Nesta terça-feira (3), por volta das 22h, a equipe policial fez contato com uma mulher vítima de violência doméstica na rua Alvídes Turini, a qual relatou ter tido uma discussão com seu marido, e que durante o conflito, ele a teria agredido com palavras e a segurando de forma brusca seus braços.

A mulher afirmou seu desejo de representar contra o marido e
ainda complementou que no dia anterior foi ameaçada de morte por seu marido, o qual teria dito que ele “sairia de casa,
mas ela iria sair primeiro dentro de um caixão”.

Diante dos fatos, a equipe perguntou a ela se o rapaz possuía alguma arma de fogo em casa, e a senhora respondeu que sim, que ela mesma havia escondido a arma do esposo dentro de um cômodo na residência pelo fato de estar com medo da arma ser usada.

A vítima das agressões mostrou onde guardou a arma e a entregou para a equipe policial, um revólver Taurus cal. 38 municiado com 6 munições.

A arma possuía registro de roubo.

Pelos fatos narrados a equipe deu voz de prisão ao acusado e os envolvidos na ocorrência foram conduzidos à Central de flagrantes.

Equipe: Soldado Toshio e Soldado Gimenez.

Texto: Tenente Emerson Castro,
Comunicação Social do 5° BPM.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.