Prestadores de serviço de transporte escolar e auxiliares de Cambé pedem ajuda ao Executivo durante a pandemia

Queríamos que os pais se conscientizassem para pagar pelo menos metade das mensalidades, já que alguns tem feito isso, pois somos a categoria que mais sofre com a pandemia e temos família para sustentar.

0

Com o período de quarentena contra o Novo Coronavírus, atitudes foram tomadas para diminuir a propagação do vírus. Muitas empresas e autônomos foram obrigados a paralisarem suas atividades em decorrência do Covid-19. Não só empresários e autônomos, mas também empregados, inclusive, colaboradores já foram desligados de seus empregos, pela situação econômica que o país enfrenta nesse momento.

Uma das classes prejudicadas foram os prestadores de serviço de transporte escolar e auxiliares, que desde o início das primeiras contaminações, tiveram suas atividades suspensas, já que as escolas também suspenderam as aulas.

“Nós já vínhamos perdendo a receita por conta de concorrência. Depois da pandemia a renda caiu 90% e solicitamos essa ajuda ao Executivo. A única receita que temos são os recebimentos dos pais dos alunos, que não estamos tendo, precisamos de ajuda para a categoria. Estamos em um período de pandemia e a ajuda nesse momento é extremamente importante”, informaram os motoristas do serviço de transporte escolar de Cambé.

A categoria sugere ao Executivo Municipal e Estadual, para que consigam receber algum auxílio emergencial. O benefício ajudaria as famílias desses trabalhadores autônomos / empresários.

A categoria escolar, segundo a classe, é invisível e corre atrás de algum auxílio de forma legal. Segundo eles, estão com salários zero e essa seria uma ajuda para esse período tão diferente que estamos vivendo. Quem não tem uma reserva ou outro emprego está numa situação mais difícil ainda.

Como as aulas não tem previsão de retorno, a preocupação fica ainda maior, sabendo que nos próximos meses não terão nenhuma receita ou ajuda financeira. “Queríamos que os pais se conscientizassem para pagar pelo menos metade das mensalidades, já que alguns tem feito isso, pois somos a categoria que mais sofre com a pandemia e temos família para sustentar”, ainda enfatizaram eles.

Os prestadores de serviço explicaram que neste momentos não têem gastos com combustível e manutenção do veículos, mas dependem da renda para sobreviverem. As despesas fixas continuam, e esperam por mútuo acordo que os pais não cancelem os contratos e paguem metades das mensalidades.

________________________________________________________________
A Podologia Cambé esta instalada no Centro Comercial Canadá Localizado na Rua Holanda, 263 esquina com a Av Canada, Sala 311 no centro de Cambé, telefone: (43) 3254-7433 e WhatsApp: (43) 9.9918-7889
A Podologia Cambé esta instalada no Centro Comercial Canadá Localizado na Rua Holanda, 263 esquina com a Av Canada, Sala 311 no centro de Cambé, telefone: (43) 3254-7433 e WhatsApp: (43) 9.9918-7889

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.