem ser entrevistadas no máximo até três semanas após enviar os documentos ao consulado. Com isso, será ampliada em 40% a capacidade de concessão de vistos nos consulados americanos no Brasil ainda em 2012. O porta-voz da Casa Branca, Jay Carney, disse que “o foco do presidente são as economias emergentes”. Em novembro, os EUA informaram que pretendem emitir 1,8 milhão de vistos para brasileiros em 2013 – em 2010 foram 820 mil. Além de brasileiros, chineses e indianos são prioridade para o governo americano. (Págs. 1 e Cidades C1 e C3)

O que muda:
Primeiro visto
Uma análise caso a caso poderá dispensar a entrevista, que hoje é obrigatória para todos.

Renovação de visto
Ainda será preciso ir ao consulado, mas não haverá entrevista.

Crianças e idosos
Podem ser liberados da entrevista, mas o governo não definiu a faixa etária.

Foto-legenda: Cenário

Obama sobe em palanque em parque da Disney, na Flórida, onde anunciou as novas medidas.

Ex-deputado é condenado a 103 anos pela morte de Ceci

O ex-deputado alagoano Talvane Albuquerque Neto foi condenado ontem a 103 anos e 4 meses de prisão como mandante do assassinato da deputada Ceci Cunha, de quem era suplente na Câmara, e de três de seus familiares. Quatro assessores e seguranças de Talvane foram condenados pela execução da chacina, ocorrida em 1998. O júri acolheu a tese da acusação de que Talvane planejou o crime para herdar o cargo. “Este julgamento não tem nada a ver com vingança, mas com justiça”, disse Rodrigo Cunha, filho de Ceci. (Págs. 1 e Nacional A6)

426 anos
é a soma das penas dos 5 condenados.

PF investiga suspeita de lavagem no TRT do Rio

A Polícia Federal vai investigar todas as transações financeiras – de 2002 até hoje – do funcionário do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região que movimentou R$ 282,9 milhões em um ano, informa o repórter Pedro Dantas. O investigado é suspeito de operar esquema de lavagem de dinheiro para alguns funcionários do alto escalão. (Págs. 1 e Nacional A4)

FMI prevê mais dois anos de crise na zona do euro

Depois da ONU e do Banco Mundial, o FMI está revendo para baixo a expansão do Produto Interno Bruto mundial em 2012. O relatório,que ainda não tem sua versão final, prevê que a zona do euro entrará em recessão e contagiará a economia mundial. O crescimento da Europa ocorreria a partir de 2014, se a crise da dívida for solucionada. (Págs. 1 e Economia B1)

Para cumprir lei, intervalo de aula vai virar ‘extraclasse’

O governo de São Paulo vai contar como período para atividades extraclasse o tempo que hoje é utilizado como intervalo entre aulas pelos profissionais. O objetivo é cumprir a lei do piso nacional do professor. Para atingir o mínimo de um terço do tempo fora de aulas, a Secretaria Estadual da Educação vai tirar uma aula dos professores. (Págs. 1 e Vida A11)

Metrô terá de indenizar INSS no caso da cratera (Págs. 1 e Cidades C5)

Prefeitura instalará tenda social na cracolândia (Págs. 1 e Cidades C4)

Telefonia 4G terá 60% de conteúdo nacional (Págs. 1 e Economia B6)

Dora Kramer

Todos por um

A campanha de Fernando Haddad foi aberta no Rio, por Dilma Rousseff. O objetivo tático é dar caráter nacional à eleição na capital paulista. (Págs. 1 e Nacional A6)

Fernando Gabeira

O verbo blindar

Ao optar pela blindagem, o governo não só fechou o corpo de seus ministros, mas recuou o processo democrático para o universo da magia. (Págs. 1 e Espaço Aberto, A2)

Celso Ming

Pior sem elas

As agências de avaliação de risco precisam ser mais bem reguladas, mas elas não inventaram nem o endividamento excessivo nem o calote. (Págs. 1 e Economia B2)

Notas & Informações

A reforma que importa

O que falta são competência e eficácia numa máquina partidariamente aparelhada. (Págs. 1 e A3)

————————————————————————————

Correio Braziliense

Manchete: Secretário de ministério morre sem atendimento

Polícia investiga se houve negligência de hospitais no socorro a Duvanier Paiva, assessor da pasta de Planejamento, que sofreu um infarto

