A vida com o trauma – Tecnologia: traição conjugal vira negócio digital – Como se faz um ministro do PMDB – “O Brasil agora está no centro do mundo” – Medicina e fé – A República da Hora Extra – Classe Média sufocada em dívidas – STJ anula provas da PF contra família de Sarney – Crack se espalha pelo sertão do Nordeste – CNJ reproduz vícios que tem de combater…

O Globo

Manchete: Investimentos em estradas atrasam e acidentes triplicam

Pedágios altos não garantem segurança nem boas condições de tráfego

Empresas responsáveis por estradas federais privatizadas na segunda etapa do Programa de Concessões Rodoviárias estão atrasando os investimentos previstos em contrato com o governo federal. Enquanto isso, os acidentes triplicaram: nos sete trechos privatizados, subiram de 9.961 em 2008 para 28.947 em 2009, um crescimento de 190%. As principais obras deveriam ocorrer nos três primeiros anos da cobrança de pedágios (2007-2009) – que estão sendo reajustados sem atraso. Nos sete trechos, o investimento está abaixo dos 30%, em quatro, abaixo de 10% do previsto. A Agência Nacional de Transportes Terrestre, que deveria regular o setor, acaba agindo com resoluções que retardam os investimentos. No trecho da BR-101 do Rio ao Espírito Santo, há obras paradas e uma passarela de pedestres que para no ar. (Págs. 1, 3 e 4)

Brasil não forma jovem para mercado globalizado

Com a qualidade precária do ensino, os jovens brasileiros perdem a corrida na competição do mercado de trabalho global. Estudo põe o Brasil em 35º lugar, entre 60 países, atrás de emergentes como Rússia, Argentina e Coréia do Sul. (Págs. 1 e 33)

Bondes em Santa Teresa só em 2012

Banidos das ruas após descarrilar e matar seis, os bondinhos de Santa Teresa só voltam a circular daqui a um ano e sob a administração do município. Os moradores temem que nova tragédia aconteça, agora com os ônibus, que trafegam em alta velocidade pelas ladeiras. (Págs. 1 , 28 e 29)

————————————————————————————

O Estado de S. Paulo

Manchete: Com isenção de impostos, petroleira importa até biquíni

Regras frouxas desfiguraram regime aduaneiro e deixaram o mecanismo sem controle do Congresso e da Receita

Petroleiras e prestadoras de serviços que atuam no País usaram brechas na legislação especial de tributação do setor de petróleo e gás para, nos últimos dez anos, importar artigos como biquínis, mesas de sinuca, selas de cavalo, bijuterias e até papel higiênico sem pagar impostos, informa o repórter Iuri Dantas. Dados mostram que regras frouxas desfiguraram o regime aduaneiro especial conhecido como Repetro e deixaram o mecanismo livre do controle do Congresso e da Receita Federal. Depois de identificar as falhas e brechas da atual legislação, a presidente Dilma Rousseff pretende reformular a mecanismo. As novas regras devem sair até o fim do ano. (Págs. 1, B1 e B3)

CNJ reproduz vícios que tem de combater

Criado para combater os maus hábitos do Judiciário, o Conselho Nacional de Justiça aumentou em 60% suas despesas com passagens aéreas e em 21% os gastos com diárias, informa o repórter Felipe Recondo. Só com festas e homenagens, o órgão gastou R$ 685 mil neste ano, segundo o Siafi. O CNJ afirmou que o deslocamento de funcionários é inevitável e necessário para o funcionamento do conselho. (Págs. 1 e A4)

STJ anula provas da PF contra família de Sarney

O Superior Tribunal de Justiça anulou provas colhidas pela Polícia Federal na operação que investigou parentes do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), por crimes como lavagem de dinheiro. Para o STJ, a polícia fez escutas telefônicas ilegais. (Págs. 1 e A9)

Na ONU, Dilma defenderá pleito palestino

A presidente Dilma Rousseff vai defender o reconhecimento do Estado palestino no discurso que abrirá a Assembléia da ONU, na quarta-feira. Ela também pedirá mais espaço para as mulheres na política. (Págs. 1 e A14)

Vale do Silício aposta na tecnologia limpa

A energia verde ganha espaço no Vale do Silício, relata Renato Cruz. Ao lado de gigantes na internet surgem empresas de painel solar e de carro elétrico. (Págs. 1 e A2)

Crack se espalha pelo sertão do Nordeste

O crack rompeu os limites das grandes metrópoles e avança por cidades de médio porte e isoladas comunidades rurais do Nordeste, relata Pablo Pereira. “O crack faz parte do cotidiano do sertão. E onde há drogas, há armas”, diz o capitão Marcondes Ferraz, da PM pernambucana. Em clínica de recuperação de Juazeiro (BA), já há mais viciados em crack que alcoólatras. (Págs. 1, C8 e C9)

