Quem está por trás da insurreição dos PMs – Ricos e ignorados – A fórmula dos vencedores – Cuidado com as armadilhas dos cursos técnicos – Petistas aprovam ataque à imprensa – R$ 134 bi: É quanto o brasileiro deixou de pagar com o fim da CPMF – Política passada de pai para filho – Cuidado que vem um carro oficial aí! – Encontro: PT vai tentar recriar CPMF e controlar a mídia – Planos de saúde com cara de SUS – Aeroporto no Piauí consome R$ 25 milhões e ainda não existe…

lobo

Manchete: A Justiça que tarda e falha – Estado do Rio arquiva 96% dos inquéritos de homicídio

A pretexto de cumprir meta de produtividade, crimes ficam impunes pelo país

Diante da meta do Conselho do Ministério Público – concluir os inquéritos de homicídios dolosos abertos até 2007 -, promotores brasileiros escolheram o caminho mais curto: arquivaram em massa, para chegar a dezembro com prateleiras vazias. O Rio engavetou 6.447 casos, 96% dos examinados e 51% do total de arquivamentos do país, informam CHICO OTAVIO e TATIANA FARAH. Com isso, evidências foram ignoradas e crimes ficaram impunes. (Págs. 1 e 3 a 9)

Um processo de 52 anos

O mais antigo processo do Supremo, iniciado em 1959, entra na pauta este mês. Questiona a doação de terras em Mato Grosso – mas a área já virou uma cidade. (Págs. 1 e 11)

Banido, padre Vito quer voltar

Um personagem dos tempos da ditadura baterá à porta da presidente Dilma: o padre Vito Miracapillo, expulso do Brasil em 1980 por se recusar a rezar missa pelo Dia da Independência. Ele irá ao Ministério da Justiça e ao STF para recuperar o visto de permanência no país. (Págs. 1 e 17)

Ex-diretor critica BC por inflação alta

Alexandre Schwartsman, diretor do Banco Central no primeiro governo Lula, critica o BC por ter sido precipitado ao cortar os juros. Para ele, a gestão Dilma caminha “de forma hesitante” para o abandono das metas de inflação. (Págs. 1 e 36)

Crise endivida países, mas bancos lucram

Em três anos de crise mundial, os governos já gastaram US$ 12,4 trilhões para socorrer suas economias. No período, seis dos principais bancos globais, entre eles o Goldman Sachs e o JPMorgan Chase, lucraram 40% mais e deram bônus milionários. (Págs. 1 e 31 a 34)

————————————————————————————

O Estado de S. Paulo

Manchete: Varejo adota cautela e já prevê Natal moderado

Estoques em alta e desaceleração do consumo fazem as lojas adiarem encomendas para o fim do ano

As lojas decidiram adiar as encomendas de fim de ano e já projetam um Natal moderado. A expectativa é de crescimento de 5% sobre o de 2010 (o melhor da década), mas abaixo do registrado nos últimos tempos – no ano passado, a alta foi de 15%. Estoques elevados, perda de fôlego do consumo e acirramento da crise externa explicam a cautela, mesmo com a redução dos juros promovida pelo Banco Central. A Associação Comercial de São Paulo diz que houve forte desaceleração das vendas nos últimos dois meses. Já na indústria, pesquisa com 14 setores indica que 11 tiveram elevação de estoques em agosto, quase o dobro de julho. Além disso, 36,5% das indústrias esperam alta da produção entre agosto e outubro. (Págs. 1 e Economia B1)

BC fez ação preventiva

O governo tinha indicações da desaceleração do PIB, o que precipitou a decisão do Banco Central de cortar a taxa de juros em 0,5 ponto porcentual, para 12% ao ano, surpreendendo o mercado. O BC já se prepara para reduzir de 4% para 3,5% a previsão de expansão em 2011. (Págs. 1 e Economia B4)

Foto legenda: Nova ferramenta

Alunos usam tablet em aula de física em São Paulo: escolas desenvolvem metodologias e atividades para se adaptar à tecnologia. (Págs. 1 e Vida A28)

Aeroporto no Piauí consome R$ 25 milhões e ainda não existe

O Aeroporto Serra da Capivara, em São Raimundo Nonato (PI), era para ser um terminal futurista e confortável, com pista de 2,5 km. Em vez disso, o que se vê são ferros retorcidos, concreto aos pedaços, tijolos amontoados, tocos de madeira e pregos enferrujados. As obras estão paradas por falta de verba. O aeroporto, orçado em R$20 milhões, já consumiu R$25 milhões e ainda precisa de R$8 milhões para ser concluído, não se sabe quando. (Págs. 1 e Nacional A4)

2.755 mortos são ‘foragidos’ da Justiça de SP

Entre as 115 mil pessoas procuradas no Estado, 2.755 já morreram. Os nomes foram localizados em cruzamento de informações para o banco nacional de mandados de prisão, do Conselho Nacional de Justiça. O caso do industrial Emilio Conti é intrigante: nem a polícia sabe oficialmente se ele morreu. A ordem de prisão é de 1923. (Págs. 1 e Metrópole C1)

