Governo dá ultimato a servidor grevista; Recado é direto, do tipo pegar ou largar: ou funcionários suspendem paralisações, ou não terão aumento algum. Categorias paradas têm até sexta-feira para aceitar acordo, prazo final previsto em lei… – Obras em rodovias ficam só no papel; Na BR-101, nenhum trecho foi duplicado, mas motorista paga. No Rio e em São Paulo, em áreas que foram transferidas à concessionária espanhola durante governo Lula, sobram acidentes…

O Globo

Manchete: Obras em rodovias ficam só no papel

Na BR-101, nenhum trecho foi duplicado, mas motorista paga

No Rio e em São Paulo, em áreas que foram transferidas à concessionária espanhola durante governo Lula, sobram acidentes. De novo mesmo, só a cobrança aos usuários

Quatro anos após a privatização pelo governo Lula, algumas das principais rodovias do país continuam sem as obras necessárias, apesar de todos os pedágios estarem sendo cobrados desde os primeiros meses. Na BR-101, entre Niterói e a divisa com o Espírito Santo, nenhum dos 176,6km de duplicação prometidos foram entregues. Na rodovia Régis Bittencourt, na altura da Serra do Cafezal, em São Paulo, só 4 de 30 quilômetros previstos foram duplicados. A obra, que deveria ser entregue em 2013, ficou para 2016. No local, este ano, houve oito mortes em 249 acidentes. Na BR-381 (Fernão Dias), trecho em obras foi simplesmente abandonado. A espanhola OHL alega dificuldades com licenças. (Págs. 1, 27 e 28)

Executivos trocam estradas pelo aeroporto. (Págs. 1 e 28)

Mensalão: duelo com prazo fixo

O presidente do STF, Ayres Britto, só dará 20 minutos para réplica de Barbosa e 20 para tréplica de Lewandowski. (Págs. 1, 3, 4, Merval Pereira e Míriam Leitão)

Lacerda: PT quis o rompimento

O prefeito de BH, Márcio Lacerda (PSB), disse que o PT forçou o rompimento da aliança vitoriosa em 2008 e nacionalizou a campanha. (Págs. 1 e 10)

Ligação de orelhão será gratuita (Págs. 1 e 32)

História: Nazismo tropical

Partido Nazista no Brasil era o maior fora da Alemanha e da Áustria. (Págs. 1 e 38)

————————————————————————————

Folha de S. Paulo

Manchete: Governo cria estatal para segurar obras, a Segurobras

Aprovada sem alarde, empresa competirá no mercado privado

Sem alarde, o governo Dilma conseguiu aprovar a criação de uma empresa estatal de seguros: a Segurobras.
Com as atenções voltadas para o julgamento do mensalão, a medida provisória foi aprovada no dia 7 pelo Congresso e deve ser sancionada na próxima semana. (Págs. 1 e Mercado B1)

STF estuda como acelerar julgamento do mensalão

Ministros do STF analisam medidas para tentar acelerar o julgamento do mensalão diante do risco de mais um integrante, o presidente do tribunal, Ayres Britto, não atuar na fase final, que estabelecerá as penas dos condenados. A corte já não terá Cezar Peluso.
As propostas são: prazo de 15 minutos para cada um expor o voto, leitura parcial da decisão, e, no caso de opinião semelhante, não repetir a fundamentação. O atual ritmo leva a cálculo pessimista. “Receio que não termine até o fim do ano”, diz Marco Aurélio Mello. (Págs. 1 e Poder A4)

Bilhete Único de Haddad é bilhete ‘mensaleiro’, diz anúncio de Serra

O programa eleitoral de rádio de José Serra (PSDB) chamou o Bilhete Único Mensal proposto por seu adversário Fernando Haddad (PT) de “bilhete mensaleiro”. O ataque ocorre depois de o tucano prometer que não usaria o tema mensalão na campanha eleitoral.
Haddad reagiu dizendo que o episódio denota “descontrole” de Serra. (Págs. 1 e Poder A10)