————————————————————————————

Correio Braziliense

Manchete: O novo Eldorado fica às margens da BR-060

No trecho de estrada entre Brasília e Goiânia, o Brasil cresce com velocidade e pujança chinesas: a região já forma o terceiro maior aglomerado urbano do país e, ao longo da rodovia, soma um PIB de R$ 230 bilhões. O número de habitantes, 9 milhões, supera a população das áreas metropolitanas de Porto Alegre e Recife. E os negócios não param de prosperar: Alexânia está pronta para receber um shopping exclusivo para lojas de grife. Em Abadiânia, o médium João de Deus atende uma caravana cada vez maior de estrangeiros e celebridades – como Xuxa Meneghel (foto), que surpreendeu os moradores locais na última quinta-feira. Segundo pesquisadores, o desenvolvimento regional está só no começo. (Páginas 27 a 29)

A República da Hora Extra (Págs. 2 e 3)

Classe Média sufocada em dívidas

O medo do desemprego e a inflação em alta fazem o consumidor brasileiro pisar no freio. Famílias passaram a comprar menos no supermercado e a economizar no lazer. Quem gastou além da conta está numa zona de perigo: as dividas engolem 25,8% da renda dos trabalhadores. (Págs. 14 e 15)

————————————————————————————

Veja

Manchete: Medicina e fé

Na luta contra o câncer, o ator Reynaldo Gianecchini alia o tratamento convencional ao espiritismo.

Saiba por que os médicos reconhecem os efeitos positivos desse tipo de prática (Pág. 1)

Automóveis

O governo encarece os importados e recai na tentação protecionista

Ensino médio

Por que as escolas brasileiras estão perdendo a batalha pela qualidade

————————————————————————————

Época

Manchete: Tempo de megashows

O Rock in Rio e centenas de eventos internacionais tornam o Brasil o palco mais cobiçado do planeta.

Prêmio empresa verde

As 20 empresas brasileiras que mais investem no meio ambiente

Palestina

O que falta para um Estado de verdade

“O Brasil agora está no centro do mundo”

————————————————————————————

ISTOÉ

Manchete: O fim do MST

Os sem-terra perdem apoio e deixam de atrair os batalhões de excluídos que fizeram sua história. O avanço da economia e o combate à miséria esvaziaram o movimento. As novas lideranças formam uma faccção radical que só briga por verbas públicas. (Pág. 1)

Reportagem especial: Como está Israel às vésperas da criação do Estado Palestino

————————————————————————————

ISTOÉ Dinheiro

Manchete: Sentados na grana

Um grupo seleto de investidores tem US$ 20 bilhões para aplicar no Brasil e está de olho em sua empresa. Como sócios capitalistas, os fundos de private equity querem fazer você comprar concorrentes, expandir os negócios e até contratar o executivo dos seus sonhos. Saiba quem eles são e o que eles procuram. (Pág. 1)

Carros importados: volta do protecionismo ameaça consumidor

Tecnologia: traição conjugal vira negócio digital

Imóveis: A nova tacada do BTG pactual

————————————————————————————

Carta Capital

Manchete: Como se faz um ministro do PMDB

Na nomeação de Gastão Vieira para o Turismo, dossiês, chantagem, a Abin e outra vitória de Sarney. (Pág. 1)

Crise

A Europa negligencia os risco e insiste nos mesmos erros. (Pág. 1)

————————————————————————————

EXAME

Manchete: O mundo em transformação

A ascensão da China. A construção do Brasil moderno. A força inovadora dos Estados Unidos. Três grandes fenômenos que moldaram – e moldarão – a economia e os negócios do século 21. (Pág. 1)

————————————————————————————

Zero Hora

Manchete: 4,6 mil homicidas no RS rumam para a impunidade

Provas escassas, testemunhas com medo e anos de descaso limitam êxito de mutirão de policiais e promotores para solucionar crimes cometidos antes de 2007. (Págs. 1, 4 e 5)

Lula atua para destravar a reforma

Com a entrada do ex-presidente em cena, mudanças no sistema eleitoral ficam mais próximas. (Págs. 1, 6 e 8)

A vida com o trauma

Campanha alerta para o crescente exército de sobreviventes do trânsito que enfrentam seqüelas, como o motociclista Ferreira, preso a cadeira de rodas. (Págs. 1, 24 e 25)

Dinheiro: O que falta para a indústria inovar. (Pág. 1)

Clipping Radiobrás

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.