Ministro apoia regulação da mídia em Congresso do PT (Págs. 1 e Nacional A8)

Aliás, ricos com vergonha

Bilionários se dispõem a pagar mais impostos. Para Eduardo Gianetti da Fonseca, isso pode ser só marketing. (Pág. 1)

Fernando Henrique Cardoso

Tempo difícil

As forças da corrupção estão mais enraizadas no poder do que parece. Sem tática, persistência e visão de futuro, será difícil barrá-las. (Págs. 1 e Espaço Aberto A2)

João Ubaldo Ribeiro

Uniforme para deputado

Enquanto o parlamentar estiver de uniforme, é responsabilizado pelos seus atos ilícitos. Se estiver à paisana, pode fazer o que quiser. (Págs. 1, C2 Domingo e D4)

Notas & Informações

Um verdadeiro espanto!

A Unidade Acadêmica de Garanhuns, festejada por Lula, está em “coma profundo”. (Págs. 1 e A3)

————————————————————————————

Correio Braziliense

Manchete: Brasília vira paraíso de grifes superluxuosas

Christian Louboutin, Gucci, Emporio Armani, Polo de Deauville, Le Creuset, Tiffany…Grifes famosas não param de abrir Lojas na cidade. Depois de Rio de Janeiro e de São Paulo, a capital é o mercado mais promissor para o varejo de produtos sofisticados: 42% das empresas do segmento miram o consumidor brasiliense. Mas clientes como a gerente de marketing Soraya Cristina acreditam que ainda é mais vantajoso comprar alguns produtos no exterior. (Págs. 1 e 27)

Planos de saúde com cara de SUS

Com estrutura insuficiente para atender conveniados, planos privados enfrentam problemas que antes eram exclusividade do sistema público de saúde, como atendimento demorado e falta de médicos. (Págs. 1, 14 e 15)

Lago ameaçado

Entre 1994 e 2009, a área urbana em torno do Paranoá cresceu quase 20 vezes e, hoje, ocupa 33% da bacia hidrográfica. O avanço desenfreado da cidade, somado ao assoreamento dos rios que abastecem o lago e ao despejo clandestino de esgoto e lixo, provoca sérios impactos nos recursos hídricos, detalhados em estudo produzido pelo Instituto de Geociência da Universidade de Brasília (UnB). (Págs. 1, 30 e 31)

Cuidado que vem um carro oficial aí!

Em média, veículos a serviço de ministro, parlamentares e magistrados se envolvem em 22 acidentes por mês no Distrito Federal. E a briga das vítimas por Justiça se transforma numa via crúcis. Neste ano, os Três Poderes já gastaram R$2,59 milhões só para pagar multas, um aumento de 90% na comparação com 2010. (Págs. 1, 2 e 3)

Encontro: PT vai tentar recriar CPMF e controlar a mídia

Resolução de Congresso do PT, em Brasília, defende a volta de fonte de recursos “negados” a Lula na saúde, prega a “regulamentação” da imprensa e deve votar hoje moção de apoio a Dirceu, apontado como chefe do mensalão. (Págs. 1, 4 e 6)

Crack: Plano de combate está longe de atingir metas (Págs. 1 e 10)

————————————————————————————

Estado de Minas

BH na contramão

Brasília – Parar a um aceno de quem vai atravessar virou regra no trânsito da capital

São Paulo – Há um mês, intensa campanha instiga motoristas a respeitar os pedestres

Enquanto outras capitais, como Brasília e São Paulo, se mobilizaram para garantir aos pedestres a prioridade nas vias públicas, como determinam o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e o bom senso, Belo Horizonte assiste diariamente a um triste espetáculo de desrespeito a quem anda a pé. Correr para conseguir atravessar a rua, passar em meio aos carros parados sobre a faixa e desviar de veículo que avançou o sinal vermelho são alguns dos desafios flagrados durante a semana pelo Estado de Minas. O problema decorre do descaso de motoristas, sempre com uma desculpa para as infrações, e da falta de fiscalização – só 10,7% das multas se referem a desrespeito ao pedestre. O resultado é trágico: de janeiro a julho, o HPS atendeu 1.616 vítimas de atropelamento, 13% a mais que no mesmo período de 2010. (Págs. 1, 25, 28 e 29)

Importados vão garantir mais vendas no natal (Págs. 1, 16 e 17)

R$ 134 bi: É quanto o brasileiro deixou de pagar com o fim da CPMF

Livres do imposto do cheque desde janeiro de 2008, os correntistas podem voltar a ter um naco de cada transação bancária engolida pelo fisco. Ganha força no Congresso a criação de um tributo semelhante para financiar a saúde. (Págs. 1, 3 e Editorial, na 5)

