Copa Sub-15 movimenta Cambé

0
Na última semana os moradores de Cambé puderam desfrutar do espetáculo esportivo mais popular do país. Os jogos da 9ª Copa Brasil Sub15 propiciaram aos cambeenses as emoções dignas de um grande campeonato de futebol, com direito a torcida organizada, faltas, polêmicas, belos lances e muitos gols. Foram 14 jogos sediados no Estádio Municipal José Garbelini com as equipes de base dos principais clubes brasileiro. O campeão desta edição da Copa, o Vitória da Bahia, teve como sua “casa” no campeonato a cidade de Cambé.
O técnico da equipe campeã, Sérgio Odilon, agradeceu a recepção dada ao Vitória, “Nós fomos muito bem recebidos, a cidade foi muito acolhedora com a equipe do Vitória, dando toda a atenção necessária. Nós só temos motivos para agradecer a Cambé”, afirmou Odilon e ressaltou a importância da Copa. “É um campeonato muito disputado, com as revelações dos melhores times do Brasil”, avaliou o treinador do Vitória. O time baiano jogou a primeira fase da competição em Cambé e voltou para disputar a semifinal contra o Atlético Mineiro. O Vitória venceu o Fluminense, equipe também sediada em Cambé no campeonato, por 3 a 2 na final realizada em Londrina.
A população aprovou a realização da Copa na cidade. O Sr. José Lourival e sua esposa, Maura Pereira Costa, foram a todos os jogos no estádio e comemoraram o campeonato. “É muito bom a Copa aqui, é mais uma opção de distração para nós”. A possibilidade de ver futuras revelações do futebol foi o que motivou o cambeense Hudson a prestigiar os jogos da Copa. “É uma boa iniciativa sediar este campeonato, a gente pode acompanhar desde pequenos esses jogadores que talvez daqui uns anos podem jogar nos grandes times”, afirmou ele. Para o Sr. Dorival Rodrigues, apesar do nível amador, o campeonato teve bons momentos. “A tarde dos jogos do Santos contra o Fluminense e do Vitória contra o Atlético Paranaense foi muito boa. A molecada mostrou um futebol de gente grande” comentou Rodrigues que aproveitou para cobrar mais jogos do CAC, Cambé Atlético Clube, “para quem gosta de futebol, como eu, é muito bom assistir os jogos dessa Copa, já que o CAC parece estar parado”.
A realização da Copa em Cambé também deu visibilidade para a cidade em nível nacional. Segundo o secretário de esportes, Fábio Fernandes, a repercussão do campeonato na mídia ajudou a divulgar o interesse da cidade nos esportes. “É a cidade de Cambé entrando no calendário esportivo nacional”, completou o secretário.
Para Fernandes, a Copa além de propiciar momentos de lazer para a população, trouxe estímulo para jovens atletas cambeenses. “O campeonato também serviu como incentivo para as crianças praticarem esportes e participarem dos projetos que a prefeitura oferece”, afirmou ele.
Apesar do fim desta edição da Copa, o esporte na cidade não pára. Os Jogos Abertos de Cambé continuam até o dia 30 de julho em vários locais da cidade. A equipe Cambé Futsal está disputando a chave prata do Campeonato Paranaense de Futsal, com jogos no dias 31 de julho e 14 de agosto na Quadra do Ana Rosa. Em agosto crianças até 11 anos podem participar da Copa Madeireira Chavantes de Futsal na Praça São Paulo. Cambé também será sede da fase regional dos Jogos Abertos do Paraná no fim de agosto. Opções de lazer e esporte não vão faltar para os cambeenses neste ano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Eu Aceito a Política de Privacidade

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.