Marta Suplicy

Enquanto a eleição esquenta, cidade vibra com ‘Av. Brasil’. (Págs. 1 e Opinião A2)

Anatel proíbe Oi de cobrar ligação de orelhões para fixo em 21 Estados. (Págs. 1 e Mercado B4)

Editoriais

Leia “Greve contra o público”, acerca da necessidade de regulamentar paralisações de servidores, e “Abertura à russa”, sobre entrada do país na OMC. (Págs. 1 e Opinião A2)
————————————————————————————

O Estado de S. Paulo

Manchete: Opinião pública não pauta juiz, diz Lewandowski

Ministro revisor do processo do mensalão afirma que esperava críticas por ter absolvido João Paulo Cunha

O ministro revisor do processo do mensalão no STF, Ricardo Lewandowski, disse ontem que já esperava críticas por seu voto pela absolvição do deputado federal João Paulo Cunha (PT-SP) e afirmou não pautar suas decisões pela opinião pública. “Isso faz parte do nosso trabalho. Mas tenho certeza de que o Brasil quer um Judiciário independente” disse. Ele procurou reduzir a importância da divergência de seu voto com o do relator do processo, ministro Joaquim Barbosa, e afirmou que isso auxiliará o tribunal a tomar uma decisão. O ex-ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos disse ontem que o voto de Lewandowski abre caminho para o triunfo da tese de caixa 2 – versão apresentada por alguns dos réus do processo para tentar justificar os saques na boca do caixa. (Págs. 1 e A4)

Candidatos usam ato contra a Nova Luz para criticar Kassab

Os candidatos à Prefeitura de São Paulo Fernando Haddad (PT), Gabriel Chalita (PMDB), Celso Russomanno (PRB) e Carlos Giannazi (PSOL) aproveitaram o protesto realizado ontem por comerciantes e moradores de Santa Ifigênia contra o projeto da Nova Luz – que prevê a desapropriação de áreas – para criticar o prefeito Gilberto Kassab. (Págs. 1 e A10)

Fazenda anula projeções de crescimento

Menos de uma hora após divulgar um boletim com projeções menores para o crescimento da economia e dos investimentos em 2012, o Ministério da Fazenda voltou atrás e pediu que os dados fossem “desconsiderados”. O relatório previa a expansão da atividade em 3% e dos investimentos, em 8,8%. (Págs. 1 e B5)

Construção no Brooklin terá 595 mil m2

O maior empreendimento em área construída de São Paulo será erguido no Brooklin e deve deixar o trânsito na região ainda mais pesado. Com 595 mil m2, o complexo Parque da Cidade terá cinco torres corporativas, um prédio comercial e dois residenciais, shopping, hotel e 8 mil vagas de estacionamento. (Págs. 1 e C1)

STJ julga caso que custará até R$ 10 bi à Petrobrás. (Págs. 1 e Economia, B1 e B4)

Oi é punida e orelhões terão ligações grátis. (Págs. 1 e Economia B15)

Universitária morre na sala de aula em São Paulo. (Págs. 1 e Vida A24)

Steven L. Meyers & S. Shane – Os riscos de uma ação na Síria

Apesar das advertências feitas por Barack Obama, a conclusão de analistas é a de que uma intervenção complicaria a situação no país. (Págs. 1 e Visão Global A22)

Celso Ming – Os trapalhões

Com a suspensão do Paraguai e o ingresso da Venezuela no Mercosul, quem se disporá a negociar se não souber quem pode assinar documentos? (Págs. 1 e Economia B2)

Notas & Informações – A carga dos tribunais superiores

O STJ e o STF têm de julgar desde o pescador de camarões até os réus do mensalão. (Págs. 1 e A3)
————————————————————————————