Política passada de pai para filho

Pesquisa de cientista político da UFMG constata que filhos de pais que se envolvem em causas de interesse público tendem a ser politicamente mais ativos do que jovens não engajados. (Pág. 1 e 8)

————————————————————————————

Jornal do Commercio

Manchete: Verão chega com velhos problemas (Págs. 1 e Cidades 4)

Matemática vale por 25% do Enem

Exame está chegando e o JC publica orientações para os feras a partir da disciplina “bicho-papão”. (Págs. 1 e Cidades 5)

Cuidado com as armadilhas dos cursos técnicos

Oferta de profissionalizantes – sem equipamentos para aulas práticas – como técnico é perigo mais comum. (Págs. 1 e Economia 1 a 3)

Petistas aprovam ataque à imprensa (Págs. 1 e 8)

Estrela se alia a projeto social

O povoado de Serra do Machado, em Ribeirópolis-SE, ganhou uma unidade da Brinquedos Estrela, investimento de R$11 milhões da empresa e de R$10 milhões do JCPM, João Carlos Paes Mendonça. (Págs. 1 e Economia 6 e 7)

————————————————————————————

Veja

Manchete: Parece milagre

Um novo remédio faz emagrecer entre 7 e 12 quilos em apenas cinco meses. E sem grandes efeitos colaterais. Saiba tudo sobre ele. (Página 1)

Especial: 11 de setembro, dez anos depois

Em 31 páginas, como o fundamentalismo islâmico inaugurou a era do medo. (Página 1)

Voto Distrital

Dez motivos para apoiar esta idéia que aumenta o poder do eleitor e diminui a corrupção. (Página 1)

————————————————————————————

Época

Manchete: Dez anos depois

A reconstrução da vida em Nova York, o abalo no poder americano e as marcas deixadas em todo o mundo, pelo maior atentado terrorista da história. (Página 1)

Olímpiada

Porque os atletas de ouro como Fabiana Murer são tão raros no Brasil.(Página 1)

Mistério

O que faz Kassab ter um secretário de governo em Londres.(Página 1)

————————————————————————————

ISTOÉ

Manchete: A fórmula dos vencedores

Conheça histórias como a de Artur Ávida, 31 anos, candidato ao “Nobel” da matemática, e saiba como a ciência, a psicologia e os especialistas em crescimento profissional explicam o que faz uma pessoa chegar ao topo.(Página 1)

Banditismo sindical

Tiros, pancadaria e arruaça. A briga no movimento dos trabalhadores vira caso de polícia. (Página 1)

A década do Medo

Como o atentado às Torres Gêmeas mudou o mundo (Pág. 1)

————————————————————————————

ISTOÉ Dinheiro

Manchete: Como ganhar dinheiro no facobook

Maior rede social do mundo, com 750 milhões de usuários, o site desbanca o Orkut, vira líder no Brasil e se transforma em poderoso canal de negócios para empresas de todos os portes e segmentos. Saiba como faturar nessa nova onda.(Página 1)

Farmácias

Fusão de R$4 bilhões agita o setor. (Página 1)

Bolsas

Os fundos tomam o poder das empresas.(Página 1)

————————————————————————————

Carta Capital

Manchete: Ricos e ignorados

O Brasil sabe tudo sobre seus pobres e quase nada sobre seus abastados. Como esta desinformação impede a redução da desiqualdade.(Páginas 1 e 28)

Dirceu na mira

Murdoch não faria melhor que Veja(Páginas 1 e 34)

Caso Battisti

Reconstituição definitiva e inútil.(Páginas 1 e 68)

————————————————————————————

EXAME

Manchete: Quanto você vale 2011

Salários+bônus+ações

Pesquisa Exame/Hay Group mostra que os executivos brasileiros nunca ganharam tanto.

Mobilidade: Em crescimento e pagando salários cada vez melhores, as empresas do Nordeste atraem profissionais dos grandes centros.

No topo: As empresas criam novos cargos de diretoria – e ampliam sua base de executivos.

Carreira: Os cargos mais valorizados pelas grandes companhias (Página 1)

Exclusivo

Carlos Brito: Presidente mundial da AB Inbev fala sobre meritocracia, crescimento, fidelidade – e cerveja. (Página 1)

————————————————————————————

Zero Hora

Manchete: Quem está por trás da insurreição dos PMs

ZH revela que maior onda de contestações da história da Brigada Militar conta com aliados do PT e policiais que já serviram na Casa Militar e no Piratini. (Págs. 1, 6 e 26 a 28)

Parece mas não é: Diferenças entre lobby e corrupção

Por que profissão ganhou cunho pejorativo no Brasil. (Págs. 1, 4 e 5)

Empregos & Oportunidades: Os avanços obtidos com a lei do estágio (Págs. 1 e Encartado nesta edição)

Clipping Radiobrás

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.