A primeira coisa a saber é que os custos do atendimento médico no exterior podem variar muito. Porém, existem países onde a assistência médica é muito cara e qualquer procedimento simples pode fazer balançar seu orçamento. Do comparador de assistência ao viajante, Asseguresuaviagem.com, eles comunicam as seguintes informações:

Europa. Um atendimento hospitalar simples custa ao redor de EUR 2.000. Uma internação de dois dias por pneumonia ou gastroenterite, até EUR 40.000. Exames de sangue ou raios-X, entre EUR 150 e EUR 500. E um atendimento odontológico sem complexidade, por volta dos EUR 200.

Estados Unidos. O valor mínimo do atendimento hospitalar é de USD 3.000, e cirurgias ou procedimentos complexos podem sair desde USD 30.000 até USD 100.000. Os cuidados de uma enfermeira, uns USD 1.000 por dia e uma consulta odontológica, USD 200.

Ásia, Austrália e Nova Zelândia. Em estes países o atendimento médico também é caro. Uma internação de dois dias custa entre USD 15.000 e USD 50.000, dependendo da gravidade da doença.

Canadá. Uma consulta com um médico clínico custa ao redor de CAD 350 e um atendimento ou procedimento simples em um hospital, como um braço quebrado, uns CAD 10.000. 

Por que é importante levar um seguro de viagem?

Além das razões econômicas óbvias, as principais razões para não sair de casa sem uma cobertura em viagem são:

Estar coberto diante situações imprevistas

Assim como na vida cotidiana, durante uma viagem muitos imprevistos podem acontecer em qualquer momento. Desde coisas simples como um pequeno atraso do voo ou a demora da bagagem até acidentes ou doenças graves. Ninguém está livre.

Sentir-se seguro e protegido

Contar com seguro de viagem lhe aportará tranquilidade e segurança diante algum problema de saúde, seja da complexidade que for, pois você sabe que será atendido corretamente em um centro especializado.

Caso sofrer o atraso do voo ou a perda da bagagem despachada por parte da companhia aérea, a cobertura em viagem será de utilidade, pois não somente cobrirá os gastos de hospedagem ou traslados, senão que também garantirá os correspondentes reembolsos financeiros dos objetos perdidos.

Evitar gastos fora do planejamento

Já imaginou organizar a viagem dos sonhos, com o orçamento exato para todos os dias do roteiro, e sofrer um imprevisto? Contar com um seguro de viagem evitará que gaste dinheiro em consultas médicas, remédios ou procedimentos de saúde.

Receber atendimento na sua língua

Falar em português não tem preço quando você se tem uma urgência. Imagine ter um problema de saúde ou de outro tipo e não conseguir se comunicar com a pessoa que pode lhe ajudar. Frustrante, não é?

Ao contratar um seguro de viagem poderá se contatar diretamente com atendentes que falam sua língua e entendem o que você lhes explica.

Proteger seus pertences

Se viajar com equipes de esporte ou tecnologia, como pranchas, raquetes, tablets, computadores, entre outros, nada melhor que contar com uma cobertura de viagem caso perder ou quebrar os aparelhos ou dispositivos.

 

O que deve saber ao comprar um seguro de viagem?

Ao contratar uma cobertura para sua experiência no exterior preste atenção ao seguinte:

Alguns destinos exigem seguro de viagem obrigatório

Está viajando para algum país da União Europeia ou para a Austrália? Então vai precisar mandatoriamente de um seguro de viagem internacional para ingressar ao território.

Cada um tem suas características e exigências específicas, por este motivo é sempre bom se assessorar com antecedência.

Conheça a apólice

Para evitar surpresas e momentos desagradáveis na hora de utilizar a cobertura internacional. Por exemplo, se viajar a um lugar onde se fazem esportes, precisará de um seguro que cubra acidentes esportivos.

Existem diferentes apólices de acordo com o perfil do viajante

Pessoas idosas ou com doenças preexistentes e mulheres grávidas precisam uma apólice com coberturas adicionais. Tenha isto em conta na hora de contratar o serviço.

– Saiba o que cobre seu seguro de viagem

Normalmente atendimentos médicos de urgência e emergência estão cobertos, mas também existem outros itens que usualmente se encontram dentro da apólice.

As principais coberturas do seguro de viagem internacional são atendimento médico e odontológico, acompanhante em caso de hospitalização, repatriação sanitária ou funerária, despesas farmacêuticas, hospedagem após alta hospitalar, remarcação de passagem para regresso, reembolso em caso de interrupção ou cancelamento da viagem por motivos médicos.

Também pode incluir indenização em caso e morte ou invalidez permanente ou total, localização de bagagem e indenização por perda, despesas jurídicas e pagamento antecipado de fiança.

 

A diferença entre seguro de viagem e assistência de viagem

Embora sejam parecidas, existe uma diferença entre elas. Com o seguro viagem, o viajante deverá pagar todas as despesas dos atendimentos do seu próprio bolso e depois solicitar o reembolso à seguradora. Para isto é fundamental que guarde todos os comprovantes de pagamento, laudos e notas fiscais. A vantagem é que poderá escolher o local de atendimento, independentemente do oferecido pela apólice.

Ao contratar a assistência de viagem, em casos de urgência ou emergência, o viajante deverá entrar em contato com a seguradora para que lhe indiquem onde pode se atender e quando for atendido, não terá que pagar nada. O benefício é que não precisará desembolsar nada.

 

De quanto deve ser a cobertura recomendada de uma assistência ao viajante por destino?

Embora a tranquilidade de viajar protegido e seguro não tenha preço, é bom saber qual é o monto de cobertura recomendável para garantir que a assistência no exterior seja a melhor possível.

Para jovens e adultos, recomendamos um monto de cobertura mínima de USD 200.000. Os viajantes idosos ou crianças deveriam contar com montantes superiores, devido aos riscos que podem correr são maiores. Para eles aconselhamos apólices que cobram como mínimo USD 300.000.

Claro que também deverá ter em conta os requerimentos mandatórios dos países de destino da viagem e algumas necessidades especiais, como doenças preexistentes ou gravidez. Estas situações podem requerer apólices com coberturas mais amplas, dependendo do caso.

Por este motivo, contratar um seguro de viagem internacional é fazer um investimento não somente na sua saúde e no bem-estar da sua família, mas também proteger seu orçamento e garantir sua tranquilidade durante o percurso.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.