Manchete dos Jornais neste sábado, 09 de julho de2016
Postado por: Equipe Portal Cambé Em 9th julho 2016

Atirador que matou 5 nos EUA era veterano de guerra
Micah Johnson, que alvejou policiais em ato em Dallas, serviu no Afeganistão
Micah Xavier Johnson, 25, identificado como o atirador que matou cinco policiais em Dallas na quinta, era veterano do Exército dos EUA e serviu no Afeganistão. Ele abriu fogo contra agentes que escoltavam um ato pacífico contra mortes de negros pela polícia. O presidente Barack Obama disse que o país está “horrorizado”. “Ocorreu um ataque perverso, calculado e desprezível contra autoridades”, afirmou na Polônia. ..


O Globo

Manchete : EUA temem novos conflitos após ataque racial no Texas
Veterano do Afeganistão, atirador negro disse que queria matar brancos
Cinco policiais foram mortos e sete ficaram feridos em atentado a tiros num protesto motivado pela violência contra negros na noite de anteontem; autoridades descartam ligação com grupos terroristas
As autoridades temem o acirramento dos conflitos raciais nos EUA após o maior ataque com mortes de policiais no país desde o 11 de Setembro, na noite de anteontem, quando um ex-militar negro matou cinco agentes e feriu sete numa manifestação em Dallas, Texas. O presidente Obama chamou o ataque de “perverso, calculado e desprezível”. (Págs. 22 a 24)

Impasse pode adiar para agosto eleição na Câmara
Presidente interino passou escolha para quinta, mas há resistência do centrão; PMDB terá ao menos 4 candidatos
O clima de disputa em torno da sucessão de Eduardo Cunha na presidência da Câmara é tanto que não há consenso sequer sobre a data da eleição. O presidente interino da Casa, Waldir Maranhão, adiou para quinta-feira e chegou a tirar as urnas de votação de dentro da Câmara. O adiamento poderá levar a eleição para agosto. Os deputados do centrão, que terá nove candidatos, tentarão de novo manter a data de terça-feira. Até o PMDB, partido do governo, se dividiu e deve lançar ao menos quatro nomes. (Págs. 3 e 4)

Meirelles queria subir impostos
Nas discussões sobre a meta fiscal de 2017, que prevê um déficit de R$ 139 bilhões e foi anunciada anteontem, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, defendeu o aumento de impostos. Mas, segundo um interlocutor do presidente interino, Michel Temer resiste à proposta. (Pág. 19)

MÍRIAM LEITÃO – Pesquisa mostra que o brasileiro é contra o aumento de impostos e a favor do ajuste. (Pág. 18)

Dólar mais baixo anima vendas
O dólar perto de R$ 3,30 levou alívio a agências de viagem e importadores. Vendas em delicatessens do Rio subiram mais de 20%. (Págs. 17 e 18)

Inflação perde fôlego na crise
Apesar da alta de alimentos como feijão e leite, a inflação recuou para 0,35% em junho, metade da taxa de maio, devido à recessão. (Pág. 19)
Rio 2016

Turistas à mercê de táxis ilegais
Teste feito pelo GLOBO para saber como turistas são recepcionados no Rio revela que táxis ilegais, no desembarque do Galeão, cobram até R$ 260 por uma corrida até Copacabana, quase quatro vezes mais do que o valor correto. De ônibus, a viagem foi tranquila. (Pág. 8)

Jogos têm 71% dos ingressos vendidos (Pág. 28)

Colunas
Jorge Bastos Moreno – Advogado de Cunha previu derrota onde ele achou que teria salvação (Pág. 3)

Zuenir Ventura – Renúncia de Cunha deve deixar Renan preocupado (Pág. 15)

Frei Betto – Na crise nossos paradigmas parecem ruir (Pág. 25)

Washington Fajardo – Minha Casa Minha Vida não é política habitacional (Pág. 15)


O Estado de S. Paulo

Manchete : Lula e Temer travam disputa pelo comando da Câmara
Enquanto PT negocia apoio a Rodrigo Maia, do DEM, Planalto busca um ‘perfil confiável’ para cargo
A ala majoritária do PT negocia apoio ao candidato do DEM, Rodrigo Maia (RJ), na sucessão à presidência da Câmara. A ideia é que a oposição – PT, PCdoB e PDT – se una a antigos adversários, como DEM, PSDB e PPS, para enfrentar o Centrão, bloco que reúne cerca de 270 deputados e foi fundamental para aprovar o impeachment de Dilma Rousseff. Nos bastidores, a avaliação é de que Maia será o único capaz de enfrentar o candidato do Centrão, que pode ser Rogério Rosso (PSD-DF), apoiado pelo Planalto até agora. Para o grupo do ex-presidente Lula, só assim será possível se contrapor a Michel Temer. O Planalto quer um “perfil confiável” para o cargo. O governo depende de estabilidade para aprovar projetos. Além disso, o novo presidente terá a responsabilidade de analisar pedidos de impeachment contra Temer e será o primeiro na linha sucessória caso Dilma seja afastada definitivamente. (Política A4 e A6)

