Um cuidado que tem de ser permanente. A higienização e limpeza das casas, estabelecimentos e terrenos para não acúmulo de objetos que podem se tornar criadouros de larvas do mosquito Aedes Aegypti, causador da Dengue, precisa se tornar uma constante na vida do cambeense, já que a manutenção dessa limpeza é uma prática decisiva na proliferação do mosquito.

Segundo informações da Vigilância Sanitária e Ambiental do município, o LIRA- Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes é colhido duas vezes ao ano e segue com o intuito de identificar as áreas que necessitam de intervenções.

O primeiro levantamento feito neste ano aconteceu entre os dias 10 e 14 de março. O resultado do primeiro LIRA atingiu o nível de 2,6, considerado um número que equivale a médio risco de infestação, segundo a Vigilância.

Foto : Gisele Cabrera
Foto : Gisele Cabrera

Até o início da última semana de março, constam 468 casos de dengue notificados e 54 casos confirmados. Ainda de acordo a Vigilância Sanitária e Ambiental de Cambé, os criadouros achados pelas inspeções realizadas são caracterizados como tipo B(vasos/frascos com água, pratos, pingadeiras, recipientes de degelo, bebedouros em geral, pequenas fontes ornamentais, material de construção, objetos religioso-rituais), ou seja, criadouros que poderiam ser exterminados, se cada morador mantivesse sua residência livre de focos de dengue.

“Fazendo a remoção de tudo o que está em desuso,como materiais recicláveis, pneus velhos, caixas, ou seja, qualquer lixo que pode acumular água, o morador contribui diretamente para sua saúde já que não dispõe de criadouros em suas casas”, conta o Chefe de Vigilância Sanitária e Ambiental de Cambé, Maurício Gomes da Rocha Neto.

Segundo informações contidas no LIRA ,as áreas que apresentam maior número de focos do Aedes Aegypti são nas regiões do Manela,Jardim Castelo Branco,Jardim Novo Bandeirantes, CAIC, Ana Elisa II, Campos Verdes, Jardim. Josiane, Jardim Ecoville e Jardim Esperança.

Além de frisar a importância da higienização dos espaços particulares, a Vigilância Sanitária e Ambiental de Cambé organiza mutirões de limpeza, para auxiliar a comunidade a se ver livre da Dengue. Essas ações denominadas por “Mutirões Pente Fino”, contam com a visitação dos Agentes de Endemias as casas, auxiliando a população na limpeza e coleta de materiais que possam ser transformados em criadouros. Para auxiliar ainda mais a comunidade, a Vigilância em conjunto com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente realizará a capina e limpeza de todos os terrenos baldios e fundos de vale, nos bairros divulgados.

Abaixo seguem as datas dos “mutirões pente fino” programadas para 2014:

 

 

1ª etapa De 29 de março a 30 de abril de 2014 (Novo Band. e Silvino), (Sto. Amaro e SP), (Ana Rosa e Guarani) e (Centro e Cambé II);
2ª etapa 14 de junho e 28 de junho/2014
3ª etapa 6 de setembro e 20 de setembro/2014
4ª etapa 22 de novembro e 6 de dezembro/2014

 

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.