O Globo

Manchete: Em revés para o PSDB, Aécio vira réu por corrupção
Por unanimidade, 1ª Turma do STF aceita denúncia contra senador
Gravado em conversa com Joesley Batista na qual pedia R$ 2 milhões, tucano diz que vai provar sua inocência; ele alega que a quantia era um empréstimo para pagamento a advogados
O senador Aécio Neves (PSDB-MG) tornou-se ontem réu sob as acusações de corrupção passiva e obstrução da Justiça. A denúncia, aceita por unanimidade na 1ª Turma do STF, se baseia na delação dos executivos da J&F, após gravação de conversa na qual ele pede ao empresário Joesley Batista R$ 2 milhões. Aécio alega que se tratava de empréstimo destinado a pagar advogados. A Polícia Federal flagrou o recebimento de uma parcela de R$ 500 mil, em dinheiro vivo, por emissários do senador. A decisão do STF causa embaraço ao PSDB. O pré-candidato do partido a presidente, Geraldo Alckmin, evitou ontem defender o colega. Aécio disse que vai provar sua inocência. (PÁGINAS 3 e 4 e editorial “Aécio convertido em réu abala teoria persecutória do PT”)

Demóstenes é autorizado a se candidatar (PÁGINA 6)

MERVAL PEREIRA
Decisão do Supremo é um duro golpe em todo o PSDB. (PÁGINA 4)

ROBSON BONIN
Tucano prometia construir “projeto honrado”. (PÁGINA 3)

Temer aposta em liberação de até R$ 66 bi
Com a retomada da atividade patinando, o governo recorre a medidas sem impacto fiscal para estimular a economia. Redução do compulsório e permissão para saques do PIS/Pasep, entre outras ações, têm potencial de injetar R$ 66 bilhões este ano. Temer quer usar iniciativas econômicas para aumentar popularidade. (PÁGINA 17)

Crimes em alta na intervenção
Em março, primeiro mês completo da intervenção federal na Segurança Pública do Rio, os roubos de veículos, cargas, a pedestres, em ônibus e de celulares registraram seus piores índices da série histórica. (PÁGINA 8)

————————————————————————————

O Estado de S. Paulo

Manchete: Aécio é réu no STF; PSDB tenta se afastar do senador
Pré-candidato e presidente do partido, Alckmin diz que ‘lei é para todos’ após lamentar decisão da Corte
A 1.ª Turma do STF aceitou a denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) por corrupção passiva e obstrução da Justiça com base na delação do Grupo J&F. Aécio se tornou réu na investigação sobre supostas irregularidades no repasse de R$ 2 milhões de Joesley Batista. O senador também é acusado de tentar atrapalhar investigações da Lava Jato. “Terei oportunidade que não tive até aqui de poder provar de forma clara e definitiva a absoluta correção dos meus atos”, afirmou o senador, alvo de outros oito inquéritos no STF. Ontem, tucanos procuraram dissociar o episódio da conduta geral do partido. A preocupação é evitar que o desgaste atinja Geraldo Alckmin, presidente do PSDB e candidato ao Planalto. Alckmin disse que viu a decisão com tristeza e que Aécio terá oportunidade de se defender, mas “a lei é para todos” e a decisão do STF “precisa ser respeitada”. “Não existe Justiça verde, amarela, azul, vermelha, existe Justiça”, afirmou. (POLÍTICA / PÁGS. A4 e A6)

Vera Magalhães
Dilma, Aécio e a Lava Jato
A Lava Jato une o destino dos dois finalistas da eleição de 2014. Ver na Justiça uma tentativa de criminalizar a política é inverter responsabilidades. (PÁG. A6)

Mensalão mineiro
Ex-presidente do PSDB, Eduardo Azeredo pode ser preso na próxima semana, após julgamento de recurso. “Que Deus ilumine os desembargadores”, disse, sobre a 9ª Câmara Criminal de BH. (PÁG. A8)

Exportação de frango faz País ir à OMC contra União Europeia
O Brasil vai recorrer à Organização Mundial do Comércio (OMC) contra a decisão da União Europeia de suspender a compra de carne de frango do País. Segundo o ministro Blairo Maggi (Agricultura), o bloco não acatou os apelos do governo e anunciará o descredenciamento de nove unidades da BRF. Os europeus alegam preocupações sanitárias. O Brasil é o maior exportador do produto no mundo. (ECONOMIA / PÁG. B10)

Pane em Belo Monte paralisa hidrelétrica
Com capacidade para fornecer energia a 4 milhões de pessoas, a Usina de Estreito (MA) desligou as turbinas após apagão da linha de transmissão de Belo Monte, em março. (PÁG. B3)

