A Polícia Militar do Paraná lançou neste sábado (1º/12), em todo o estado, a Operação Natal com o objetivo de aumentar a segurança da população principalmente no horário em que o comércio está em funcionamento e recebe milhares de pessoas por conta das festas de final de ano e recebimento do 13º Salário. O reforço será de 3,5 mil policiais militares em todo o estado, sendo 1,2 mil somente para Curitiba e Região Metropolitana (RMC). A Polícia Civil e a Guarda Municipal apóiam a operação.

A operação foi lançada na Boca Maldita, no centro de Curitiba, e contará com 2 mil alunos-soldados, que neste sábado iniciaram o estágio supervisionado, além de mais 1,5 mil policiais militares do efetivo administrativo. “Vamos suspender o expediente em alguns horários e esses policiais vão às ruas para que possam também atender nossa comunidade com policiamento ostensivo. Só em Curitiba especificamente serão 800 policiais”, explicou o comandante-geral da PM, coronel Roberson Luiz Bondaruk.

Segundo o subcomandante-geral da PM, coronel Cesar Alberto Souza, a intensificação do policiamento se dará das 7 às 23 horas de segunda a sábado, e nos domingos, até às 19 horas, e segue até o dia 24/12. “O reforço policial acontecerá nas áreas comerciais e de grande aglomeração de pessoas, por meio de policiamento a pé e motorizado, devido à proximidade das festas de fim de ano e grande circulação de dinheiro no comércio”, disse.

Policiais estarão em áreas comerciais, próximo a feiras, bancos, praças, calçadões, lojas e lugares de concentração de pessoas. A finalidade também é prevenir e coibir roubos e furtos, proporcionando segurança e tranquilidade à população. Dessa forma, as pessoas que moram ou circulam nas áreas comerciais podem ficar mais tranquilas na hora das compras natalinas.

Segundo o coronel Roberson, a criminalidade aumenta nesta época pelo fato de que há mais pessoas fazendo compras e consequentemente mais dinheiro circulando. “É um momento que merece atenção, não apenas aumentamos nosso efetivo, mas também precisamos da participação do cidadão que é fundamental, tendo mais atenção com os cuidados mínimos. Sendo assim, também iremos realizar o reforço nos centros comerciais dos bairros”, ressaltou.

“A segurança precisa de muita atenção e muito cuidado, não apenas das pessoas se prevenirem, mas dos profissionais de segurança fazendo um bom trabalho e protegendo nosso povo. A Polícia Militar reforça o policiamento está à disposição da comunidade. Queremos que este Natal seja mais seguro para todos”, afirmou o comandante-geral da PM.

INTERIOR – Durante a Operação Natal, no interior do estado, 2,3 mil policiais militares reforçarão as seguintes regiões: o 2º Comando Regional da PM em Londrina (2º CRPM); o 3º Comando Regional da PM em Maringá (3º CRPM); o 4º Comando Regional da PM em Ponta Grossa (4º CRPM), e o 5º Comando Regional da PM em Cascavel (5º CRPM). No Interior o procedimento será o mesmo realizado na Capital com reforço no policiamento próximo aos locais de grande aglomeração de pessoas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.