Correio Braziliense

Manchete: Dilma adverte servidores: 15,8% ou nada

A presidente deu um ultimato: quem não aceitar a oferta – o prazo acaba neste fim de semana – ficará sem reajuste salarial até 2015. O Legislativo aceitou. Policiais federais já descartaram a proposta. Amorim diz que as Forças Armadas podem substituir os grevistas. (Págs. 1 e 20)

Da prisão, Cachoeira chefiava jogo no DF

Investigação da Polícia Civil do DF indica que a quadrilha de Carlinhos Cachoeira – depois de desmantelada em Goiás – migrou para Brasília e, havia seis meses, explorava pelo menos sete bingos eletrônicos na capital do país. Um deles, a apenas 7,5km do Congresso onde uma CPI apura relações do contraventor com políticos. Raimundo Queiroga e outros dois acusados de integrar a organização criminosa foram presos ontem. (Págs. 1, 2 a 4)

Novo reitor vai ser eleito em 2º turno

Nenhum dos 10 candidatos chegou nem perto de conseguir maioria. Os dois mais votados, Ivan Camargo (25,21%) e Márcia Abrahão (21,58%), vão disputar o cargo em segundo turno nos dias 11 e 12 de setembro. Também ontem, em assembléia, professores decidiram não retomar a greve. (Págs. 1, 27 e 28)

Voto indica que revisor não deve culpar Dirceu (Págs. 1, 6 e 7)

História

O cais onde desembarcaram os primeiros escravos no Brasil, no Rio, deve virar Patrimônio da Humanidade. (Págs. 1 e 26)
————————————————————————————

Estado de Minas

Manchete: Quer ficar bonita? Cuidado

Médicos alertam para o risco da explosão de consumo das pílulas da beleza

Disparou a procura pelos chamados nutricosméticos. Suplementos alimentares à base de vitaminas, sais minerais e aminoácidos, eles prometem combater as rugas, retardar o envelhecimento, fortalecer cabelos e unhas, e evitar o acúmulo de gordura e celulite. É uma tendência mundial, mas o produto líder de mercado, presente em 18 países, tem no Brasil sua maior clientela. As fórmulas são vendidas sem receita. É justamente o uso indiscriminado, sem orientação médica, que preocupa os especialistas, pois pode mascarar doenças, causar prejuízos ao fígado e afetar o sistema cardiovascular, entre outros efeitos indesejáveis. (Págs. 1 e 31)

Mineiros compram terras e produzem na Argentina

Investidores do estado lideram grupo de brasileiros que estão adquirindo terrenos no polo de Vale do Uco para produzir em parceria com empreendedor local. (Págs. 1 e 20)

Pensar & Agir

Especialistas debatem sobre consumo e infraestrutura, dilema brasileiro na busca de um modelo de desenvolvimento aliado ao bem-estar da população. (Pág. 1)

Eleições: Lei Ficha Limpa estreia com faxina geral (Págs. 1 e 8)

————————————————————————————

Jornal do Commercio

Manchete: Governo dá ultimato a servidor grevista

Recado é direto, do tipo pegar ou largar: ou funcionários suspendem paralisações, ou não terão aumento algum. Categorias paradas têm até sexta-feira para aceitar acordo, prazo final previsto em lei. (Págs. 1 e 11)

Fábrica investe R$ 600 milhões em Itapissuma (Págs. 1 e Economia 4)

Físicos brilham

Dois brasileiros foram eleitos para o Conselho do American Physical Society. (Págs. 1 e Cidades 5)

————————————————————————————

Zero Hora

Manchete: 188 mil vagas a menos na pré-escola e nas creches

Relatório do TCE mostra que educação gaúcha deixa de atender 62,6% das crianças de cinco anos ou menos. (Págs. 1 e 34)

As mudanças para destravar o Cais Mauá

Obras devem começar até março de 2013. (Págs. 1, 10 e 37)

Clipping Radiobrás

Edição: Equipe Fenatracoop

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.