Inflação deve ser de 14.000% na Venezuela
O FMI prevê inflação de quase 14.000% na Venezuela em 2018 e queda do PIB de cerca de 15%. O salário mínimo não chega a 1,3 milhão de bolívares. O valor corresponde a cerca de US$ 2,50 no câmbio paralelo. (INTERNACIONAL / PÁG. A11)

Disputa faz ações da Eletropaulo subirem (ECONOMIA / PÁG. B14)

MP quer que Unesp e USP devolvam diárias (METRÓPOLE / PÁG. A14)

Ataque a caixa eletrônico se espalha por SP
Nos últimos três anos, 336 cidades do Estado de São Paulo já registraram pelo menos um ataque a bancos e caixas eletrônicos. Bandidos miram cidades com pequeno efetivo policial e usam explosivos nas ações. (METRÓPOLE / PÁG. A12)

Monica De Bolle
O governo que herdar a atual crise de desconfiança terá dificuldade para convencer a população dos méritos de seus ajustes. (ECONOMIA / PÁG. B2)

Notas & Informações
A necessária segurança jurídica
Encaminhado para sanção presidencial, Projeto de Lei 7.448/2017 é sumamente importante e fixa regras claras para a aplicação do Direito Público. (PÁG. A3)

Não há lei que baste
Boa parte da opinião pública resiste às privatizações graças a uma sistemática campanha de desinformação e sabotagem. (PÁG. A3)

————————————————————————————

Folha de S. Paulo

Manchete: Acusado de corrupção, Aécio Neves se toma réu no Supremo
Senador tucano, ex-candidato à Presidência, responderá a ação penal; ele nega as imputações
A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal decidiu ontem receber denúncia da Procuradoria-Geral da República contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG), acusado de corrupção passiva e de obstrução da Justiça. A acusação pelo primeiro crime foi acolhida por unanimidade pelos cinco ministros. A segunda foi recebida por maioria, de 4 a 1. Com o resultado, Aécio torna-se réu em ação penal no Supremo pela primeira vez. A denúncia advêm de gravação feita por Joesley Batista, em que o senador pede R$ 2 milhões ao empresário da JBS. O valor seria repassado em algumas entregas —uma delas, a um primo do senador, foi filmada pela PF. Aécio diz que o dinheiro constituía empréstimo. “Recebo hoje com absoluta tranquilidade a decisão, já esperada. Agora, terei a oportunidade de provar de forma clara e definitiva a absoluta correção dos meus atos.” Geraldo Alckmin, pré-candidato à Presidência pelo PSDB, expressou tristeza por Aécio, que concorreu ao cargo pelo partido em 2014, mas afirmou que decisão judicial se respeita e que a lei vale para todos. (Poder A4)

ELOÍSA M. DE ALMEIDA
Para a corte, caiu a delação de Joesley, mas não seus frutos (Poder A6)

HÉLIO SCHWARTSMAN
Jurisprudência sobre a corrupção evolui, e é correto que o faça (Opinião A2)

PAINEL
Tucanos avaliam que decisão liquida chance de o senador se reeleger (Poder A4)

Candidatura não depende de rivais, diz Marina Silva
Pré-candidata à Presidência, Marina Silva (Rede) afirma que pode governar com PT, MDB e PSDB pelo fim de um “Estado perdulário”. Sobre aliança com Joaquim Barbosa, do PSB, diz que sua candidatura não depende de adversários. Acredita, porém, que o ex-presidente do STF trará grande contribuição para o processo político. (Poder A8)

Mônica Bergamo
Aliados de Barbosa e Marina almejam chapa conjunta
A possibilidade de uma chapa que una Joaquim Barbosa (PSB) e Marina Silva (Rede) na eleição presidencial está no radar de apoiadores de ambos. O ex-presidente do STF Carlos Ayres Britto decidiu promover encontro entre eles para tentar um entendimento. (Ilustrada C2)

Preços de etanole gás não têm queda para o consumidor
A retração nos preços do etanol e do gás de cozinha nas usinas e nas refinarias, que ocorre há quatro semanas, atingindo 20% e 9% respectivamente, não tem chegado ao consumidor. Na bomba, o valor do etanol caiu só 0,4%. 0 preço do botijão de gás teve queda similar, de 0,3%. (Mercado A17)

Em Cuba, ditador sairá de cena, mas não deixará o poder (Mundo A11)

Editoriais
Leia “Truculentos e p u eris” , acerca de invasões promovidas por MST e MTST, e “Bases frágeis” , sobre avaliações de Alckmin e Doria no Datafolha. (Opinião A2)

————————————————————————————

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.