Principal articulador do governo com as categorias do funcionalismo público, Duvanier Paiva Ferreira, de 56 anos, morreu ontem em Brasília. O servidor passou mal em casa, na 303 Sul, e foi levado, de madrugada, para os hospitais Santa Lúcia e Santa Luzia. Como os dois centros não aceitam o plano de saúde de Duvanier (Geap) e ele estava sem cheques para a caução, acabou levado para o Hospital Planalto, onde os médicos não conseguiram reanimá-lo. Colegas de trabalho denunciaram o caso e o diretor-geral da Polícia Civil, Onofre Moraes, determinou a abertura de inquérito. Em nota, a presidente Dilma Rousseff lamentou a morte do assessor. (Págs. 1 e 8)

Foto-legenda: EUA facilitam visto para brasileiros

De olho na fortuna que os turistas do Brasil gastam no exterior, o presidente Barack Obama anunciou, na Disney, que os Estados Unidos vão aumentar em 40% a capacidade de emissão das autorizações para a entrada no país. (Págs. 1 e 14)

Capitão admite falha em naufrágio (Págs. 1 e 15)

Mais 163 remédios com imposto reduzido

Governo decide ampliar a lista de medicamentos que terão redução ou isenção de PIS e Cofins e calcula queda de até 11% nos preços. Medida deve beneficiar pessoas como Maria Parreira, que gasta mais de R$ 200 mensais para tratar da saúde. (Págs. 1 e 9)

Dilma corta R$ 35 bi de emendas do PPA

Presidente sanciona Plano Plurianual, mas elimina um terço dos recursos destinados a pedidos do Congresso para obras de grande porte. (Págs. 1, 2 e Entrelinhas, 4)

Concursos: Itamaraty lança edital. Saúde do DF abre vagas

As inscrições para a seleção de 30 diplomatas começam em 26 de janeiro. Já o Governo do Distrito Federal contratará 1.500 médicos e técnicos. (Págs. 1, 10 e 24)

Educação

Haddad diz que Enem em abril é inviável e critica brechas judiciais usadas por alunos. (págs. 1 e 7)

Internet

Contra ação antipirataria, hackers invadem site do Departamento de Justiça dos EUA. (Págs. 1 e 16)

STJ cancela carnê suave de Estevão (Págs. 1 e 24)

Fila de transplante tem 831 no DF (Págs. 1 e 19)

————————————————————————————

Valor Econômico

Manchete: Governo para admissões até criação de fundo de servidor

O governo Dilma Rousseff vai adiar a realização de novos concursos públicos e a nomeação dos aprovados até que o projeto de lei que institui o Fundo de Previdência Complementar dos Servidores Federais (Funpresp) seja aprovado pelo Congresso. O objetivo é forçar a alteração do atual sistema de previdência do setor público e evitar que uma nova leva de servidores seja admitida com os atuais benefícios, entre eles a aposentadoria integral.

No Congresso, a mudança dessa legislação encontra resistência em alas do PT e de outros partidos da coalizão governista. A criação do fundo é uma das principais prioridades legislativas do governo para o início deste ano. O secretário-geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, será acionado pela presidente para convencer sindicalistas a apoiar a proposta e mostrar que só haverá novos concursos se o Funpresp for aprovado. (Págs. 1, A5 e A2)

Edital de aeroportos é contestado

Grandes empreiteiras que se preparam para disputar as concessões de aeroportos advertiram o governo que a execução de investimentos e o cumprimento dos planos de obras estarão ameaçados caso os leilões sejam vencidos por grupos menores. Elas alertaram que o edital abriria brechas para “aventureiros”, com o risco de os contratos não serem cumpridos.