João Domingos – O momento político e econômico do País é grave. Por isso, mais do que nunca, o deputado que vier a assumir a presidência da Câmara não pode ser um interesseiro qualquer. Pede-se a ele que tenha modos. (A6)

Auditores da Receita Federal ameaçam parar na quinta-feira
Servidores da Receita Federal ameaçam parar na quinta-feira por causa da demora do governo em enviar ao Congresso projeto de reajuste salarial de auditores fiscais. Responsável pela arrecadação da União, o órgão é considerado crucial para o ajuste fiscal. A menos de um mês do início da Rio-2016, a categoria não descarta estender a greve a operações que cuidam do embarque e desembarque de passageiros em aeroportos. (Economia B1)

Inflação cai para 0,35% em junho
A inflação oficial medida pelo IPCA foi de 0,35% em junho, abaixo do 0,78% registrado em maio. A taxa acumulada em 12 meses caiu de 9,32% para 8,84%. (Economia B6)

Veterano de guerra, atirador queria matar policiais brancos
Micah Xanier Johnson, negro, 25 anos e veterano da guerra do Afeganistão, foi o autor dos disparos que mataram cinco policiais na noite de quinta-feira, durante protesto contra abusos sofridos por negros em abordagens da polícia. Johnson teria dito que queria “matar policiais brancos”. O presidente Barack Obama condenou a violência. (Internacional A8 e A9)

Notas&Informações
Realismo e austeridade – Meta fiscal é realista, mas será preciso ir muito além do esforço prometido para 2017 e 2018 (A3)

Carta de uma mulher honesta – Em sua defesa no Senado, Dilma Rousseff faz auto-glorificação piegas e exalta seu governo falido (A3)


Folha de S. Paulo

Manchete : Atirador que matou 5 nos EUA era veterano de guerra
Micah Johnson, que alvejou policiais em ato em Dallas, serviu no Afeganistão
Micah Xavier Johnson, 25, identificado como o atirador que matou cinco policiais em Dallas na quinta, era veterano do Exército dos EUA e serviu no Afeganistão. Ele abriu fogo contra agentes que escoltavam um ato pacífico contra mortes de negros pela polícia. O presidente Barack Obama disse que o país está “horrorizado”. “Ocorreu um ataque perverso, calculado e desprezível contra autoridades”, afirmou na Polônia. (Mundo a9)

Sucessão na Câmara abre racha na base aliada de Temer
A disputa pela sucessão de Eduardo Cunha na presidência da Câmara causa fissuras na base de apoio de Michel Temer. A data da eleição opõe PMDB e “centrão” a PSDB, DEM e PSB. Um dos últimos recursos de Cunha para tentar anular seu processo de cassação foi rejeitado ontem. (Poder a4)

‘Mulher não renuncia, não cede na luta’, ironiza Dilma em SP. (Poder a6)

Demanda fraca faz inflação subir menos em junho
A inflação pelo IPCA desacelerou em junho e ficou em 0,35%, menos da metade do registrado em maio. Segundo economistas, a baixa demanda dos consumidores começa a pressionar os preços. Alguns serviços de lazer ficaram até mais baratos no mês, mas os alimentos ainda devem continuar subindo. (Mercado a13)

Ex-presidente FHC, 85, fará um implante de marcapasso (Poder a8)

Participação de Temer na abertura da Olimpíada do Rio se resumirá a uma única frase (Esporte b9)

Leandro Colon
Peculiar, eleição pode contrariar o óbvio e a lógica
Em uma eleição para a presidência da Câmara, a lógica pode ir às favas. Rodrigo Maia (DEM-RJ) diz haver coalizão para lançá-lo candidato. Maia apoia Temer (PMDB) e o impeachment de Dilma (PT). Mas não é apoiado pelo PMDB e pode ser por deputados do PT. (Opinião a2)

Mônica Bergamo
Porto cubano será alvo de auditoria de governo interino (Ilustrada c2)

Editoriais
Leia “Censura ao ‘pixuleko’”, sobre investida do STF contra os bonecos infláveis, e “O peso da comida”, acerca de estudo dos hábitos adolescentes. (Opinião a2)


Edição: Equipe Fenatracoop, Sábado, 09 de Julho de 2016

Compartilhe nossa Matéria