Policiais da Delegacia de Homicídios, com o apoio da Polícia Militar, prenderam sexta-feira (23), na Rua Pedro Gusso, em frente ao condomínio Parque Verde, Cidade Industrial de Curitiba, um suspeito de distribuir armas no bairro. Carlos Augusto Veras, 21 anos, é apontado pela polícia como fornecedor das armas utilizadas em homicídios recentes ocorridos na Vila Nossa Senhora da Luz.

De acordo com a delegada-chefe da DH, Vanessa Alice, em pelo menos quatro assassinatos, onde foram utilizadas metralhadoras, Veras entregado as armas e munições. No Audi A3 placas EOU-0002, do suspeito, os investigadores encontraram um pacote feito com jornal paraguaio, contendo 25 munições calibre 9 milímetros. “Essa munição é compatível com os projéteis encontrados nos homicídios em que foram usadas metralhadoras”, disse a delegada.

Segundo as investigações, Veras seria integrante do grupo que disputa o comando do narcotráfico na CIC. Ele morava no condomínio, mas mudou para Araucária quando passou a ser procurado pela polícia. “As investigações mostram que veículo de Carlos Veras fez muitas viagens ao Paraguai, possivelmente para adquirir armas e munições e queríamos comprovar a participação dele nos homicídios. Ele já foi reconhecido em um dos casos”, concluiu a delegada.

Após prestar depoimentos Veras foi indiciado por formação de quadrilha e porte ilegal de munição restrita. Com prisão preventiva já decretada pela Justiça, ele foi removido para o Centro de Triagem II, em Piraquara.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.