As empreiteiras contestam cláusula do edital que requer a apresentação de carta-garantia – uma espécie de declaração dos bancos atestando a viabilidade econômica da proposta e recomendando a concessão de empréstimos para o plano de obras – apenas com base no valor mínimo de outorga. Se houver ágio significativo sobre esse valor, a mesma declaração continuaria válida, embora a equação financeira do consórcio vencedor tenha sido modificada. (Págs. 1 e B10)

Brasil Maior chega a elevar a tributação

A desoneração da folha de pagamentos e o Reintegra, medidas do programa Brasil Maior para incentivar exportações, devem ter pouco efeito na redução dos custos de produção das indústrias de calçados e de vestuário. A desoneração deve ter efeito nulo ou até elevar ainda mais os custos em alguns casos. A Associação Brasileira da Indústria Têxtil afirma que, na verdade, a medida aumenta a carga tributária das companhias do setor. Para o Sintex, que reúne as indústrias de tecelagem e vestuário de Blumenau (SC), 50% das empresas são prejudicadas. Com a desoneração, as empresas deixam de pagar 20% de contribuição previdenciária sobre os salários, mas pagam 1,5% sobre o faturamento. (Págs. 1 e A3)

Bancos criam concorrente para a TecBan

Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal e Santander estão em negociações finais para tirar do papel o plano de criação de uma empresa que irá interligar e operar as máquinas de autoatendimento (ATMs) das quatro instituições. Por enquanto, serão compartilhados os equipamentos localizados fora das agências, num total de 13 mil máquinas.

A nova companhia vai concorrer com a rede administrada pela TecBan – da qual BB, Bradesco e Santander também são sócios. Os três acreditam que suas participações acionárias na Tecban são pequenas em relação à receita que geram para a empresa, que tem como maior acionista o Itaú Unibanco. (Págs. 1 e C1)

Estrangeiros voltam com força à bolsa

Desde 2005 os investidores estrangeiros não despejavam tanto dinheiro na bolsa brasileira no início do ano. Até o dia 17 foram aplicados liquidamente R$ 2,712 bilhões no mercado à vista, o maior valor nos primeiros 12 pregões em sete anos. O Ibovespa está perto dos 62 mil pontos, retomou níveis abandonados desde julho de 2011 e já subiu 9,1% no ano. A bolsa brasileira não é exceção. Há um grande fluxo de dinheiro para os países emergentes nos primeiros dias de 2012, aponta Fernando Siqueira, economista-chefe da Citi Corretora.

O investidor brasileiro segue na direção contrária. Ressabiados com a queda de mais de 18% em 2011, as pessoas físicas já retiraram R$ 1,411 bilhão da bolsa no ano e os investidores institucionais, R$ 705,3 milhões. (Págs. 1 e D2)

Polêmica na tributação de dividendos

Divergências sobre a tributação no pagamento de dividendos colocam em lados opostos Receita Federal e empresas. A polêmica surgiu com a mudança das regras contábeis adotada pelo Brasil no fim de 2010 e pode ser resumida em uma questão: se as companhias apuram dois lucros, um societário e outro fiscal, qual deve ser usado como base para que os dividendos sejam distribuídos sem a incidência de tributos? O Fisco entende que só o lucro apurado pelas regras contábeis antigas – que está sujeito à tributação da pessoa jurídica – pode ser distribuído sem que os acionistas tenham de recolher imposto. Para as companhias, todo o lucro apurado pode ser distribuído de forma isenta ao investidor. (Págs. 1 e D1)

Anatel aprova regras para leilão de 4G (Págs. 1 e B2)

Superávit primário

O governo central (Tesouro, Previdência e Banco Central) cumpriu com folga a meta fiscal fixada para o ano passado. O superávit primário, que será divulgado oficialmente na próxima semana, foi de cerca de R$ 93 bilhões, algo entre 2,25% a 2,29% do PIB. (Págs. 1 e A3)

Calçadista de SP espera ICMS menor

A indústria de calçados de São Paulo aguarda para as próximas semanas uma redução do ICMS para os fabricantes e distribuidores/lojistas do setor. As alíquotas baixariam para 7% e 12%, respectivamente. (Págs. 1 e A3)

Desigualdade cresce no G-20

Nas duas últimas décadas, a desigualdade de renda cresceu em 14 de 18 países do G-20. As quatro nações onde o crescimento econômico veio acompanhado por uma divisão mais equitativa da renda foram Brasil, Coreia do Sul, Argentina e México. (Págs. 1 e A7)

Porto Digital investe em expansão

O Porto Digital, complexo que já reúne 200 companhias da área de TI no centro do Recife, vai abrir escritórios neste ano em Suape (PE), São Paulo e no Vale do Silício, nos Estados Unidos. (Págs. 1 e B2)

Elfe investe em equipamentos

Há 16 anos como prestadora de serviços para empresas de petróleo e gás, a fluminense Elfe investe na aquisição de sondas para exploração em terra. A empresa inicia, em fevereiro, perfurações para a Petra Energia, em Montes Claros (MG), diz Raúl Ortúzar. (Págs. 1 e B9)

Apoio ao etanol celulósico

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) vão oferecer R$ 1,1 bilhão para pesquisas com etanol celulósico no Brasil. (Págs. 1 e B14)

‘Disque-denúncia’ corporativo

Ferramenta já consagrada no exterior para combater desvios de conduta nas empresas, os chamados “canais de denúncia” começam a se tornar mais comuns também no Brasil. (Págs. 1 e D10)

Ideias

Naercio Menezes Filho

Nos últimos 15 anos, o país tem conseguido conciliar, pela primeira vez em sua história recente, crescimento e progresso social. (Págs. 1 e A9)

Ideias

Wadah Khanfar

Se a ‘primavera árabe’ fracassar, o efeito não serão ditaduras pró-Ocidente, mas uma onda de raiva que não poupará ninguém. (Págs. 1 e A9)

————————————————————————————

Estado de Minas

Manchete: Quase 100 mil veículos a mais em BH

Como fim das férias escolares, em fevereiro, a piora do trânsito será maior que em anos anteriores. A capital começa 2012 com 98,6 mil carros, motos, ônibus e caminhões a mais do que em dezembro de 2010, num total de 1.438.723. O número de veículos por mil metros quadrados (4,34) já se assemelha ao da cidade de São Paulo (4,38). Ontem, a PM começou a Operação Impacto, de abordagem de motocicletas, devido ao uso delasem36% dos assaltos ao comércio de BH. Dez pessoas foram presas e 20motoseduas armas de fogo, apreendidas. (Págs. 1, 19 e 21)

Sonho brasileiro

Em frente ao Castelo da Cinderela, na Disney World, o presidente dos EUA, Barack Obama, anunciou que será facilitada a concessão de vistos para brasileiros e chineses. O tempo de emissão cairá em média 40% e, em alguns casos, será dispensada a entrevista. (Págs. 1 e 17)

Governo de Minas: Cúpula das polícias vai ser trocada

Para acabar com brigas entre a PM e a Civil, o governador Antonio Anastasia substituirá, na reforma do secretariado, os comandantes da segurança pública no estado. (Págs. 1 e 3)

Buzinaço contra o reajuste

Protesto contra o aumento dos salários dos vereadores da Câmara Municipal mobilizou estudantes e motoristas ontem à tarde em frente à PBH. Possível falha técnica no projeto de lei pode facilitar o veto por parte do prefeito Marcio Lacerda. (Págs. 1, 4 e 5)

Negligência: Secretário de ministério morre sem atendimento

Após infarto, homem forte da Presidência em negociações salariais com servidores foi recusado em dois hospitais de Brasília por não ter talão de cheques para garantir caução. (Págs. 1 e 6)

Livro usado barateia a lista escolar

Material de segunda mão custa em média metade do preço dos livros novos nas lojas da capital. Em alguns casos, o desconto pode chegar a 75%. Outro bom meio de gastar menos é oferecer livros usados como parte do pagamento na compra de novos. (Págs. 1 e 14)

Combustíveis: Consumidor fica só com o aumento

Governo de Minas reduziu a alíquota do etanol em três pontos percentuais, para torná-lo mais atrativo, e compensou elevando a do diesel na mesma proporção. Mas, nos postos, enquanto o litro do diesel ficou R$ 0,03 mais caro, o preço do álcool não caiu, mesmo tendo diminuído em R$ 0,07 nas usinas. (Págs. 1 e 12)

Rede estadual: Reposição de aulas devido à greve só acaba em março (Págs. 1 e 23)

Julgamento: Suplente pega 103 anos de prisão por matar deputada (Págs. 1 e 8)

Guerra na internet: Hackers atacam sites em protesto contra ação do FBI (Págs. 1 e 17)

————————————————————————————

Jornal do Commercio

Manchete: Vereadores recuam da farra da gasolina

Sob pressão, direção da Câmara do Recife anulou aumento da cota de combustível dos parlamentares de R$ 2.300 para R$ 3.700. Augusto Correras explicou que a decisão se dei por ser ano eleitoral. (Págs. 1, 3 e 4)

Conselho define hoje aumento das passagens

Empresários querem reajuste de 17,2% e governo defende a proposta de 6,5%, que deve sair vencedora. (Págs. 1 e Cidades 2)

Anatel exige internet de quarta geração

Até 2014 todas as cidades com mais de 500 mil habitantes deverão ter a tecnologia. (Págs. 1 e Economia 1)

EUA vão flexibilizar visto para brasileiros

Obama disse que pessoas sem grau de risco serão dispensadas de entrevista. (Págs. 1 e 9)

Mulher a bordo

Bailarina que estava com o capitão do navio que naufragou vê como absurdas as denúncias contra ele. (Págs. 1 e 14)

Escândalo no BBB

Justiça decidiu apreender o passaporte de Daniel, acusado de abuso sexual conta garota no programa. (Págs. 1 e Capa Dois)

————————————————————————————

Zero Hora

Manchete: As perdas da seca

Projeção da Farsul indica que PIB gaúcho terá crescimento negativo em 2012 por prejuízos na lavoura.

Milho -54%; Soja -36%; Fumo -22%; Arroz -11%

Chuva traz alento à região mais atingida. (Págs. 1, 34 e 35)

Naufrágio: Uma jovem na cabine do capitão

TV localiza garota que estava com comandante na noite do acidente. (Págs. 1 e 30)

Elevadores: Hyundai vai para São Leopoldo

Investimento em fábrica será de US$ 30 milhões, informa Maria Isabel Hammes. (Págs. 1 e 20)

Morte no lago: Justiça arquiva Caso Cavalcante

Representante do governo Yeda em Brasília apareceu morto em 2009. (Págs. 1 e 12)

Porto Alegre-Osório: Freeway a 110 km/h tem menos acidentes

Adotada em novembro passado, medida diminuiu multas em 25%. (Págs. 1 e 38)

————————————————————————————

Brasil Econômico

Manchete: Perto do divórcio, Caoa deflagra guerra comercial contra Hyundai

O empresário Carlos Alberto de Oliveira Andrade se arma para o processo de separação com a montadora coreana, dobrando, em apenas um ano, sua própria rede de concessionárias e negociando parcerias com marcas asiáticas que não atuam no Brasil, como a chinesa BYD. (Págs. 1 e 16)

DPaschoal rumo ao campo

Empresa de Norberto Paschoal, dona de 500 lojas,vai encolher nas grandes cidades e apostar no interior. (Págs. 1 e 18)

Um jogo bilionário

Os dez maiores campeonatos estaduais “valem” R$ 3,3 bilhões, diz estudo exclusivo da PluriConsultoria. (Págs. 1 e 24)

Publicis fará novas compras no Brasil

Entrevista com Maurice Lévy, CEO do terceiro maior grupo de comunicação do mundo. (Págs. 1 e 27)

Especial: Rio de Janeiro se transforma na cidade dos investimentos (Págs. 1 e 4)

EUA facilitam visto a cidadãos brasileiros

Numa tentativa de ampliar empregos, governo americano anuncia pacote para beneficiar emergentes. (Págs. 1 e 10)

PayPal vai oferecer compra por celular

Empresa americana disputará com a Locaweb mercado de pagamentos via telefonia móvel no Brasil. (Págs. 1 e 32)

‘Crise da Kodak não afeta filial brasileira’

Afirmação é de Emerson Klein, chefe no país da fabricante de câmeras, que pediu concordata nos EUA. (Págs. 1 e 22)

Lucro dos bancos americanos cai 42%

Resultado do quarto trimestre das seis maiores instituições financeiras dos Estados Unidos decepciona. (Págs. 1 e 30)

Governo vai investir R$ 2,3 bi na reforma de aeroportos regionais para atenuar crise aérea (Págs. 1 e 8)

Vale e Renner pagam dividendos generosos

A mineradora e a varejista anunciaram a manutenção de seu cobiçado programa de divisão de lucros. (Págs. 1 e 34)

Clipping Radiobrás

Edição: Equipe Fenatracoop

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.